How Loves me?

‘How loves me’ é descobrir o jeito que Deus nos ama e vivermos a experiência desse amor

How Loves me?

Maria de Fátima.
Foto: Paula Dizaró/cancaonova.com

‘How Loves me’ significa ‘Como Ele me ama’. Hoje, queremos falar da experiência de amar e ser amado. Quando conhecemos alguém que não viveu a experiência de ser amado nem viveu a experiência do amor de Deus, encontramos pessoas muito machucadas.

O modo como alguém nos ama é muito importante, porque podemos nos sentir amados ou usados. Esse sentimento faz uma grande diferença! E assim nós também temos de tomar cuidado para não usarmos os outros.

São João Paulo II diz que o contrário de amar é usar, e não odiar. Hoje, muitas vezes, usamos as pessoas e amamos as coisas, ou seja, o contrário do que, realmente, deveríamos fazer. Por isso, esse modo como amamos as pessoas é muito importante.

Deus nos ama a Sua maneira, assim como cada um de nós tem sua maneira de amar. Em Efésios, vemos como a Palavra compara o amor do marido e da mulher ao de Cristo com a Igreja; assim, Cristo amou a Igreja até o último suspiro, dando a vida e não retendo nada para si.

Podemos ver, no amor do matrimônio, o ‘how loves me’, ou seja, como Deus ama cada um de nós. Cristo faz isso por nós, Ele se doou inteiramente a nós, como o casal se doa um ao outro no casamento. Deus não é capaz de amar sem se doar por inteiro.

Uma das grandes feridas do homem é não ser correspondido no amor, mas Deus nos diz que sempre que O procurarmos nós O encontraremos. Mas só poderemos encontrar esse Amor quando nós também nos entregamos a Ele.

Confira também: 
.:Voltei ao primeiro amor
.:Revolução Jesus oferece shows com renomados músicos católicos
.:Jovem, tenha a coragem de seguir!

Nós temos sede de amor, e Deus é amor, então, podemos constatar que temos sede de Deus. Estamos sempre buscando o amor, e mesmo quando estamos bem em outros aspectos da vida, sempre estamos procurando algo. Quando buscamos algo para preencher nosso coração, significa que ainda não nos encontramos com o amor de verdade, que é Cristo.

Às vezes, quando não fizemos ainda a experiência com Deus, podemos achar que Ele não nos ama, mas quando experimentamos o amor d’Ele, vemos que somos saciados. Mesmo com o furor da paixão no primeiro momento, o amor de Deus permanece em nós e nos realiza.

O amor não se resume às emoções, mas ao comprometimento entre as partes. “How loves me”, assim é o amor verdadeiro de Deus.

Banner do canal PlayCancaonova no Youtube

Transcrição e adaptação: João Paulo dos Santos

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo