Curados para honrar o nome do Senhor

A liturgia nos mostra, nesta abertura do Hosana Brasil, dois cegos. Para entender esse Evangelho, é importante saber que Jesus estava andando pelos caminhos do mundo, quando os cegos gritaram e foram atrás d’Ele. O Senhor, então, saiu do mundo, daquele lugar aberto a todos onde estava para entrar numa casa, um local sagrado. Ele acolheu os cegos e estes se aproximaram do Senhor. O milagre? A cura da cegueira. O cenário? O interior de uma casa.

“Quem não aprende a enxergar dentro de casa sempre vai ser um cego no mundo”. Enxergando dentro de casa, para onde Jesus os havia levado, os cegos experimentaram um processo de cura.

É verdade que, muitas vezes, dentro da nossa casa, nós nos tornamos cegos, porque, ao invés de nos aproximarmos uns dos outros, vamos nos distanciando; não uma distância física apenas, mas de coração, pois esta nos cega.

Os cegos se aproximaram de Senhor e Ele os acolheu, estabelecendo com eles um diálogo. O Senhor entrou naquela casa para transformar a vida daqueles homens.

Muitas vezes, a distância que existe entre o homem e a mulher começou pela falta de diálogo. Se dentro da sua casa falta diálogo, você é mais um cego, junto daqueles do qual a liturgia fala.

Jesus perguntou-lhes: “Vós acreditais que eu posso fazer isso?” Eles responderam: “Sim, Senhor”. Então Jesus tocou nos olhos deles, dizendo: “Faça-se conforme a vossa fé” (Mateus 9,28-29).

Jesus não precisava tocar para curar, mas para estabelecer um diálogo eficaz. Ele falou e usou a linguagem que aqueles homens sabiam compreender. Ele os tocou. Sabe por que nosso diálogo não é estabelecido? Porque queremos conversamos com o outro sobre aquilo que nós definimos, mas a linguagem do amor tem coragem de abrir mão de si para falar como o outro pode entender. Jesus se colocou no tamanho daqueles cegos. Ele os tocou e os curou.

A linguagem que cura é aquela capaz de chegar na altura da pessoa que precisa ser curada. Pais que estão “rebolando” para dar conta de educar os filhos, precisam colocá-los no colo, olhar nos olhos, beijá-los, sentir o cheiro da boca deles, tocá-los.

Mas Jesus também os advertiu: “Tomai cuidado para que ninguém fique sabendo” (Mateus 9,30). Cristo estava continuando o processo de cura deles. Eles obedeceram? Não. Diz a Palavra: “Mas eles saíram, e espalharam sua fama por toda aquela região” (Mateus 9,31).

Quem não aprendeu a enxergar, nunca vai saber a hora de falar. Quem não aprendeu a contemplar o que acontece dentro de casa, sempre vai ser um cego do lado de fora.

Jesus fez tudo direitinho, mas se eu tivesse ao lado d’Ele, eu Lhe diria: “Cure um de cada vez e cure a língua também, porque quando os olhos se curam, a língua precisa ser reeducada.

Quando a língua fala demais, é sinal de que os olhos estão doentes. Quem não sabe enxergar, também não sabe a hora certa de falar e de calar. Dentro de uma casa, a palavra certa dita de forma errada, na hora errada, pode estragar uma família.

Hoje, vamos pedir que Jesus cure a nossa língua, porque nossos olhos doentes treinaram-na para a murmuração.

A primeira leitura de hoje nos diz: “Quando contemplarem as obras de minhas mãos, hão de honrar meu nome no meio do povo. Honrarão o Santo de Jacó” (Isaías 29,23). Tudo a ver com o Hosana Brasil! Um encontro para honrar o nome do Senhor. No entanto, a condição é que nossos olhos aprendam a contemplar, ou seja, a olhar atentamente, demoradamente, enxergar por inteiro.

Nós, no entanto, fazemos parte de uma geração que não sabe contemplar, porque excluímos da nossa vida tudo o que demora, tudo o leva tempo.

Hosana Brasil é um ato, uma escolha de dar honra ao Senhor Jesus, mas para que isso aconteça é preciso conversão. Faça um experiência de conversão e aprenda a enxergar a sua vida por meio dessa luz que é o Senhor. A primeira coisa que os cegos enxergaram, naquela casa, foi a luz de Jesus.

Deus inventou o Hosana Brasil para as pessoas curadas nos olhos, saradas na língua. Hoje, são muitos os cegos, mas podemos experimentar muitas curas nos olhos, na língua e no coração. Prepare-se para este Hosana Brasil!

“Senhor, entre com Sua luz, pois eu Lhe apresento muitos cegos. Aproxime-se de nós, da nossa casa, dos relacionamentos de pais e filhos, de homem e mulher. Que o Hosana Brasil seja uma experiência de encontro pessoal Contigo, uma experiência de conversão.”

Na Eucaristia, Jesus, que estava fora, entra em você e cura seus olhos, sua língua, seu coração. Isso é Hosana Brasil!

Transcrição e adaptação: Michelle Mimoso

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo