Deus precisa estar no centro da sua vida conjugal

É preciso colocar Cristo como centro da sua vida conjugal

deus-precisa-estar-no-centro-da-sua-vida-conjugal

Padre Chrystian Shankar. Foto: Gustavo Borges/cancaonova.com

É exatamente isso que a primeira leitura está nos trazendo. Deuteronômio 30, versículo 11: “Na verdade, este mandamento que hoje te dou não é difícil demais, nem está fora do teu alcance.

Essa palavra fala de conversão. Tudo que foi ensinado aqui nesse retiro não está acima das nossas forças, nem fora do teu alcance. Ao contrário do que muitos pensam, esse fim de semana não foi um momento de emotividade. Tivemos aqui verdadeiro um treinamento conjugal.

Repita comigo: “o que eu aprendi nesse Acampamento, a Palavra de Deus que aqui escutei, os mandamentos que devo cumprir não estão acima das minhas forças. A Palavra de Deus está perto de mim, no meu coração, para que eu a possa cumprir”.

Deus fez sim uma obra nova no seu coração. Deus começou um relacionamento novo na vida de vocês. É uma Palavra de ânimo para nós. Ser santo é possível, ser de Deus é possível. Ser feliz no casamento é possível. Ser fiel no matrimônio é possível. Isso não está acima de suas forças.

Para percebermos o projeto de felicidade de Deus para nós precisamos parar de olhar para fora. O território onde Deus habita é o seu coração. As respostas para suas maiores perguntas estão dentro do teu coração.

Leia mais:

::Destruindo seu casamento em 10 atos (SI 127,1)
::Seja dono da sua língua
::As sete túnicas de José

Nós precisamos colocar Deus no nosso coração, na nossa família. Buscar Deus de todo o coração, de todo o entendimento. E quando a tentação bater a sua porta, peça pra Jesus atender.

Se você não está disposto a dar tudo pra Deus, não adianta nada. Quando damos o nosso tudo pra Deus, Ele se torna tudo em nós. A segunda leitura podemos resumir em: “Cristo basta.” É um hino cristológico, um hino a respeito de quem é Jesus. Nele, por Ele e para Ele tudo foi criado. Ele é a cabeça da Igreja, que é o seu corpo, é a ressurreição e a garantia da nossa ressurreição também. Em Cristo está toda a divindade. Em tudo Ele tem o primeiro lugar.

No seu casamento Cristo tem o primeiro lugar? Se não tinha, que tenha o primeiro lugar a partir de hoje. Leia a Bíblia todos os dias como casal. Ali está o alimento que nos nutre da verdade. Eu não seria o sacerdote que eu sou se eu não “comesse” o Evangelho todos os dias.

O dia que você se apaixonar pela palavra de Deus, todo tempo será pouco para se aprofundar. Leia o folheto da missa em casa, leia o Evangelho novamente. Eu gosto de por a Bíblia no colo, e ali leio como se Deus estivesse falando diretamente para mim, uma carta de amor direto para mim.

chrystian shankar

Padre Chrystian Shankar prega no Acampamento para Casais na Canção Nova. Foto: Gustavo Borges/cancaonova.com

Quem dera se durante a semana comentássemos a homilia de domingo. Precisamos comentar coisas de Deus porque a boca fala do que o coração está cheio.
Por que as pessoas falam tanto palavrão, tantas coisas imorais? Porque a boca fala do que o coração está cheio.

Qual o alimento que temos para partilhar a semana toda com aqueles que não foram ao “templo”? O que você tem partilhado da missa que você participa?
Agora vem o Evangelho: a parábola do bom samaritano. O homem que foi espancado e depois ajudado pelo samaritano. O homem o ajudou, levou para uma hospedaria e pagou tudo.

Jesus não está preocupado sobre quem é o próximo daquele homem, mas Ele quer que nos tornemos próximos uns dos outros. E não há proximidade maior, não há beleza maior do que um marido e uma esposa que amam a Deus de todo o coração e ao outro como a si mesmo.

Você é chamado a se desgastar por Deus. Qual foi a ultima vez que te deu bolhas nos pés por ter ajudado os pobres, por ter ajudado quem precisa? Não podemos ter medo de tocar na miséria humana. Precisamos saber quem é o nosso próximo para tocar a miséria do outro, para que ele possa dizer: depois que você derramou sobre mim as graças de Deus eu me tornei uma pessoa melhor.

Quantos maridos não tem compaixão com a mulher, quantas esposas não têm compaixão com o marido? Jesus tem compaixão da humanidade e toma sobre Si os nossos pecados. Você não está sozinho, assim como o homem caído que foi socorrido. É Jesus que toma sobre Si nossas enfermidades.

O samaritano levou-o para uma estalagem… O que é essa estalagem? É a Igreja que nos acolhe como estamos. Assim como o samaritano, Jesus deixou duas moedas para alimentar você: o pão da Palavra e o pão da Eucaristia. Saia daqui com essa ideia: eu devo ser um bom samaritano. Vamos ajudar, vamos acolher, há esperança para o casamento, há esperança para o mundo desde que você se torne um bom samaritano.

Transcrição e adaptação: Thaysi Santos


Padre Chrystian Shankar


Pároco do Santuário Nossa Senhora Aparecida em Divinópolis – MG

Facebook
Twitter
Blog

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo