Preparai o caminho do Senhor

Missa com Monsenhor Jonas Abib - 269x329

Monsenhor Jonas Abib. Foto: Arquivo CN

Preparai o caminho do Senhor com a santidade da sua vida

Nós vimos nesse evangelho a genealogia de Jesus, que foram os tataravós de Jesus vindo até Ele. Claro que sabemos que Ele foi concebido por obra do Espírito Santo, mas nós sabemos também que Ele veio de uma família. Esse Evangelho me chama atenção porque fala de três mulheres que são pecadoras. São Mateus não teve receio de colocar três pecadoras no Evangelho.

A primeira é Tamar, que era uma prostituta, não negava seu corpo para os homens e usava disso para conseguir o que queria.

A segunda é Raab. Vocês sabem que, quando foram enviados espiões para olhar a Terra Santa, essa prostituta os protegeu, defendeu e os ajudou, para que eles saíssem da cidade sem serem vistos.

A terceira mulher pecadora é Betsabeia, que acabou se unindo a Davi, mas foi ele que foi o sem vergonha, pois cobiçou aquela mulher e depois teve relação com ela e ela concebeu um filho. Davi mentiu para Urias, que era esposo de Betsabeia e depois de tentar fazer com que o filho de Betsabeia fosse de Urias, o enviou para a batalha para que fosse morto. E o filho de Betsabeia e Davi é o grande Salomão.

O que isso nos mostra? A grande misericórdia de Deus que agiu também nos filhos do pecado que fazem parte da genealogia de Jesus e que intervém e perdoa aqueles que se arrependem. Diante do arrependimento e da conversão, Deus usa de misericórdia.

A vinda de Jesus está próxima

A misericórdia de Deus vem do arrependimento e da conversão. O nosso acampamento tem o tema “Venha a nós o Vosso Reino”. A vinda do Senhor está muito próxima. Na última palestra você percebeu pela colocação do Jorge que a vinda do Senhor está cada vez mais próxima. O Reino de Deus está próximo. Vem Senhor Jesus, venha a nós vosso Reino.

Quando nós temos esse pedido no Pai Nosso: “venha a nós o Vosso Reino”, não era para aquele tempo porque Jesus já estava no meio deles. Quando Jesus manda que se peça “venha a nós o vosso reino” é para que o Reino de Deus definitivo venha logo; os sinais mostram que a nossa geração está muito próxima da vinda do Senhor.

Missa com Monsenhor Jonas Abib - 595x420

O Reino de Deus está próximo. Vem Senhor Jesus” (Monsenhor Jonas Abib). Foto: Arquivo CN

Hoje cedo foi mostrado o livro “Preparai o caminho do Senhor”. Eu faço questão de abrir a capa pois ela completa uma gravura de uma cidade semi escura e o Espírito Santo pairando nessa cidade, como o Espírito Santo pairava nas águas no início da criação e no dilúvio, para trazer um mundo novo no mundo velho.

Adquira o livro “Preparai o caminho do Senhor”

Eu caprichei ao escrever esse livro e no revisar desse livro. É o livro dos meus 80 anos e fiz questão de mostrar essa realidade: “preparai o caminho do Senhor”. Vejo um rei sobre a montanha, vejo cada dia melhor, preparai, preparai o caminho do Senhor.

Preparai o caminho do Senhor

Meus irmãos, esse livro quer ser como um instrumento de música para que você se alerte e realmente prepare o caminho do Senhor e se prepare no caminho do Senhor. Você não pode estar despreparado. E como eu disse, faço questão de ser bem bíblico.

Na primeira carta aos Tessalonicenses, São Paulo diz” “não quero que vos enganeis a respeito dos mortos, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, cremos também que Deus nos levará com Jesus os que nele morrerem. Eis o que declaramos, por ocasião da vinda do Senhor nós que ficamos ainda vivos não precederemos em nada os mortos. Quando for dado o sinal da voz do Arcanjo ao som da trombeta, os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.” Eu não sei se estarei vivo ou morto quando Jesus voltar. Eu gostaria muito de estar vivo, mas não sei. Porém, diz a palavra de Deus, que todos que estiverem mortos ressuscitarão primeiro. Os que estiverem vivos serão arrebatados sobre nuvens ao encontro do Senhor nos ares e assim estaremos para sempre com o Senhor.

Na vinda do Senhor, os mortos ressuscitando, seja o estado que estiverem, serão transformados num abrir e fechar de olhos, serão arrebetados e essa palavra é muito importante. Os católicos usam pouco a palavra “arrebatamento”, mas ela é bíblica. Quando o Senhor vier você não pode ficar para trás, você precisa ser arrebatado porque você estava vivendo no Senhor e morrerá no Senhor. Não pode acontecer que, você vivendo no Senhor, morto ou vivo, ser deixado para trás. Os seus não podem ser deixados para trás. Já imaginou aqueles que são do Senhor sendo arrebatados nos ares e alguém da sua família, seu filho, seu pai, sua mãe ser deixado(a) para trás? E o pior, você ser deixado pra trás?

Saia da mornidão

Você não pode ter uma vida morna, vivendo uma vida cristã empurrando-a com a barriga. Viva uma vida firme no Senhor para que você seja arrebatado. Nesse livro eu destaco tudo isso para que você saiba e seja preparado, e assim, você ajude a sua família a se preparar.

Olhe ao seu redor e perceba que poucas pessoas pensam nisso e até acham que, uma vez que o Senhor não veio até agora, Ele não virá. Ele só virá daqui muito tempo, mas São Pedro nos responde isso na sua segunda carta: “Sabei antes de tudo o seguinte: nos últimos tempos virão escarnecedores cheios de zombaria, que viverão segundo as suas próprias concupiscências.Eles dirão: Onde está a promessa de sua vinda? Desde que nossos pais morreram, tudo continua como desde o princípio do mundo.Esquecem-se propositadamente que desde o princípio existiam os céus e igualmente uma terra que a palavra de Deus fizera surgir do seio das águas, no meio da água, e deste modo o mundo de então perecia afogado na água. Mas os céus e a terra que agora existem são guardados pela mesma palavra divina e reservados para o fogo no dia do juízo e da perdição dos ímpios. Mas há uma coisa, caríssimos, de que não vos deveis esquecer: um dia diante do Senhor é como mil anos, e mil anos como, um dia. O Senhor não retarda o cumprimento de sua promessa, como alguns pensam, mas usa da paciência para convosco. Não quer que alguém pereça; ao contrário, quer que todos se arrependam. Entretanto, virá o dia do Senhor como ladrão. Naquele dia os céus passarão com ruído, os elementos abrasados se dissolverão, e será consumida a terra com todas as obras que ela contém. Uma vez que todas estas coisas se hão de desagregar, considerai qual deve ser a santidade de vossa vida e de vossa piedade, enquanto esperais e apressais o dia de Deus.”

Esperar e apressar o dia do Senhor. Como apressamos? Com a santidade de vida. Você que é a mãe de família, vivendo bem como mãe de família, com seu marido e seus filhos. Você que é marido, vivendo bem como marido, sem viver na infelidade, na bebedeira. Você que é filho, vivendo bem com seus pais e irmãos. É santidade de vida, é vida santa. É orar, confessar-se, comungar. Confessar-se sempre que necessário.

Transcrição e adaptação: Fernanda Zapparoli

Assista essa pregação pelo Canção Nova Play

contribuicaocn1


Monsenhor Jonas Abib


Fundador da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo