Superação e reflexão marcam manhã de trilha no "Aprofundamento Radical"

Chuva forte, frio e muita lama. Estas são as palavras que resumem o cenário que cerca de 40 jovens viveram na manhã desta quinta-feira, 13, na trilha de cura e libertação do "Aprofundamento radical" – uma das atividades do Acampamento 'Revolução Jesus', que acontece até domingo, 16, na sede da Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP).

Conduzidos pelos missionários da comunidade católica, Magda Ishikawa e Messias Faria, os jovens passaram por obstáculos a fim de ter um encontro pessoal com Jesus. O objetivo da atividade é mostrar que, mesmo quando se está no pecado, o Senhor não abandona Seus filhos.

Depois de longa caminhada, jovens passaram pela lama
Foto: Clarissa Oliveira

Antes de começar a trilha, foi entregue a cada participante uma folha sulfite em branco, representando a vida de cada um deles. Em seguida, os jovens desceram, em rapel, uma ladeira íngrime e escorregadia. Ela representava o começo da jornada, uma volta ao passado para analisar tudo que foi vivido até aquele momento.

Enfrentar um rio, com correnteza, foi o próximo desafio. Dando as mãos uns aos outros, eles foram convidados a refletir sobre a realidade do cristão, que rema contra a maré. "O mundo pede para gente usar camisinha e fazer sexo antes do casamento, mas nós temos que viver a castidade!”, explicou Messias.

O jovem Lucas Silva, de Búzios (RJ), conseguiu sentir a presença de Deus nessa etapa do caminho. “Na hora em que estava atravessando a correnteza, meu papel [que representa a vida] sumiu sem que eu visse e uma pessoa veio e me avisou. Muitas vezes, a gente está vivo, mas perde a vida. Entretanto, graças a Deus, sempre alguém vem e a traz de volta”, partilhou o rapaz de 19 anos.

Depois de uma caminhada no barro, os jovens encontraram um acróstico desenhado no chão, com as seguintes palavras: Jovem, Eis Sua Única Salvação! A frase era um convite para refletir sobre para quem, verdadeiramente, cada um estava confiando sua vida. Na sequência, todos rastejaram na lama para sentir, na pele, como fica o coração que está no pecado.

Ao final do trajeto, Magda conduziu um momento de oração com os participantes para explicar tudo que aconteceu na trilha. A atividade terminou com os jovens analisando a folha sulfite que havia sido entregue a eles no começo da caminhada. “Todas as folhas estão sujas e rasgadas, é assim que ficamos também quando vivemos longe do amor de Deus. Hoje, todos nós somos convidados a deixar o homem e a mulher velha nessa fazenda e começar uma revolução Jesus”, proclamou a missionária.

.: Ouça a oração final do percurso na íntegra

Para Camila Tavares, de 16 anos, que veio de Vitória da Conquista (BA), o momento foi único e libertador. “Estava sentindo necessidade de revolucionar a minha vida. Muitas vezes, achamos que estamos entregando a vida para o Senhor, mas, na verdade, somos nós mesmos que tomamos as rédeas, não aceitamos o que Ele tem para nós”, testemunhou.

Trilha terminou com momento forte de oração
Foto: Clarissa Oliveira

Isabel Porto, que veio de Parintins (AM), também se sentiu curada com a atividade. Com 42 anos, ela decidiu participar do evento – que tem a maioria de jovens inscritos – porque deseja evangelizar a juventude da sua comunidade. “Vim aqui ver como evangelizar a juventude e levar [o aprendizado] para a minha comunidade. Consegui trazer meu filho, meu sobrinho e um jovem de lá. Está sendo tudo maravilhoso”.

O “Aprofundamento Radical” é fechado para quem fez inscrição antecipadamente, mas há outras atividades na Chácara de Santa Cruz com entrada livre e gratuita para toda a família. Dentre os destaques, estão Santa Missa, pregações e shows com nomes renomados da música católica.

.: Confira a programação do evento

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo