O mundo não precisa de ídolos, mas sim de exemplos

Ao som da música “Vinde, ó Espírito Santo”, de Walmir Alencar – improvisada a capella com mais de 100 vozes -, o fundador da Missão Mensagem Brasil, Eugênio Jorge, começou o workshop “Cantar em Espírito e verdade”, na noite deste sábado (10), durante o Acampamento para Músicos e Artistas.

Logo depois, o coro entoou numa só voz a linguagem dos anjos, num chamado a Deus para abençoar aquela partilha. Em seguida, Eugênio solicitou que os participantes abrissem a Bíblia no Evangelho de São João 4,  que seria o embasamento para toda a palestra.

A passagem fala sobre a visita de Jesus a Samaria, numa localidade chamada Sicar, onde encontrou-se com uma samaritana. Ele parou para descansar junto a um antigo poço, quando a mulher ia retirar água. A conversa que se seguiu desafiou ela e uma cidade cheia de pecadores a mudarem suas vidas e seu destino eterno.

Eugênio Jorge durante o workshop
Foto: Ariane Fonseca

“Jesus tinha sede e pediu para a samaritana Lhe dar o que beber. Nós também temos sede e, enquanto não a matarmos, não estaremos capacitados para matar a sede dos irmãos. Se você canta, mas não está saciado pelo Espírito Santo, não O busca todos os dias, não conseguirá levar a evangelização para os outros”, explicou Eugênio.

O missionário acrescentou ainda que os músicos e artistas precisam levar o seu balde e a sua corda todos os dias na fonte, que é Deus, para reabastecer. “Talvez seja simples o seu ministério – o balde furado e a corda velhinha. Mas nem por isso você tem que deixar de ir no poço”, disse Eugênio, enfatizando ainda que é a fé o mais importante. “Pode ser que ninguém dê nada para o seu ministério, nem você mesmo, mas se tiver fé irá saciar sua sede e o dos seus irmãos. Faça o melhor para Deus com o instrumento que Ele te confiou”.

O fundador da Missão Mensagem Brasil falou também sobre os objetivos dos músicos e artistas cristãos. Segundo ele, a meta destes profissionais de Deus não pode ser brilhar no palco, vender milhares de CDs a fim de ganhar dinheiro e fama. A missão dele é transbordar o Espírito Santo para a Glória do Senhor. “O mundo não precisa de ídolos, precisa de exemplos bons que façam a diferença”, exclamou.

Para concluir, Eugênio proclamou uma parte da canção “Celebra a vitória”, também de Walmir Alencar, que diz: “Abraça o que é teu, permanece fiel  e luta sem desanimar. Ergue-te, pois, Deus te fez um vencedor”, explicando que, mesmo com a tempestade, a persistência é a maior vitória do músico e do artista cristão.

Assista um trecho do workshop:

Veja também:

:: Leia este conteúdo no Iphone
:: Cadastre sua paróquia ou capela no Portal Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo