Dom da fé: "A Deus nada é impossível"

A fé é um presente de Deus

269x329---vertical-materia

Lúcio Domício prega nesta Quinta-feira de Adoração.

Estou aqui, hoje, para lhe entregar um presente que Deus quer lhe dar, e tem seu nome nele. Você precisa tomar posse desse presente do Senhor, precisa abri-lo, porque ele é mais importante que a Eucaristia, a Igreja e o Santo Terço. Qual é esse presente?

Abramos a Palavra em Hebreus 10,38: “O meu justo viverá pela fé. Porém, se ele desfalecer, meu coração já não se agradará dele”.

O presente mais importante que Deus lhe deu é a fé. Sem ela, você não acredita na Eucaristia, no Santo Terço nem na Igreja. Todos nós precisamos ser homens e mulheres de fé, precisamos viver a fé.

Na minha vida, tenho vivido situações em que dou um passo na fé ou não dou. Preciso tomar uma decisão para que Deus faça algo na minha vida. Ele quer que eu me coloque a caminho, como Abraão no sacrifício de Isaac. Enquanto estou em cima do muro, Deus não pode fazer nada. A primeira decisão que temos de tomar é aceitar o que estamos vivendo. A cada manhã, levante-se e diga: “Neste dia, eu viverei pela fé!”.

Recebemos o dom da fé por meio do nosso batismo, ela já está dentro de nós. O nosso passo hoje é querer dar passos, crescer na fé. Mas como fazer isso? Proclamando atitudes de fé em cada situação. Olhar para a vida numa perspectiva de fé. Na manifestação da providência de Deus, do carinho de Deus por nós, podemos crescer na fé diante de situações de cura, mas também diante de situações em que Deus silencia.

Como você reza, hoje, diante de situações boas e ruins? Rezar é movimentar a fé, a qual nos lança a uma atitude de conversão. É preciso ter a coragem de sair de cima do muro e lançar-se numa vida de fé.

E o medo? Convivemos com o medo todos os dias. Há uma frase que diz: “Quem vive com medo vive pela metade”. Precisamos reconhecer que temos medo, olhar para ele e dizer: “O meu medo não é maior que minha fé”. Se você sente desconfiança de Deus, fique tranquilo, é normal. O que você não pode fazer é parar nessa desconfiança. É preciso lançar-se.

Abra o seu presente e traga para fora todos os dons, a partir do dom da fé, para que você faça a experiência de viver uma vida nova.

Leia mais:
Dons de cura e milagres
A fé precisa ser vivida com maturidade

imgpsh_fullsize (3)

Transcrito e adaptado por Renata Santiago


Lúcio Domício


Missionário da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo