Participe da Via-sacra na Canção Nova

Luzia Santiago e Eugênio Jorge farão a meditação das estações que contemplam o caminho de Jesus ao Calvário

Na Sexta-feira Santa, dia 14 de abril, dentro do Acampamento de Semana Santa, a Comunidade Canção Nova promoverá, no Santuário do Pai das Misericórdias, a meditação das 14 estações da Via-sacra, a partir das 21h, com transmissão ao vivo pela TV Canção Nova.

Em clima de silêncio e contemplação, a cofundadora da Canção Nova Luzia Santiago e o ministro de música Eugênio Jorge, juntamente com o Coral Canção Nova, farão as reflexões e orações da Via crucis, levando os fiéis participantes a mergulharem no mistério da Paixão de Cristo.

Você é convidado a trilhar conosco esse caminho de dor e sofrimento de Jesus, o qual nos leva à salvação. A Via-sacra é uma prática recomenda pela Igreja Católica, para que o fiel se prepare para a Páscoa do Senhor Jesus.

Viva conosco este momento intenso de oração e reflexão. Vamos juntos ser “ressuscitados pelo Sangue do Cordeiro”.

Sobre a Via-sacra

O exercício da Via-sacra consiste no fato de os fiéis percorrerem mentalmente a caminhada de Jesus a carregar a Cruz desde o pretório de Pilatos até o monte Calvário, meditando simultaneamente a Paixão do Senhor.
Tal exercício teve origem na época das Cruzadas (séculos XI/XIII): os fiéis que então percorriam, na Terra Santa, os lugares sagrados da Paixão de Cristo quiseram reproduzir no Ocidente a peregrinação feita ao longo da Via Dolorosa em Jerusalém. O Papa João Paulo II introduziu, em Roma, a mudança de certas cenas desse percurso não relatadas nos Evangelhos por outros quadros narrados pelos evangelistas. Compreende quatorze estações ou etapas, cada uma das quais apresenta uma cena da Paixão a ser meditada pelo discípulo de Cristo.
O exercício da Via-sacra tem sido muito recomendado pelos Sumos Pontífices, pois ocasiona frutuosa meditação da Paixão do Senhor Jesus.
Fonte: Site Cléofas

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo