Coração de São Camilo presente na Canção Nova

Durante a Quinta-feira de Adoração, dia 12 de julho, na sede da Comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP), os fiéis presentes e aqueles que acompanharam a programação pela TVCN puderam pedir a intercessão de São Camilo por meio de sua relíquia.

'Fiéis pedem intercessão de São Camilo'
Foto: Maria Andrea/Cancaonova.com


A relíquia é o coração de São Camilo,
santo padroeiro dos doentes, dos hospitais e dos profissionais de saúde. Ela fica exposta em Roma, na Itália, mas, atualmente, está em peregrinação pelo Brasil. Este momento, em que o coração do santo visita o país, faz parte das comemorações da chegada dos padres camelianos Inocente Radrizzani e Eugênio Dallagia ao Brasil, no ano de 1922, para implantar uma colônia dos filhos de São Camilo na cidade de Mariana (MG).

A Canção Nova foi um dos locais escolhidos para a visita do coração do santo cameliano, pois, segundo o padre Francisco de Lelis Maciel, muitos dos enfermos brasileiros, que se encontram nos leitos dos hospitais ou em casa, acompanham a Canção Nova pela TV, e esta é uma forma de levar a relíquia de São Camilo a todas as pessoas que necessitam de conforto e que rezam pedindo sua intercessão.

“Pensei: porque não visitar a Canção Nova, uma vez que os doentes assistem à emissora católica? Para nós, o importante é fazer com que os adoentados, que estão nos seus leitos, possam contemplar e pedir a intercessão de São Camilo, já que a origem do nosso carisma cameliano é olhar para eles. É a Igreja se unindo para chegar a todos os doentes”, explicou padre Francisco.

'São Camilo traduziu em gestos aquilo que Jesus fez ', disse padre Léo.
Foto: Maria Andreia/Cancaonova.com

Para o Provincial e Presidente das Organizações Camilianas Brasileiras, padre Léo Pessini, a visita da relíquia às comunidades brasileiras, justo no ano que a Campanha da Fraternidade trata sobre as questão da saúde, é uma feliz coincidência.

“São Camilo traduziu, em gestos e palavras, aquilo que Jesus fez, ou seja, ser o Bom Samaritano no meio dos feridos e doentes no mundo”, frisou o sacerdote.

Durante a tarde, o tema da pregação do sacerdote foi "Pastoral da Saúde: solidariedade no mundo dos sofrimentos". Quando interrogado, durante a entrevista, sobre a questão da saúde pública no Brasil, padre Léo deixou claro que os brasileiros precisam aprender a exigir um sistema de saúde bom, pois é uma obrigação do Governo.

“A Campanha da Fraternidade veio trazer um choque de conscientização ao povo brasileiro, mostrando que saúde é direito, não é caridade”, ressaltou o provincial.

Leia também:

:: Gigante da caridade, protetor dos enfermos
:: Devemos ser fiéis ao mandamento do amor

 

Conheça mais do nosso conteúdo:

:: WebTVCN, muitos vídeos para você
:: Gente de fé, a sua comunidade de relacionamento cristã
:: Podcasts: ouça áudios sobre variados assuntos
:: Cadastre sua paróquia ou capela no Portal Canção Nova

Para o seu celular:

:: Canção Nova Mobile
:: Conheça nossos aplicativos para iOS
:: Conheça nossos aplicativos para Android

Mais canais na web:

:: meadiciona.com/cancaonova 

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo