Deus ouve os necessitados

Roberto Tannus. Foto: Jorge Ribeiro/cancaonova.com

O Senhor ouve os necessitados e não despreza o seu povo. 
Deus ouve os necessitados. Eu pedi uma inspiração para mostrar que Ele ouve os necessitados e Ele me deu três exemplos que se encontram no Evangelho de São Lucas.

As narrativas das três viúvas (a de Naim; a que pede ao juiz; e a viúva que dá tudo o que tem na oferta do templo), ou seja, a oração das lágrimas, oração insistente e a oração de entrega. É assim que Deus nos atende, dessas três formas.

As lágrimas derramadas diante do Senhor podem ser transformadas em oração.
Em Lucas 7, 11 vemos a narrativa sobre a viúva de Naim.
Jesus passava ao mesmo tempo que o cortejo que levava o corpo do jovem acompanhado pela mãe dele, a viúva de Naim. Então, o Senhor, movido pela compaixão, dirige-se a essa mulher, Jesus sofre com ela. 

Jesus chorou várias vezes nas passagens que vemos nos evangelhos, Ele sabe o que é chorar e diz para aquela mulher que não chore. Ele viu a dor dela. Tem hora que Deus quer que nos choremos, porém que choremos diante d’Ele.

Bem-aventurados os que choram por que serão consolados

Por isso, quando estiver triste, chore no colo de Jesus.
Jesus não quer que você chore de desespero, mas que seja um choro de quem sabe que só em Jesus encontrará força e sabedoria.

Um grande profeta surgiu entre nós, pois Deus voltou os olhos para o Seu povo.
No Salmo 127 encontramos uma palavra maravilhosa: “os que semeiam entre lágrimas, colherão com alegria”.

O 2° exemplo é a história da viúva e do juiz iníquo que se encontra em Lucas 18,1-8.
É a oração insistente de uma viúva que faz com que ela consiga o que precisa. 
Jesus quer a nossa oração insistente e persistente, porque enquanto você ora, está unido a ele. Deus quer lhe dar muitas coisas.

Confira também:
.:O perdão é o remédio que traz alívio para a alma
.:Devemos colocar em prática o exercício do perdão
.:Você sabia que a falta de perdão pode ser prejudicial à saúde?

Santa Helena, mãe de Santo Agostinho, precisou esperar 28 anos para ver a conversão do seu filho. Às vezes, Deus não realiza o que nós queremos imediatamente, porque ele trabalha o nosso coração.

Em Atos 9,22 e 26 encontramos São Paulo contando o seu testemunho de encontro pessoal com Jesus. Devemos adorar Jesus em busca de nos encontrarmos com ele. 
O Senhor vai nos dando luz, força, sabedoria para resolver os nossos problemas.

O 3° exemplo encontramos em Lucas 21, 1-4, a história da viúva que deu como oferta tudo o que tinha. Todos os pobres são abençoados por Deus. Essa mulher deu tudo o que tinha, e não se arrependeu.

Façamos o mesmo, devemos dar o primeiro passo em direção do nosso Deus e n’Ele confiar. Que a cruz de Cristo seja hoje e sempre o nosso sustento.

Transcrição e adaptação: Saulo Macena

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo
Estudo da Palavra