Fiéis percorrem quilômetros em busca de cura

Fiéis de todo o Brasil vieram ao Acampamento de Cura e Libertação com o exorcista padre Rufus Pereira, que acontece na sede da Comunidade Canção Nova em Cachoeira Paulista (SP), neste sábado dia 27, para buscarem a libertação em suas vidas e em famílias.

O cancaonova.com entrevistou algumas pessoas que testemunharam o desejo de libertação.
Confira!

Casal Vivalda e Geraldo de Maringá (PR)
Foto: Eliziane Alves

 

 Este casal que percorreu mais de 12 horas de viagem, de Maringá (PR) até Cachoeira Paulista (SP), veio com uma excursão de 44 pessoas especialmente para o acampamento de cura e libertação. Eles vieram com intuito de receber a graça da libertação de muitas angústias e de mais espiritualidade. O casal que pela primeira vez pisa no território Eucarístico que é a Canção Nova, está na expectativa de um final de semana cheio de bênçãos e curas.

Vivalda Sueli Borges, 40 anos, advogada
Geraldo Carneiro, 45 anos, dentista, Maringá (PR)

 

 

 

Sueli de Muriaé (MG).
Foto: Eliziane Alves

 

Sueli, que sofre há 13 anos de depressão profunda, veio ao acampamento em busca de cura e de uma solução para o seu casamento. Ela que percorreu mais de 7 horas de viagem para estar aqui na Canção Nova pela oitava vez, busca Deus para encontrar a resposta e a cura.

Sueli de Souza, 36 anos, bordadeira a máquina, Muriaé (MG)

Maria Aparecida de Serra (ES).
Foto: Eliziane Alves

 

 

Maria percorreu mais de 10 horas de viagem com sua caravana, com mais quatro ônibus, equivalente a 200 pessoas. Ela que veio a cinco anos atrás na inauguração da pedra fundamental do Centro de Evangelização Dom João Hipólito de Moraes, se espanta com o crescimento da Canção Nova. Veio em busca da cura da pressão alta, do medo e da libertação de toda família. Está muito feliz por estar participando deste acampamento e com o coração aberto a ação do Senhor.

Maria Aparecida Viana, 42 anos, Comerciante, Serra (ES)

Jociane de João Neiva (ES).
Foto: Eliziane Alves

Jociane que percorreu mais de 12 horas de viagem, veio pela primeira vez à Canção Nova com uma caravana de quatro ônibus, mais de 200 pessoas. Ela foi convidada por uma tia de São José dos Campos (SP) e hoje já toca na espiritualidade do lugar, dizendo que aqui é um "pedacinho do céu", que quando colocou os pés já se sentiu curada e bem melhor. Ela que veio em busca de saúde para sua família e com muitos pedidos de oração de seus amigos do estado do Espírito Santo.

Jociane Delonardo, 30 anos, Enfermeira, João Neiva (ES)

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo