Agora e para sempre: como viver o amor verdadeiro?

Para vivermos o amor verdadeiro, precisamos primeiro experimentar o amor de Deus

Assim como uma criança passa pelo parto querendo nascer, nós precisamos passar também por ele em muitas situações de nossa vida, pois se assim não for, poderemos morrer. O verbo “morrer” a que me refiro aqui não é somente a morte física, mas também espiritual e psicológica. O parto é o nascer de uma nova vida.

Depois do parto, precisamos ter firmeza na decisão de uma nova vida, pois é essa firmeza que vai gerar em nós uma segurança interior. Nunca tivemos, em nossa história, uma geração tão medrosa como a que estamos tendo, por isso precisamos ser mais corajosos e curar o nosso passado para podermos ter essa firmeza em Deus.

Eu quero lhe perguntar uma coisa: “Até quando você vai procurar culpados, dentro do seu coração, pela situação que você vive hoje?

Para vivermos o verdadeiro amor, precisamos identificar aquilo que precisa ser curado em nossas história e achar o caminho da cura; precisamos passar por esse “parto” de uma vida velha para uma vida nova em Deus. Precisamos ter a convicção de que vamos fazer a experiência do grande amor que Deus tem por nós, pois somente experimentando esse amor seremos capazes de viver o Céu aqui na Terra.

Precisamos amar o próximo, mas não somente o amar, precisamos que esse amor seja terno; e quando amamos em Deus, nosso amor passa por essa ternura.

Leia mais:
:: A tua força é pequena, mas guardaste a minha palavra e não renegaste o meu nome
:: O amor verdadeiro é exigente

Play

 

 

 

 

Transcrição e adaptação: Priscilla Santos


Letícia e Adriano Gonçalves


Missionários da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo