Proclamemos a luz de Jesus em nossas ações

Estamos às vésperas de um novo ano. A luz nos foi dada. Precisamos acreditar nas promessas de Deus

Pe. Bruno Costa. Foto: Bruno Marques/cancaonova.com

Estamos, hoje, no quinto dia desse tempo de bênção que estamos vivendo, estamos nas Oitavas de Natal. A Igreja vive dois grandes momentos: o Nascimento e a Paixão do Senhor. É um momento sublime em nossa vida, pois a promessa do Pai se cumpriu.

A Palavra deixa claro para nós quando o velho Simeão diz: “Agora, Senhor, conforme a tua promessa, podes deixar teu servo partir em paz, porque meus olhos viram a tua salvação, que preparaste diante de todos os povos: luz para iluminar as nações e glória do teu povo Israel”.

A luz brilha em nosso coração

Aquela estrela que colocamos no presépio é para trazer ao nosso coração a luz de Deus, que está no meio de nós. É Natal, a luz brilha, e precisa continuar brilhando em nosso coração. Mesmo em meio a muitas situações, somos chamados a anunciar a Boa Nova, porque a luz que irrompeu na noite de Natal nunca perderá o brilho.

Estamos às vésperas de um novo ano. A luz nos foi dada. Precisamos acreditar nas promessas de Deus.

Às vezes, os questionamentos, os medos e as preocupações batem à nossa porta, mas precisamos acreditar, porque é Natal, o Menino Luz nos foi dado. Somos convidados a proclamar isso, rompendo todas as trevas e toda escuridão.

Conhecemos Deus, somos Seus seguidores, por isso precisamos testemunhá-Lo com verdade. Que o nosso ‘sim’ seja sim e que o nosso ‘não’ seja não, pois nossos atos e nossas ações proclamam a luz.

A graça de Deus acontece em nossa vida

Precisamos colocar a Palavra de Deus em prática. Quando temos a coragem de assumir que somos pecadores, a graça do Senhor acontece em nós, acontece na nossa vida quando assumimos a nossa miséria.

O amor de Deus é realizado, mas existe um critério: quem diz que permanece em Deus deve também proceder como Ele procedeu. Será que temos amado como Jesus nos amou? Estamos nos doando como Jesus se doou? Vivendo como Ele viveu?

Precisamos ter discernimento e saber como caminhar no mundo de hoje, viver como Jesus viveu, amando o próximo, acolhendo os marginalizados.

A Palavra de Deus faz novas todas as coisas

O novo vai acontecer por uma decisão que tomarmos. A Palavra diz: “Eis que faço novas todas as coisas”. Nada do que falo é novo, porque a Palavra de Deus é a mesma todos os dias, entretanto, quando ela é lida com um desejo de mudança, ela faz novas todas as coisas.

Quantas pessoas andam por aí com ódio no coração! E esse ódio gera rancor, mágoas e doenças. No dia 1º de janeiro, vamos celebrar o Dia Mundial da Paz, mas, primeiro, devemos celebrá-lo em nosso coração. Temos de ser verdadeiros, tirarmos o ódio e a divisão do meio de nós, pois isso é obra do satanás.

O Senhor nasceu para fazer brilhar a salvação para todas as nações. É um desafio, não é fácil, mas precisamos anunciá-Lo.

Nenhuma palavra é mágica, mas sim uma decisão. Nada vai acontecer na nossa vida se não tomarmos uma decisão. Preparemos o nosso coração para o ano de 2019.

Confira também:
.:Caminhando na luz da fé
.:A luz de Cristo e as trevas do mundo
.:Como ser luz neste Natal na vida do próximo?

Banner do canal PlayCancaonova no Youtube

Transcrição e adaptação: Karina Silva.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo