Peregrinos participam de Acampamento Mariano na Canção Nova

Por Míriam Bernardes
Da Redação

Maio é o mês dedicado a Virgem Maria e em homenagem à Mãe de Deus a Canção Nova preparou um fim de semana com uma temática especial

Promovido pela sede da Comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP), de 15 a 17 de maio, o evento mariano proporcionou aos peregrinos momentos de fé e conversão durante as celebrações da Santa Missa, as orações, testemunhos, shows e pregações e um conhecimento mais aprofundado sobre a importância de Nossa Senhora para toda a Igreja.

Scott Hahn, pregador internacional dos Estados Unidos, pastor presbiteriano que se converteu ao Catolicismo ao assistir a celebração da Santa Missa, foi um dos pregadores do encontro.

Na sexta, 15, durante sua homilia, padre Paulinho ressaltou que “Nossa Senhora é a ponte que nos leva a Jesus. Por intermédio dela, podemos ter essa fé que encontramos em Jesus. Podemos nos colocar em seu colo e, com a ajuda dela, experimentar o amor por seu Filho Jesus”.

Ainda na sexta-feira, às 21 horas, Juliana de Paula subiu ao palco e apresentou lindas canções aos peregrinos, incluindo “Todo Poder”, que faz parte do seu CD Faça-se.

Assista à apresentação:

 

O sábado, 16, teve início com a oração da manhã conduzida por Priscila Paes e Sônia Venâncio. A primeira pregação do dia, ministrada por professor Felipe Aquino, foi a respeito dos dogmas da Virgem Maria. “Sobre Nossa Senhora a Igreja ensina quatro dogmas: a Maternidade divina, a Imaculada Conceição, a Assunção de Nossa Senhora ao céu e a Virgindade Perpétua de Maria”.

Scott Hahn pregou sobre Maria, mulher do Gênesis ao Apocalipse, e testemunhou como ocorreu sua conversão ao Catolicismo e seu relacionamento com Nossa Senhora.

Mulher_do_Genesis_ao_Apocalipse

“Eu achava o rosário uma superstição, mas eu mal sabia que o rosário ia se tornar minha oração favorita”, testemunha Scott Hahn.

: Acesse nossa loja virtual e adquira os livros de Scott Hahn Todos os Caminhos levam a Roma e O Banquete do Cordeiro

Sandro Arquejada deu continuidade às reflexões sobre Maria destacando, em sua pregação na tarde de sábado, que “Maria é paciente, orante e obediente a Deus. Nossa Senhora expressa a esperança, a fé, a humildade e o amor. Ser humilde é muito mais do que não exaltar, é mais do que não ostentar, é saber viver com sabedoria as humilhações”.

A noite de sábado foi animada com o show de lançamento do CD “A Vitória é Nossa” de padre Rodrigo Natal. As músicas contagiantes e ungidas do álbum levaram os peregrinos à intimidade com o Senhor, à alegria do alto e à certeza da vitória em Deus. Durante sua apresentação, a sacerdote foi homenageado por Adriana Arydes, Salette Ferreira e padre Joãozinho, que lhe enviaram mensagens de felicitação pelos 10 anos de sacerdócio em um vídeo, encerrando as atividades do dia 16.

Padre Paulo Ricardo, no domingo, 17, disse: “Deus, por ver que Eva foi a porta da perdição, quis que Maria fosse a porta da salvação. Maria foi escolhida por Deus para ser o caminho através do qual a salvação entraria neste mundo.”  Tema: A Virgem Maria e a Igreja

Assista a trecho da pregação:

 

“A Virgem Maria é o modelo perfeito de discipulado, ela é o modelo perfeito de seguimento a Jesus. Ela vê um problema e se volta para Jesus”, disse Scott Hahn em sua segunda partilha no Acampamento Mariano, com o tema “A Virgem Maria na piedade cristã e nos propósitos de Deus”.

A celebração da Santa Missa, presidida por padre Paulo Ricardo, encerrou estes três dias em que Deus derramou Sua graça, por intermédio da Virgem Maria, de forma especial e abundante sobre todos aqueles que participaram e acompanharam o evento.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo