Pai e mãe: fecundação dom de Deus

Quando o homem e a mulher decidem se unir para formar uma família, Deus lança sobre o casal uma bênção especial

PaiemaefecundacaodomdeDeus

Eros Biondini. Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Eu tenho a graça de estar em família, há 9 anos, desde o primeiro acampamento ‘Canção Nova Sertaneja’.

Tão bom participar de um acampamento com tanto calor humano! Nossa sociedade tem muito a aprender com essa acolhida de vocês. Que nesse ambiente todos nós possamos ser abençoados!

Depois de termos ouvido tantas coisas bonitas sobre dar e receber perdão, de ver pais e filhos se perdoando, Deus agora quer nos falar de uma Palavra muito profunda, a virtude de ser pai e mãe, de construir uma família.

A Bíblia tem mais de 1500 páginas. Quantos ensinamentos, quantas palavras de sabedoria e cura! Mas, na primeira página do livro de Gênesis, Deus tem uma palavra profética:

Gn 1,26: “E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra. E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra”.

Pode ser que muitas pessoas, que não tenham noção do que acontece na roça, não façam ideia da luta do homem do campo. Talvez não consigam interpretar o sentido dessa palavra, do plano de Deus para a vida do ser humano, mas vocês que participam deste acampamento sabem bem.

O Papa Francisco reinterpreta toda essa Palavra da criação. O ser humano não pode querer reinar sobre a natureza como os poderosos deste mundo fazem, tiranizando as pessoas e explorando a terra. Ele diz que o homem tem o poder de reinar sobre a natureza na ótica de Deus, que é de zelar e cuidar.

Deus tem um plano para a vida do homem, que é fazê-lo crescer e melhorar.
Sempre existe algo em nós que precisa e pode melhorar, porque Deus diz: “Crescei, multiplicai, avançai…”. Essa é a ordem do Senhor para nós, para que possamos ir além no amor, no perdão e na compaixão.

A Palavra finaliza dizendo: ”…e Deus os abençoou”.

O Pai do Céu, quando nos criou, também nos consagrou e lançou sobre nós uma bênção que o acompanhará, e ela é fundamental.

Quando Deus criou o homem e a mulher, Ele os criou à Sua imagem e semelhança, por isso nunca devemos nos menosprezar; senão estaremos menosprezando a imagem maravilhosa do Pai.

Paiemae_fecundacaodomdeDeus

“Deus tem um plano para a vida do homem, que é fazê-lo crescer e melhorar.” Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

O Senhor nos criou e abençoou, isso é fundamental para nossa vida

Muitos de nós acham que a vida nunca dá certo, que as coisas não andam. Mas se não tivermos consciência dessa bênção, vamos achar que nada vai dar certo mesmo.
Repita isso: “Deus está me abençoando. Deus está me abençoando, Ele está derramando Sua bênção sobre mim”.

O projeto do Senhor para nós como família vem acompanhado de uma bênção, por isso não precisamos carregar o peso de qualquer maldição que seja.

Podemos estar sofrendo, passando por um momento difícil e complicado, mas é certo que Deus está nos abençoando. Ele nos abençoa não apenas nos dias bons, mas também nos dias ruins. Nós queremos viver debaixo dessa bênção, e ela está a nossa disposição. Precisamos nos agarrar a ela.

Quando o homem e a mulher tomam posse dessa missão: “crescei e multiplicai, dominai a terra”, e decidem se unir para formar uma família, Ele, imediatamente, lança sobre o casal uma bênção especial, a qual faz os caminhos se abrirem para a família. Ter um filho é sinal da bênção de Deus. Não há como vivermos sem a bênção d’Ele.

Eu vi de perto, na tragédia de Mariana (MG), as famílias que perderam tudo e, ainda assim, havia fé na força da família. Mesmo nos momentos de luta e sofrimento, Deus está nos enxergando. Em nenhuma situação da nossa vida, Ele nunca nos desampara.

O dom de ser pai e mãe nos dá dignidade e valor, dá-nos a garantia da bênção de Deus.
Quero finalizar dizendo a você, pai e mãe, que nenhum sacrifício que você fizer por seus filhos será em vão ou passará em branco pelos olhos de Deus. Nenhuma noite perdida será em vão.

Às vezes, todos nós podemos nos questionar: “Onde foi que eu errei?”. Somos seres humanos imperfeitos, mas nenhum desafio pode ser motivo de culpas ou acusações. Devemos aproveitar da graça para colhermos, mais à frente, um testemunho para a glória do Pai se manifestar.

Deus sabe das nossas lutas, Ele sabe do nosso esforço. O Senhor nos honrará por termos sido bons pais e boas mães. Deus está nos abençoando na realidade em que vivemos.

Transcrição e adaptação: Tatiane Bastos

contribuicaocn1


Eros Biondini


Músico católico de Belo Horizonte (MG)

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo