Como namorar a pessoa certa?

Se vamos encontrar um amor verdadeiro, é preciso saber o que devemos fazer para que o encontremos em Deus. Vou dar 10 passos para você namorar a pessoa certa.

Primeiro passo: entender o motivo, a razão de namorar. Quando você conhece uma pessoa e começa a namorá-la, porque ela cheira bem, por exemplo, o namoro não dá certo e você o termina. Se você se sente atraído pela pessoa sexual e fisicamente, isso não é o suficiente.

Conheci uma jovem que tinha um namorado que a traía, e ela sabia disso. No entanto, ela dizia: ”Não quero terminar”. Ele afirmava que, quando beijava outra garota, pensava nela. A infidelidade é uma característica que você aceitaria no casamento? Então, também não pode aceitá-la no namoro! Precisamos namorar para discernir o casamento.

Fernanda Soares e Jason Evert. Foto: Deivison Francisco/FotoCN

Segundo passo: conheça a inteligência e a moral da pessoa com quem você namora antes do casamento. Conheço uma jovem que diz não se casar se o rapaz não for merecedor de seu corpo. Não que ela seja belíssima, mas reconhece seu corpo como templo do Espírito Santo.

Minha esposa, por exemplo, não sabia o que queria em um rapaz. Então, fez uma lista com 60 características que ela gostaria que um jovem tivesse. Mas passou três anos sem namorar ninguém. Depois desse tempo, começou um namoro comigo. Foi, então, que ela começou a fazer uma investigação sobre as minhas qualidades usando a sua lista de 60 itens. Isso, no entanto, havia se tornado uma barreira em volta de seu corpo e coração; e eu precisava ser homem o suficiente para superar aquelas barreiras.

Meninas, não queiram um homem perfeito, sejam vocês perfeitas.

Terceiro passo: traga sua família para seu relacionamento. Eu sempre perguntava à minha mãe: “O que você acha da Cristalina?”. Se seus relacionamentos não forem bons, você vai querer escondê-los da sua família. Um rapaz conheceu uma garota, mas o pai dela não permitiu que ela namorasse, pois queria que sua filha se concentrasse nos estudos. Mas os jovens começaram a namorar escondido. Ele, no entanto, não conseguia mentir para o pai da moça. Então, decidiu terminar o relacionamento.

Nesse tempo em que estiveram juntos, escreveram centenas de cartas amorosas um para o outro. Ele as colocou numa caixa, enterrou no quintal na casa dela e se foi. Rezou a Deus pedindo que, se ela fosse a esposa da vida dele, que o Senhor abrisse o coração do pai da jovem. Três meses depois, o pai dela ligou para ele e lhe disse que gostaria de tê-lo em sua família, que sua filha estava preparada para namorá-lo.

Um dia, ele a convidou para plantarem uma árvore. Chegando lá, ele desenterrou a caixa e retirou a última carta que ele havia escrito para ela, mas que ela nunca havia lido. Lá, estava o pedido de casamento que ele havia escrito para ela. O rapaz o fez de joelhos. Hoje, eles são casados e têm um família linda!

No casamento, na intimidade sexual, você está ligado ao outro e deve focar no lado bom dele, não no mau. Ela deve se esquecer de que ele ronca, que bebe leite diretamente na garrafa etc. Agora, imagine o sexo fora do casamento! Você foca no lado bom do outro e não percebe que tem um relacionamento ruim, o sexo tapa a visão do relacionamento. As pessoas de fora percebem que o relacionamento não vai bem, mas você não.

Quarto passo: Faça com que seus compromissos sejam claros. Hoje, as jovens estão confusas, porque os homens não lhes dão segurança. A garota passa horas na casa da amiga falando do rapaz, e ele está em casa jogando e não fala dela com ninguém. A mulher fala três vezes mais palavras do que os homens. Nos relacionamentos, os moços não falam; então, a jovem não sabe o que ele está pensando. Por isso, é importante que os homens aprendam a falar também. Se você tem dúvidas se namora ou se vai ser sacerdote, não namore! Vá discernir a vocação primeiro. O relacionamento precisa ser planejado até mesmo nas paqueras. Quando você for levá-la para namorar, puxe a cadeira para ela se sentar, dê a melhor visão para ela, sente-se virado para a parede e mostre que seu foco está nela. Depois de casado, você precisa continuar namorando sua esposa.

Quinto passo: Namore face a face. Desligue o computador, não fique namorando só na internet, você precisa namorar olhando para o rosto da sua namorada.

Sexto passo: Mantenha a pureza. O futuro do seu relacionamento não é determinado pela intensidade das suas emoções. A proximidade do sacramento do matrimônio não lhe dá a oportunidade para pecar mais. Quanto mais perto do sacramento, tanto mais você deve se preocupar com a alma daquela pessoa. A mulher, no dia do casamento, você vai usar um vestido branco, por isso deve fazer com que a sua alma esteja da cor do vestido do seu casamento. Aquilo que é externo não vai penetrar sua alma, mas a sua alma vai resplandecer no seu exterior.

Por que, então, no dia do casamento, o homem usa preto? Assim como o sacerdote, ele usa preto para mostrar que, a partir daquele momento, morreu para si, a fim de que o outro viva. Isso é próprio do homem, e assim deve ser no casamento.

“A pureza de Deus Pai é o nosso patamar”, afirma Jason. Foto: Deivison Francisco / Foto CN

São João diz, em suas cartas, que nós devemos ser puros como Deus é puro. A pureza do Senhor é o nosso patamar. A Igreja não diz para você não ir até o fim; pelo contrário, ela diz: “Vá até o fim, dê a ela seu último nome, um anel, toda sua respiração”.

João Paulo II afirmou que o homem não pode viver sem amor. Mas só o homem puro e a mulher pura podem viver o amor, porque desejam o céu um para o outro.

Sétimo passo: Evite ocasiões de pecado. Desejo sexual não é o mesmo que luxúria. Se você não tem desejo sexual, não quer dizer que você seja santo, quer dizer que você está provavelmente morto. Há diferença entre um passarinho voando sobre você e um passarinho fazendo um ninho na sua cabeça. Quando vierem os desejos, leve-os para Deus. Você pode rezar o tempo todo. Vocês, moças, podem ajudar a nós homens em nossa pureza sendo modestas. Não usem blusas mostrando a barriga; a barriga do homem não é muito excitante, já a barriga da mulher é o tabernáculo da vida. Você, mulher, tem o poder de mudar o homem. 

Oitavo passo: Não morem juntos antes de se casar. Pessoas que moram na mesma casa antes de se casarem são duas vezes mais propensas ao divórcio. Muitas pessoas afirmam que moram na mesma casa, antes do casamento, para ver se são compatíveis, mas homem e mulher nunca serão compatíveis.

Meninas, pensem nisso: vocês saem uma noite com o rapaz, ele é grosso no fim da noite e simplesmente lhe diz:  “tchau”. Agora, imaginem com seis meses de namoro! Imaginem se vocês tiverem relação sexual! Será muito mais difícil romper esse namoro.

Nono passo: Curta sua vida de solteiro. Em vez de correr atrás de um jovem, corra atrás de Deus! Muitas moças estão tão preocupadas em correr atrás de um rapaz que se perdem de si mesmas. Depois de ter corrido atrás de Deus, olhe para o seu lado e veja quem está correndo atrás do Senhor com você. Porque um homem que não busca Deus não pode educar seus filhos.

Último passo: Não perca a esperança! Pode ser difícil, mas Deus responde nossa oração. Com Cristo nós podemos fazer qualquer coisa.

Transcrição e adaptação: Rogéria Nair


Jason Evert


Pregador internacional sobre Teologia do Corpo

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo