O homem do campo tem sede de ouvir a Palavra de Deus

A manhã de domingo, da sétima edição do Acampamento Canção Nova Sertanejafoi marcada por testemunhos, alegria e muita música. Na primeira pregação, diácono Nelsinho Correa falou da profecia utilizada pelo monsenhor Jonas que rege a Canção Nova: “No fim dos tempos acontecerá que o monte da casa do Senhor estará colocado à frente das montanhas, e dominará as colinas. Para aí acorrerão todas as gentes, e os povos virão em multidão: Vinde, dirão eles, subamos à montanha do Senhor, à casa do Deus de Jacó: ele nos ensinará seus caminhos, e nós trilharemos as suas veredas. Porque de Sião deve sair a lei, e de Jerusalém, a Palavra do Senhor (Isaías 2, 2-3).

“Há um tempo atrás, o Senhor colocou no coração monsenhor Jonas Abib uma profecia de que este monte, o lugar em que estamos, seria chamado o 'monte do Senhor'. Essa profecia se cumpriu e a Canção Nova está entre montanhas, no lugar que Deus quis,” afirmou diácono Nelsinho.

Geraldo Galvão e diácono Nelsinho Corrêa durante a pregação
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Durante a pregação, o missionário partilhou os momentos difíceis que a Comunidade Canção Nova viveu no início: “O Senhor falou ao coração do padre sobre a Canção Nova, e muitas pessoas não acreditavam e até mesmo duvidavam da profecia, mas monsenhor Jonas, juntamente com a Luzia Santiago, não desistiram. Foi um início muito difícil, com calúnias e difamações. Mas, depois Deus deu a graça de eles prosseguirem na missão.”

Durante sua pregação, diácono Nelsinho convidou o senhor Geraldo Galvão, um dos membros mais antigos da Canção Nova, para testemunhar: “Naquela época eu me perguntava por que eu, da roça, vim viver em uma comunidade. E nessa noite não consegui dormir, o Senhor me incomodava, fui busquei a oração e li na Palavra de Deus: 'A verdade vos libertará!'. E é isso, irmãos, eu conheci a verdade, conheci Deus através da Canção Nova”.

A equipe do cancaonova.com percorreu a Chácara de Santa Cruz e entrevistou a mineira Andreia Adelar, que promove missas em estilo sertanejo, em sua paróquia, na cidade de Sete Lagoas (MG): “Esta é a décima vez que tenho a oportunidade de vir à Canção Nova, sendo a primeira vez no evento sertanejo e tem sido um verdadeiro aprendizado e é uma bênção estar aqui!”

“Esta é a décima vez venho à Canção Nova," conta Andreia
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com


Muitos cavaleiros também vieram prestigiar o encontro, como o jovem Ruan de Oliveira, 28 anos, da cidade de Piquete (SP), que falou da alegria de saber da importância de estar com pessoas tementes ao Senhor: “Tenho experimentado muitas bênçãos, estou contente por ser a segunda vez que participo e quero vir outras vezes. Aqui encontrei pessoas que buscam Deus na simplicidade!”

"Aqui encontrei pessoas que buscam Deus na simplicidade!”, afirma cavaleiro
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com


No palco do Centro de Evangelização, padre Piriquito ministrou a segunda pregação do domingo e destacou a respeito da fé do sertanejo: “A Igreja somos todos nós e precisamos acreditar nos sinais que Deus nos revela, seja por meio de situações ou por intermédio de pessoas. Quando conhecemos aquilo que Deus no fala, somos chamados a ser fiéis e para sermos fiéis precisamos saber diferenciar o certo do errado.”

Diácono Nelsinho e padre Junior Piriquito pregam na CN Sertaneja
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo