O Senhor Deus marcha a vossa frente

O Senhor Deus marcha a vossa frente

Astromar Miranda. Foto: ArquivoCN

Estamos reunidos aqui no Encontro Gente do Bem para celebrarmos uma história, um projeto da Igreja Católica, que são os acampamentos que já alcançaram mais de 500 mil pessoas. Os campistas que estão espalhados no Brasil e no mundo, mais de 500 mil pessoas, sacerdotes, quatro bispos, Dom Gregório, Dom Irineu, Dom Gilson e Dom Benedito.

Vou fazer um breve histórico porque em 1993 quando eu fiz o acampamento, havia acontecido em alguns lugares na cidade de Franca, Maringá e Brasília. Então, aconteceu que eu fui participar do primeiro acampamento na diocese de Petrópolis. Eu sai do Rio de Janeiro de ônibus até Presidente Prudente escrevendo esse projeto. Os jovens que faziam o acampamento voltavam transformados e queriam que os pais fizessem a mesma experiência. Logo, criamos o acampamento Senior que era voltado para os adultos diferenciado do juvenil.

Hoje na minha diocese tem oito centro de formações que acontecem esses acampamentos, fora os outros lugares que acontecem esses acampamentos. O mundo tem tentado preencher aquilo que é eterno com coisas que é passageira, por isso o mundo tem caído num mundo existencial.

Criamos vários acampamentos de acordo com faixas etárias e linguagem própria daquele público. Eu fui com o Dunga na casa do Monsenhor Jonas Abib para pedir a benção dele para iniciar esse primeiro encontro nacional dos campistas e ao nos ver ele disse: “quando dois anjos visitam o profeta é porque tem boa nova” e nos abençoo.

Na primeira carta do livro de Reis narra a perseguição que o projeta Jeremias sofria e ele fugiu para o deserto porque muitas vezes estamos preparados para o sucesso mas não estamos preparados para a perseguição. Ele se escondeu exausto naquele deserto e naquele dia um anjo visitou e deu a ele um alimento e disse para ele: “acorda, desperta Elias”. Elias acordou e levantou mas logo depois dormiu novamente.

Vejamos o que a primeira carta do livro de Reis vai nos dizer:

“E Acabe fez saber a Jezabel tudo quanto Elias havia feito, e como totalmente matara todos os profetas à espada. Então Jezabel mandou um mensageiro a Elias, a dizer-lhe: Assim me façam os deuses, e outro tanto, se de certo amanhã a estas horas não puser a tua vida como a de um deles.
O que vendo ele, se levantou e, para escapar com vida, se foi, e chegando a Berseba, que é de Judá, deixou ali o seu servo. Ele, porém, foi ao deserto, caminho de um dia, e foi sentar-se debaixo de um zimbro; e pediu para si a morte, e disse: Já basta, ó Senhor; toma agora a minha vida, pois não sou melhor do que meus pais.
E deitou-se, e dormiu debaixo do zimbro; e eis que então um anjo o tocou, e lhe disse: Levanta-te, come.
E olhou, e eis que à sua cabeceira estava um pão cozido sobre as brasas, e uma botija de água; e comeu, e bebeu, e tornou a deitar-se.
E o anjo do Senhor tornou segunda vez, e o tocou, e disse: Levanta-te e come, porque te será muito longo o caminho.
Levantou-se, pois, e comeu e bebeu; e com a força daquela comida caminhou quarenta dias e quarenta noites até Horebe, o monte de Deus.
E ali entrou numa caverna e passou ali a noite; e eis que a palavra do Senhor veio a ele, e lhe disse: Que fazes aqui Elias?
E ele disse: Tenho sido muito zeloso pelo Senhor Deus dos Exércitos, porque os filhos de Israel deixaram a tua aliança, derrubaram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada, e só eu fiquei, e buscam a minha vida para ma tirarem.
E Deus lhe disse: Sai para fora, e põe-te neste monte perante o Senhor. E eis que passava o Senhor, como também um grande e forte vento que fendia os montes e quebrava as penhas diante do Senhor; porém o Senhor não estava no vento; e depois do vento um terremoto; também o Senhor não estava no terremoto;
E depois do terremoto um fogo; porém também o Senhor não estava no fogo; e depois do fogo uma voz mansa e delicada.
E sucedeu que, ouvindo-a Elias, envolveu o seu rosto na sua capa, e saiu para fora, e pôs-se à entrada da caverna; e eis que veio a ele uma voz, que dizia: Que fazes aqui, Elias?
E ele disse: Eu tenho sido em extremo zeloso pelo Senhor Deus dos Exércitos, porque os filhos de Israel deixaram a tua aliança, derrubaram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada, e só eu fiquei; e buscam a minha vida para ma tirarem.
E o Senhor lhe disse: Vai, volta pelo teu caminho para o deserto de Damasco; e, chegando lá, unge a Hazael rei sobre a Síria.
Também a Jeú, filho de Ninsi, ungirás rei de Israel; e também a Eliseu, filho de Safate de Abel-Meolá, ungirás profeta em teu lugar.
E há de ser que o que escapar da espada de Hazael, matá-lo-á Jeú; e o que escapar da espada de Jeú, matá-lo-á Eliseu.
Também deixei ficar em Israel sete mil: todos os joelhos que não se dobraram a Baal, e toda a boca que não o beijou.
Partiu, pois, Elias dali, e achou a Eliseu, filho de Safate, que andava lavrando com doze juntas de bois adiante dele, e ele estava com a duodécima; e Elias passou por ele, e lançou a sua capa sobre ele.
Então deixou ele os bois, e correu após Elias; e disse: Deixa-me beijar a meu pai e a minha mãe, e então te seguirei. E ele lhe disse: Vai, e volta; pois, que te fiz eu?
Voltou, pois, de o seguir, e tomou a junta de bois, e os matou, e com os aparelhos dos bois cozeu as carnes, e as deu ao povo, e comeram; então se levantou e seguiu a Elias, e o servia” (1 Reis 19,1-21).

Quais foram os anjos que te levantaram em meio as perseguições da sua vida? Hoje vamos rezar com gratidão por todas as pessoas que nos ajudaram a caminhar, a perseverar e assim com o coração cheio de alegria vamos interceder por essas pessoas.

Vamos rezar com a palavra: “Esforçai-vos, e animai-vos; não temais, nem vos espanteis diante deles; porque o Senhor teu Deus é o que vai contigo; não te deixará nem te desamparará” (Deuteronômio 31,6). Essa palavra diz de Moisés que formou seu sucessor Josué. É importante deixar um legado em tudo que realizarmos para Deus, formar outros líderes e sucessores para que a obra do Senhor continue crescendo. O verdadeiro líder é aquele que forma outros líderes.

Meus irmãos nesse primeiro encontro nacional de campistas vamos rezar com gratidão pelos irmãos que nos conduziram para Deus e vamos ser anjos na vida de outras pessoas.

Transcrição e adaptação: Fernanda Soares

Adquira essa pregação pelo telefone (12) 3186-2600

contribuicaocn1


Astromar Miranda


Membro do Movimento Mariana Braga e pregador

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo