Para ser um músico ungido, preciso ter intimidade com a Palavra de Deus

Precisamos da intimidade com a Palavra do Senhor

Rogéria Moreira – Foto: Saulo Macena/cancaonova.com

Minha história com o Ministério de Música começou há muitos anos. Antes do chamado ao ministério, em 1987, tive o meu encontro pessoal com Jesus. Lembro-me até hoje da música que tocou naquele momento: Tu és minha vida, outro Deus não há; Tu és minha estrada, a minha verdade; Em Tua Palavra eu caminharei; Enquanto eu viver e até quando Tu quiseres; Já não sentirei temor, pois estás aqui; Tu estás no meio de nós (…)”.

Essa é a música da minha vida. E para que o chamado de Deus se firmasse, se fixasse em minha vida, comecei a fazer de maneira correta o meu estudo bíblico. Ali a Palavra de Deus começou a nortear a minha vida de maneira muito mais profunda, e Deus começou a falar comigo coisas muito mais concretas. Se não fosse a Palavra de Deus e a Eucaristia, eu não estaria aqui.  

A Palavra de Deus impulsiona as nossas decisões. Precisamos a cada dia sermos mais íntimos dela, a experimentando diariamente. O que precisa nortear o nosso ministério é o estudo bíblico, o nosso momento com a Palavra, é nela que deve estar fundada o nossa vocação. Assim, cantaremos a “Palavra”, pois termos intimidade com ela.

Deus nos levará ainda mais longe se lermos a Palavra de Deus, se tivermos contato com ela diariamente

Partilha da Palavra: João 15, 1ss

Daremos frutos no nosso Ministério de Música se permanecemos em Deus, em sua Palavra, isto é, estarmos enxertados, em comunhão com Ele e com a Palavra todos os dias.

Ligados à videira, que é Jesus, a unção e a composição virão, porque temos intimidade com ele, com a Palavra. Nossa música não pode ser “sofrência”, devemos  ministrar o nosso sofrimento, mas no sofrimento de Cristo, e a nossa música precisa estar imbuída da Palavra de Deus.

Leia mais:

.:Música: a arte da evangelização

.:Músico: modelo de santidade!

A Bíblia precisa estar conosco todos os dias, precisamos a compreender e entender o que Deus tem falado conosco por meio dela.

Qual é a Palavra que te acompanha? Se Deus ainda não lhe deu, procure. Faça da sua música uma explosão de unção de alguém que tem intimidade com Deus, pois nela é Deus quem fala.

O músico precisa levar para as pessoas os fios da Palavra de Deus

Muitas pessoas queriam ter uma Capela em sua casa, mas se você temos a Bíblia, temos o Verbo, ela é a presença de Deus em nossa vida. E a nossa música precisa ser Deus falando conosco, ela precisa ser o “sermão” que cai em nosso coração.

Qual sermão temos dado ao povo de Deus? Precisamos levar um sermão de conversão, e de encontro com Deus. Se colocarmos a Palavra de Deus em nossa canção, cantaremos um Evangelho vivo. Nossas músicas precisam estar imbuídas da Palavra de Deus.

Precisamos levar para as pessoas os fios da Palavra de Deus, o músico deve sentir que seu coração foi ungido por Deus, precisa ser impelido ao trabalho, porque recebeu um talento de Deus. Necessitamos nos aperfeiçoar naquilo que é a nossa fé, precisamos escutar a Deus para poder ministrar o que tem envolvido a nossa vida, e esse envolvimento deve ser com a Palavra d’Ele.

Estude a Bíblia no seu dia a dia 

Monsenhor Jonas Abib nos deu dicas de como aprofundar no conhecimento da Bíblia e ter intimidade com ela. No livro “A Bíblia no meu dia a dia”, temos esses passos, não tem segredo, mas é necessário que queiramos estar com ela.

Quanto tempo você tem dedicado ao estudo da Palavra? Estude com seu ministério de música, e verás como um músico com intimidade com a Bíblia, torna suas canções muito mais ungidas. Leve a Palavra de Deus por meio da música. 

Transcrição e adaptação por Marcília Ferrer

Banner do canal PlayCancaonova no Youtube

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo