Aquele que crê em Mim, nunca morrerá

Padre Vicente Neto

Aquele que crê em Mim nunca morrerá

Padre Vicente Neto pregou durante o Acampamento “A Cura dos traumas da morte”, sobre o tema: Aquele que crê em Mim, nunca morrerá.

“Quero dizer que para a cura dos traumas da morte é preciso viver a experiência com Jesus Cristo vivo e ressuscitado em nosso meio. Ele está vivo, Ele está em nosso meio, eu creio.

O Senhor quer essa certeza: “Aquele que crê em Mim nunca morrerá” seja expandida.  O Senhor é a ressurreição e a vida.

Domingo, dia do Senhor, e por que é dia do Senhor?
Porque é dia de ressurreição, é dia do ressuscitado, por isso, nós guardamos o domingo.

Eu preciso frisar: domingo é dia da ressurreição, por isso, nós, cristãos, sobretudo cristãos católicos, guardamos o domingo, porque o Senhor ressuscitou no domingo.

Leitura: João 20, 1-9

Quero convidá-lo a olhar para Maria Madalena. Ela foi ao túmulo bem cedo, de madrugada, para curar o trauma da morte de alguém que ela aprendeu a amar, alguém que tocou a sua alma, alguém que tocou o profundo do seu coração, este homem é Jesus.

Jesus falava do céu, falava de coisas que nenhum outro havia falado, que travou com ela uma amizade profunda, que a perdoou, mas, sobretudo, alguém que deu sentido à vida daquela mulher. Maria Madalena o amava muito, a ponto de acreditar n’Ele. Então, quando chegou a hora da Paixão e Morte, o sofrimento foi grande demais.

Imagina o coração de Maria Madalena, todo o impacto dessa morte, toda a questão até mesmo dos sentimentos de revolta, pela injustiça que o Senhor havia sofrido no processo judiciário mais corrupto da história, mais enganoso, mais injusto da história. Mataram um homem inocente; e Maria sabia disso, e ela sofria.

Ela saiu de madrugada, quem sabe foi naquele túmulo para chorar a dor da saudade, da perda, Maria nisso se une a todos nós, homens e mulheres, que sofremos com perdas da morte.

É inegável que a única certeza mesmo da vida é que vamos morrer.”

Confira a pregação completa:

↑ topo