Combatentes, não se desesperem!

“Esperem no Senhor! Muitas vezes, vocês serão desgastados, esgotados, mas na presença do Senhor serão fortalecidos”, exortou o padre Roger Luís em sua pregação durante o Acampamento no Combate da Oração em 2009.

O sacerdote citou ainda a anemia espiritual na qual vivem aqueles que não buscam o Senhor: "Quem deixa de ir à Santa Missa fica 'anêmico espiritualmente', sem 'vitamina', sem força e sem vida. Você precisa buscar o Senhor sempre! Na Adoração Eucarística, na Santa Missa, nós vamos nos fortalecendo, pois Deus é por nós! Se olharmos para nossa história de salvação, vamos ver que Ele esteve sempre presente na vida dos seus! Deus é imutável, e se Ele acompanhou esse povo do passado, também está conosco agora.”

:: Acreditar e testemunhar Jesus Cristo

O fundador da Comunidade Canção Nova, monsenhor Jonas Abib, relembra a autoridade que tem o nome de Jesus Cristo. “Como cristãos, devemos ter sempre o nome de Jesus nos lábios, principalmente na oração para cura física, para a cura interior e na oração de libertação. Não se trata de algo mágico, como se bastasse proclamar o nome d'Ele para que as curas e libertações acontecessem. O nome de Cristo significa “Deus salva”, ou seja, ao proclamar o Seu nome, em determinada situação, afirma-se: “Deus salva! Deus salva esta pessoa! Deus salva nesta situação!”. É uma proclamação e, portanto, seus intercessores precisam sempre proclamar o nome de Jesus como o “Deus que salva”.

Confira um trecho da homilia com o padre Edmilson Lopes que aconteceu no acampamento de 2012:

O Acampamento no Combate da Oração acontece, todos os anos, na sede da Comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP). Neste ano, o encontro vai acontecer entre os dias 23 e 25 de agosto. Convide sua família para viver momentos de profunda espiritualidade durante as pregações, adoração ao Santíssimo Sacramento e Santa Missa.

Leia também:
:: Faça a experiência da glória
:: Revestidos com o capacete da salvação
:: Cinturão da verdade

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo