Abandonaste o primeiro amor, lembra-te onde caiste

André Florêncio cantor e missionário da Comunidade Canção Nova. Foto: WesleyAlmeida/cancaonova.com

André Florêncio cantor e missionário da Comunidade Canção Nova. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Os três passos para livrar-se da ocasião do pecado:

O primeiro passo é afastar-se; o segundo, rezar. O terceiro passo é vigiar.

O primeiro amor causa impacto, e o primeiro amor com Deus também é um primeiro impacto, o qual, muitas vezes, muda-nos radicalmente. Quando nossa vida é transformada por esse primeiro amor, até o modo como nos relacionamos com o outro muda, seja no jeito de olhar, falar ou cuidar. Tudo muda!

Esse primeiro amor, no entanto, precisa perdurar, não o podemos deixar esfriar. Nossa vida tem de ser inteiramente de Deus, não somente a metade dela; precisamos viver esse primeiro amor todos os dias.

O que faz com que esse amor esfrie é o nosso pecado, não somente aqueles grandes pecados, mas também os pequenos que estão diariamente em nossa vida; e a abertura que damos ao pecado faz com que sejamos seduzidos por ele, não mais por Deus.

Vigiar, orar e fugir do pecado, para que o primeiro amor possa ficar latente dentro de você.

Leia Mais:

:: Decida-se pelo amor de Deus
:: Voltando ao primeiro amor

imgpsh_fullsize (3)

Transcrição e adaptação: Priscilla Santos

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo