Pão da Vida (Jo 6,30-58)

paodavida

Padre Roger Luis. Foto: Arquivo cancaonova.com

Nós somos a Igreja do Pão da Vida

Na Quinta-feira Santa, vamos celebrar a instituição da Eucaristia, e a Igreja celebra este mistério grandioso! Enquanto eu meditava a passagem João 6,30-58, ficava pensando: Jesus está falando de vida eterna. Como um povo, que foi chamado a viver um encontro com Cristo, a nossa vida está profundamente vinculada a este Pão do Céu, à Eucaristia, uma experiência contínua com o Senhor no Santíssimo Sacramento, principalmente na Santa Missa, mas também na adoração.

Todos os domingos nós a recebemos, e ela é de graça, é doação, Ele é o Pão da vida que o Senhor nos dá. Os santos vão dizer que o mundo ainda não foi pulverizado por causa da
Santa Missa. Quando você está numa capela, e o padre celebra a Eucaristia, aquele lugar se torna o centro do universo, pois lá acontece a salvação da humanidade. É um sacrifício contínuo que vai trazendo a força da salvação para mundo.

“Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome, e quem crê em mim nunca mais terá sede” (Jo 6,35). Jesus sacia a fome que o Pai deixou em nosso coração.

Vida de eternidade

“Eu sou o pão vivo que desceu do céu. Quem come deste pão viverá eternamente. E o pão que eu darei é a minha carne, entregue pela vida do mundo” (Jo 6,51). Ele não quer nos perder, por isso trabalha constantemente, porque quer que ressuscitemos no última dia. O Senhor quer que tenhamos vida. Não pense simplesmente na vida nesta terra, mas uma vida de eternidade.

padre Roger luis

“Seu encontro com a eucaristia precisa ser diferente, precisa ser vibrante” Padre Roger Luis. Foto: Arquivo/cancaonova.com

 

Deus nos deu Seu Filho, que veio nos declarar que Ele é o Pão da vida, e esse Pão tem o poder de ressurreição. “Quem crê tem a vida eterna” (Jo 6,40). O verbo está no presente, não está no futuro, ou seja, você já pode experimentar a vida eterna aqui, neste mundo. Seria salutar que deixássemos nossas preocupações ao participarmos de uma Celebração Eucarística, para tocarmos na eternidade.

A Eucaristia vai nos fazendo parecer com Jesus, pois Cristo é o modelo do Pai para nos criar. “Quem come deste pão viverá eternamente”.

Você quer ter a vida eterna? É necessário que coma da carne e beba do sangue de Cristo. Se você não pode receber o corpo e sangue de Jesus, experimente a misericórdia de Deus e O receba na sua alma, fazendo a comunhão espiritual. Mas aqueles que podem, façam a opção pelo Pão do Céu.

Se existe uma situação que o separa da Santa Comunhão, não viva essa situação, escolha o Pão da vida. É necessário fazer essa experiência, pois se não a fizer, não terá vida em Deus.

Valorize a presença real da Eucaristia e experimente a eternidade todos os dias, se possível. Busque, com vontade, essa eternidade na Santa Missa, experimentando o corpo e o sangue de Jesus. Ele quer que você ressuscite no dia final; então, apaixone-se novamente pelo mistério da Santa Missa.

Leia também: 

:: O Senhor é o extremo amor
:: Seguimos o Cristo ou o matamos?
:: A Samaritana
:: Maria nas Bodas de Caná

Se você quer a vida eterna, esforce-se para consegui-la. Alimente-se do Pão da vida, não falte à Missa dominical. Se não houver Missa na sua cidade, participe da Celebração da Palavra.

Santa Missa

Como você tem se apresentado diante desse sacrifício? Na Missa, não masque chiclete, não fique com boné, não atenda celular, não é hora de fazer selfie. Não precisa registrar, porque a sua alma vai ser registrada pelo Ressuscitado. Nós precisamos entender esse mistério. Não podemos vivê-lo de qualquer maneira. A Eucaristia é o alimento da nossa alma. Senão nos alimentarmos, morremos, e sem o alimento espiritual a alma perece. Queira experimentar, cada dia mais, o Pão da Vida.

Transcrição e adaptação: Regiane Calixto

Adquira essa pregação pelo telefone (12) 3186-2600
ou pela loja.cancaonova.com

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo