Cura dos traumas das perdas pela morte

Materia---P---269x329

Márcio Mendes – Créditos: Wesley Almeida/Canção Nova

Os traumas pelas perdas são curados quando a gente desabafa

Cura dos traumas da morte é ter que chorar. A gente precisa desabafar. O que as pessoas vivem quando perdem um familiar? Em pouco tempo você tem voltar ao ritmo do trabalho, dos afazeres, não é da vida, mas dos afazeres.

É preciso ter tempo para viver o luto

Precisamos chorar. Deixe a pessoa chorar! Às vezes aparece até um “espírito de porco” e diz: “Você tem que ser forte, sua família depende de você”, “Você tem que ser forte!”.

E depois do dia do enterro a pessoa já tem que voltar ao trabalho. Até recebe os pêsames , mas tem que voltar as atividades normais. Não tem tempo para chorar, para viver o luto. Aí, passado um tempo a pessoa entra em depressão, e porque? Porque não viveu o luto que teria que viver.

Há certas feridas dentro de nós que não adianta enterrar. Temos que chorar.

Jesus está perguntando para você hoje: “Porque choras?”. E Ele pergunta, não porque Ele não sabe, nem porque o seu motivo seja pequeno, mas para você ter um motivo para desabafar.

Cristo nos ensina que precisamos desabafar na presença de Deus.

O desabafo cura

Até mesmo Jesus, quando chorou teve um anjo que o acompanhava, nos momentos mais difíceis da Sua vida, em que Ele ficou triste, Ele teve medo da morte, assim como eu e você. Diante da morte, Ele não queria morrer, Jesus queria levar a Sua missão até o fim, mas entendeu que para levar a sua missão até o fim Ele seria morto. Mesmo magoado e deprimido, decidiu aceitar a vontade de Deus para Ele.

E um fato interessante, quando Ele aceitou a vontade de Deus, Deus enviou um anjo para confortá-lo.

O conforto não é o que o seu sofá te dá. Jesus é que dá conforto.

Jesus buscou ajuda e recebeu. Detalhe! O pedido de Jesus foi “Pai afasta de mim este cálice”, mas o Pai esperou que Ele fizesse o pedido certo “Mas, que se faça a sua vontade”. O Pai não queria a morte de Jesus, Deus não quer desgraça para ninguém, mas ele quer que levemos nossa missão até o fim.

E no momento em que Jesus uniu a vontade Dele a vontade do Pai, a força veio.

Peça sempre, converse com Deus, faça seu pedido em tudo. “Que eu não seja mais perseguido”, “afasta de mim essa dor, tira de mim esse sofrimento”. Mas, una a sua vontade a vontade do Senhor.

Todo mundo morre, e todos nós iremos passar por esse sofrimento. Ou será com você ou com um ente querido. E uma certeza que podemos ter é que Deus enviará um anjo para nos consolar.

800x300-ImagemDestacada

Márcio Mendes prega no Acampamento Cura dos traumas da morte – Créditos: Wesley Almeida/Canção Nova

Deus dá a graça para vivermos essa situação. Jesus pessoalmente quer confortar o seu coração.

Deus envia um anjo

No meio de uma grande dor, é difícil aceitar esse tipo de ajuda. E as vezes a pessoa não quer incomodar os outros, então guarda tudo para si. Mas, é um erro você se isolar, você não vai dar conta dessa dor sozinho.

Muita gente só melhora quando começa a desabafar. Talvez você diga a si mesmo: “Ah, mas eu não tenho ninguém para desabafar”. Então vá se confessar com o padre, confesse com frequência.

Até porque, pode ser que a gente tenha muitos remorsos. “Será que a pessoa sabia o quanto eu a amava?”, “Haviam coisas que eu gostaria de ter dito e não disse”, “Uma vez ele me pediu perdão e eu não perdoei, porque eu estava muito magoado”.

Conversar, desabafar, ajuda a organizar os sentimentos dentro de você.  E se for em confissão, além de organizar tudo em nós, sobe ao céu em intercessão pela pessoa.

O sacerdote é um anjo enviado por Deus, e eu não estou alienando ninguém, até porque anjo significa enviado de Deus.

Quanta gente no momento de sofrimento ganhou um amigo, uma amiga. Você já parou para pensar que se não fosse aquele sofrimento do passado, certas pessoas não estariam na sua vida?

Olhe com atenção as pessoas que estão a sua volta, cercando você e com certeza irá descobrir um anjo disfarçado.

Jesus não desampara você. Ele não te deixa. E se você não deixar Jesus o Pai realiza a graça na sua vida.

Quem não crê em Deus vive desesperado.

Você não está sozinho!

Transcrição e adaptação: Sandro Arquejada

Veja também:
::Cura do medo da morte
:: É preciso entregar quem você ama para Deus
:
: O amor é mais forte que a morte

 


Márcio Mendes


Missionário da Comunidade Canção Nova, teólogo e escritor

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo