E os caminhos, quem os entenderá?

Precisamos nos abrir para que a nossa vida e os nossos caminhos sejam com o Senhor

Antonieta Sales. Foto: Roger Ferrari/cancaonova.com

Estamos encerrando mais um ano, mais uma etapa da nossa vida. Quando chega um fim de ano, é bom fazermos uma avaliação, um balanço de nossa vida.

Olhemos para dentro de nós e percebamos quais foram os avanços que fizemos este ano e quais as retomadas que precisamos fazer no próximo ano. Neste convite para o Senhor que nos interpela, precisamos nos abrir para que a nossa vida e os nossos caminhos sejam com Ele.

A Palavra meditada está em São Mateus 7,13-14.

Partindo desses dois versículos, percebemos que, a cada momento de nossa existência, temos de escolher entre um caminho e outro. Diante de nossas escolhas, precisamos pedir ao Espírito Santo que nos dê sabedoria, nos ajude em nossas escolhas e nas respostas que precisamos dar.

Nossas escolhas precisam ser feitas no Senhor

É importante que nossas escolhas sejam feitas no Senhor, principalmente para quem quer segui-Lo. Não podemos ter medo de nos entregar ao Senhor, de deixar que os nossos passos sejam conduzidos por Ele.

Diante dessa retomada de vida, precisamos tomar uma posição e analisar o convite do Senhor que nos mostra dois caminhos: o espaçoso, que nos leva à dispersão; e o caminho apertado, que nos leva à vida eterna.

Talvez, não encontremos o caminho, porque não sabemos qual seguir. Se perguntarmos ao Senhor, a reposta d’Ele será: “Depende de qual lugar você quer chegar”.

O melhor caminho

Fazendo essa retomada, esse processo de conferir, na presença de Deus, qual foi o melhor caminho este ano, estamos perguntando qual é o caminho que devemos seguir. Mas se formos escolher caminhos sozinhos, vamos escolher o caminho mais espaçoso.

Precisamos pedir ao Espírito Santo que venha iluminar a nossa inteligência, para fazermos escolhas acertadas, que não nos levem a um arrependimento desastroso. Não conseguimos sozinhos, precisamos da ajuda do Senhor.

Não podemos ter medo de consultar o Senhor, de buscá-Lo na intimidade. São poucos que encontram o caminho, e precisamos estar nessa lista dos poucos que encontram o Senhor.

No Evangelho de São Lucas, capítulo 13, o evangelista fala desse mesmo caminho: “Esforçai-vos para entrar na porta estreita, pois muitos tentarão entrar e não conseguirão”.

No caminho estreito há sinalizações

Ao longo do caminho, existem muitas sinalizações que nos ajudam, mas há estradas que atrapalham quem está naquela via. No caminho do Senhor há sinalizações, placas certas. Embora o caminho seja estreito, é preciso um esforço de nossa parte para chegarmos até Ele. É essa chegada que almejamos!

Não podemos ficar envergonhados das nossas quedas nem dos atalhos errados que tomamos nos caminhos. Quando estamos no caminho e escolhemos um atalho, muitas vezes, nos perdemos ou algo desastroso acontece.

Se estamos perdidos no caminho, busquemos a rota correta. Se, neste ano de 2018, escolhemos rotas erradas, paremos e busquemos o caminho certo.

Não estamos sozinhos no caminho

Deus está nos esperando de braços abertos, mas, muitas vezes, estamos com medo de cair. Abramos o nosso entendimento e percebamos que não caminhamos sozinhos. Muitas vezes, não entendemos nada do que Deus está proporcionando para nossa vida, entretanto, o entendimento só o teremos na chegada.

O caminho espaçoso está sendo seguido por muitos, e quem está neste caminho está numa corrente contrária que nos faz escravos do mal.

O Espírito Santo, na sua infinita bondade, dá-nos um caminho coerente. Se estamos neste caminho, não podemos caminhar na mediocridade, precisamos buscar uma vida entregue a Deus.

O caminho estreito é para nos dar têmpera e para nos desafiar o tempo inteiro. Aspiremos o caminho de conversão e mudança de vida. Se não estivermos no caminho de conversão, não saberemos onde devemos chegar, não saberemos o que temos que fazer. O Espírito Santo nos dá respostas no caminho de conversão.

Confira também:
.:Advento: Aplanai os caminhos do Senhor
.:Todos podem preparar os caminhos do Senhor
.:Caminhos para a felicidade baseados nas bem-aventuranças

Banner do canal PlayCancaonova no Youtube

Transcrição e adaptação: Karina Silva.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo