Como deve ser o amor entre o marido e a mulher

“Quando você ama o seu marido e a sua mulher, você está amando a Jesus”.

como_deve_ser_o_amor_entre_marido_e_mulher

Padre Paulo Ricardo. Foto: Arquivo/cancaonova.com

Hoje celebramos a Festa dos Protomártires Brasileiros. Em 1645, no Rio Grande do Norte, encontram-se os dois martírios coletivos: o de Cunhaú e o de Uruaçu. Estes martírios aconteceram no ano de 1645, sendo que o Pe. André de Soveral e Domingos de Carvalho foram mártires em Cunhaú e o Pe. Ambrósio Francisco Ferro e Mateus Moreira em Uruaçu; dentre outros. A morte de um leigo, Mateus Moreira teve o coração arrancado pelas costas, e enquanto arrancavam o seu coração ele gritava: “Louvado seja o Santíssimo Sacramento”. Graças a estes mártires, a nossa terra foi batizada com o sangue de santidade.

As famílias precisam aprender muito com a espiritualidade do martírio. Primeiro, precisamos dar conta da grande graça que recebemos do batismo e quando estamos na amizade com Deus. São Tomás de Aquino diz ‘que a graça de Deus em uma pessoa que acabou de ser batizada, vale mais do que tudo e todo resto da criação’. Se você colocar o universo material inteiro, junto com todas as almas, valem menos. Por que a graça que nos é dada no batismo, é sobrenatural.

São Gregório Magno, diz ‘que o ser humano é um resumo de toda a criação’. Nós temos o ser como os minerais. Uma pedra somente existe. O ser humano tem o ser, e a vida do mesmo jeito que os vegetais. Em comum com os animais, temos a sensibilidade. Como os anjos nós temos a inteligência. Tudo isto é natural em nós: um ser, vegetal, animal e angélico. Mas quando você recebe a graça do batismo, você recebeu algo que está acima da sua natureza. Você está participando de uma vida que nem mesmo os anjos possuem. Quando você é batizado você recebe uma graça que é divina. É Deus que habita no seu coração, e você está junto com Ele. Se você é batizado e está em estado de graça, isto vale mais que tudo.

Deus Trindade habita no seu coração como seu amigo. Se você está em pecado, precisa confessar para retornar a graça. Se esta graça vale mais que tudo, está explicado porque vale a pena perder tudo, por causa desta graça, como os mártires que é capaz de derramar o seu sangue. A sua amizade com Deus, vale mais que a sua vida, família e bens. Os mártires nos mostram que estão disposto a perder tudo por amor a Jesus.

Peça a Deus um amor por Ele. Um amor tão forte e arraigado e sincero, que você esteja disposto a dar a vida por Jesus. Ninguém de nós é capaz de ser mártir e proclamar o Senhorio de Jesus, se não for pela graça do Espírito Santo, por isso, você precisa pedir o dom maior: o dom da fé. A virtude da fé nos é dada no batismo. Para aumentar o dom da fé é preciso pedir. A Carta Romanos diz que crescemos de fé em fé. Muitas pessoas não crescem na fé porque não pedem. Enquanto você estiver nesta vida, você pode pedir que aja mais fé. O amor que nasce da fé, é o que faz que os mártires derramem o seu sangue.

como_deve_ser_o_amor_entre_marido_e_mulher

“Marido, ame a sua esposa. Esposa, ame seu filhos! Derramem o vosso sangue sobre eles, se for preciso”, afirma padre Paulo. Foto: Arquivo/cancaonova.com

Eu sei que tem muita gente que quando prega o Evangelho nos diz: “Deus te ama”. Mas você precisa meditar mais, compreender este amor. Deus nos ama, e isto, já é maravilhoso. Mas se você não ama Deus de volta, a sua vida não muda. Imagine que você é uma pessoa da favela, e um príncipe bem poderoso, nobre e rico, se disfarça de mendigo e entra na favela e ele se apaixona pela favelada. A vida da favelada não vai mudar enquanto ela não se apaixonar pelo príncipe. O amor é assim. Ele nos torna ao nível dele. Mas se você só ama ao dinheiro, o seu coração fica ao nível do “metal”, se você ama somente o sexo, você fica um “animal”, mas se você ama a Deus, o seu amor torna-se divino.

Você precisa da fé, para reconhecer o príncipe por de trás do mendigo. Jesus veio disfarçado de dores, no fracasso da cruz e na pobreza. Ou você cresce nesta grandeza que é este amor, esta fogueira, que vai aquecendo o seu coração; ou você não vai crescer espiritualmente. Se nós amamos o que é do Céu, nós voamos com as águas, mas se ficamos apegados somente nas coisas da terra, o nosso ventre vai ficar apegado a esta terra, e vamos ficar como as serpentes grudadas ao pó da terra. Não existe amizade onde somente uma pessoa ama, e a outra não. É por isso que os mártires amaram para não perder a amizade com Deus.

Quando você casa, você casa por causa de um amor humano. A atração entre um homem e uma mulher, é um amor superior. Por que o ser humano é capaz de fazer algo que os animais não são capazes de fazer, como o de se doar, mas ainda não é um amor sobrenatural. Um exemplo: Se o seu esposo está em casa, entra um assaltante e ele se joga na frente do  assaltante, este amor é sublime, mas ainda não é sobrenatural, porque o amor sobrenatural é uma amizade com Deus.

Chega uma hora que o amor do casamento enfraquece, muxa, como em Bodas de Canaã onde o vinho acabou. O vinho no seu casamento aqui significa a oração. Você mulher tem que aproximar do seu marido, como você aproximaria de Cristo. Dai você está amando não as qualidades sobrenaturais, mas estará amando a Deus. Você pode pensar: “Jesus este homem não merece o meu amor, mas você merece Jesus”. Assim você vai amar o seu marido não somente na natureza, mas com o amor sobrenatural, por causa de Cristo. São Paulo disse: “Maridos, amem a vossas esposas como Cristo amou a Igreja”. Cristo amou a Igreja derramado o seu sangue. Marido, ame a sua esposa. Esposa, ame seu filhos! Derramem o vosso sangue sobre eles, se for preciso. 

O Espírito Santo produzido em nossos corações é capaz de amar Cristo de volta. Peça este amor ao Espirito Santo por Cristo, encarnado na sua família. Se você ainda não recebeu o santo Sacramento do Matrimônio, e está vivendo em uma união que não foi selado com esta graça, não espante que o seu matrimônio não está dando certo. Maridos amem as vossas esposas, esposas amem os vossos maridos. Pais amem os vossos filhos e filhos, amem os vossos pais, mas em Cristo e por Cristo. Quando você faz o bem para cada membro da sua família, você está fazendo o bem para Jesus. Com a graça de Cristo e do Espírito Santo, que a sua família possa alçar voo.

Transcrição e adaptação: Jakeline Megda D’Onofrio. 

Adquira esta pregação pelo telefone: (12) 3186-2600

contribuicaocn1

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo