Vamos tomar as armas espirituais

Não lutamos contra homens de carne e sangue, por isso nossas armas são espirituais

Vamos_tomar_asarmasespirituais

Ironi Spuldaro. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Precisamos entender que estamos às portas do ano da misericórdia e não há um ato maior de misericórdia do que o derramamento do Espírito Santo sobre a Igreja.

Peça que o Espírito Santo tome conta da sua vida, que vá tirando toda negatividade, que vá tirando todos os medos, complexos, tirando tudo aquilo que tem roubado a sua esperança, te escravizado ao pecado. Peça que o Espírito Santo vá te levantando!

Eis o tempo da graça, do milagre, da libertação. A misericórdia de Deus tudo alcança, tudo perdoa e acolhe sem distinção. A misericórdia de Deus não faz acepção e é o Espírito agindo no homem, agindo na família, agindo na Igreja.

Diga: “Obrigado Espírito Santo, porque és meu amado, meu tudo!”

Convido você a abrir em Efésios 6, 10-18:

“Finalmente, irmãos, fortalecei-vos no Senhor, pelo seu soberano poder. Revesti-vos da armadura de Deus, para que possais resistir às ciladas do demônio. Pois não é contra homens de carne e sangue que temos de lutar, mas contra os principados e potestades, contra os príncipes deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal (espalhadas) nos ares. Tomai, por tanto, a armadura de Deus, para que possais resistir nos dias maus e manter-vos inabaláveis no cumprimento do vosso dever. Ficai alerta, à cintura cingidos com a verdade, o corpo vestido com a couraça da justiça, e os pés calçados de prontidão para anunciar o Evangelho da paz. Sobretudo, embraçai o escudo da fé, com que possais apagar todos os dardos inflamados do Maligno. Tomai, enfim, o capacete da salvação e a espada do Espírito, isto é, a palavra de Deus. Intensificai as vossas invocações e súplicas. Orai em toda circunstância, pelo Espírito, no qual perseverai em intensa vigília de súplica por todos os cristãos.”

A primeira coisa que um cristão consciente da sua fé, dos seus direitos e obrigações de filho de Deus deve fazer é, de manhã, assim que acordar, não olhar whatsApp, ver previsão do tempo, horóscopo, mas se revestir da armadura de Deus como uma proteção, sabendo que precisa vivê-la com sua vida.

Não se vai ao campo de guerra sem proteção. Somos esse soldado em ordem de batalha. Não lutamos contra homens de carne e sangue, mas contra demônios terríveis e para vencer essa batalha precisamos ter consciência que não a venceremos de forma humana.

Quero falar de sete verdades que nos dão a segurança para vencermos o mau. Todos os dias, enfrentamos batalhas, onde quer que estejamos temos lutas, obstáculos a serem transpostos e para terminarmos o dia vitoriosos precisamos estar preparados. É preciso se revestir da armadura de Deus, todos os dias, invocar o Espírito Santo. São Paulo, neste texto, traz termos exatos de como devemos nos revestir.

Vamostomarasarmas_espirituais

“Não se vai ao campo de guerra sem proteção. Somos esse soldado em ordem de batalha.”, disse Ironi. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

As sete verdades para vencermos o mal

A primeira é o cinturão da verdade. Tenho vivido uma fé de santidade, de compromisso ou apenas uma fé de curas? A mentira não vem de Deus, o pai da mentira é satanás. Em João 8, 44 lemos: “Vós tendes como pai o demônio e quereis fazer os desejos de vosso pai. Ele era homicida desde o princípio e não permaneceu na verdade, porque a verdade não está nele. Quando diz a mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira.”

Não importam os motivos, fale sempre a verdade! É preciso ter discernimento para não ficar inventando desculpas, “mentirinhas”.

A segunda é a couraça da justiça, o objetivo da couraça é proteger os órgãos vitais dos cristãos. O inimigo nos atinge no coração, pulmão, fígado. Buscamos cura, mas não nos revestimos com essa couraça. A injustiça é como uma droga, que começa aos poucos. Chega de dar jeitinho! A injustiça começa com o desrespeito. Guarde o seu coração, guarde seu corpo dos malefícios da injustiça. Você não precisa de vantagens, não precisa do que não é seu, você precisa de santidade! Você não pode se intimidar diante do inimigo, isso é justiça.

“Não cometereis injustiça nos juízos, nem na vara, nem no peso, nem na medida. Tereis balanças justas, pesos justos, um efá justo e um hin justo. Eu sou o Senhor, vosso Deus que vos tirei do Egito.” (Levítico 19, 35-36)

Seja sempre justo consigo mesmo, com o semelhante, inclusive nas pequenas coisas!

A terceira é calçar os pés para anunciar o Evangelho. Procure o caminho da porta estreita e não abandone a sua cruz! O Evangelho, muito mais do que normas, é uma pessoa, é Jesus Cristo. É Ele que tenho que anunciar, é o caminho de Jesus que tenho que seguir. Não posso ficar procurando amuletos para ser a minha segurança, não posso querer anunciar Jesus Cristo e viver no pecado. Não podemos ter uma fé levada pelos apetites da carne, pelas superstições. Se Deus nos deu orientações a seguir é porque existe um caminho correto. Você não pode servir ao Senhor e às coisas do mundo!

A quarta é o escudo da fé. Não importa o que você está sofrendo, nada pode te abalar, pois pela fé você sabe que em tudo você é vencedor, em Deus você pode confiar. Aquele que usa o escudo da fé é salvo de todos os tormentos. O mundo precisa da onda da fé e não da onda do espiritismo, da nova era e tantas outras ondas que estão por aí. Para ter milagres, para expulsar toda maldição da sua vida é a onda da fé. Para rasgar o inferno e levantar sua família é a onda da fé.

A quinta é o capacete da salvação. Nossa mente é o local onde todas as decisões são tomadas. A mente gera o medo, a incapacidade, a fobia, os sentimentos de derrota. Pare de acreditar nas negatividades, nas mentiras que o mundo está te dizendo! É preciso manter os pensamentos em Jesus Cristo.

A sexta é a espada da Palavra de Deus, que tem poder de curar, de libertar. Ele vai te libertar. Não acredite nas aflições, acredite na Palavra de Deus!

A sétima, é orar sem cessar. Reze sempre, até o milagre acontecer, em todas as circunstâncias.

A armadura de Deus é gratuita e está à disposição de todos aqueles que querem. Deus está contigo agora e para sempre!

Ouça oração feita por Ironi Spuldaro no início desta pregação:

 

Transcrição e adaptação: Míriam Bernardes

contribuicaocn1


Ironi Spuldaro


Membro do Conselho Nacional da RCC Brasil

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo