Seminários de cura e de dons são destaques deste acampamento

As Atividades paralelas já se tornaram tradicionais nos eventos da Canção Nova. No acampamento deste final de semana, que traz como tema: "Jesus, o médico dos médicos", o público pode aproveitar os horários de intervalo para participar do Seminário de Dons, que acontece na Ermida da Mãe Rainha, na Chácara de Santa Cruz, ou mesmo, do Seminário de Cura Interior, no Auditório São Paulo. Há poucos minutos, Laércio Oliveira e Vitor, também membros da Canção Nova, rezaram e pregaram para o povo que se reuniam nas proximidades da Ermida. No Auditório repleto de peregrinos vindos das mais diversas regiões do país, o membro da Canção Nova, Bosquinho, conduziu um forte momento de oração.

Nesta tarde deste sábado, os missionários da comunidade, Eliana Ribeiro e Emanuel Stênio, conduziram um grupo de oração.

"Os dons existem para ser colocados a serviço. Quando a gente tem uma experiência com Deus, tem uma vida em Deus, Ele nos dá os dons mesmo", pregou Vitor. O missionário acrescentou que com o tempo as coisas podem esfriar, alertando quanto ao orgulho que pode atingir as pessoas que fazem uso destes dons. "As leis de Deus, como diz a Palavra, são irrevogáveis. O dom não acaba, mas, pode cair em desuso", disse. "O primeiro chamado de Deus pra você e pra mim é a minha santificação", enfatizou.

O superintendente dos Eventos da Canção Nova, Robson Luiz dos Santos, afirmou que as atividades paralelas na Canção Nova foram criadas para dar mais opções às pessoas que frequentam a sede da comunidade. Robson testemunhou: "Criamos na hora dos intervalos, momentos em que as pessoas possam viver uma experiência com Deus, um momento de espiritualidade. Temos muitos testemunhos de pessoas que vieram, participaram o acampamento todo, mas, que só foi tocado na atividade paralelas".

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo