Ele deu o Seu Sangue por nós

pejoaomarcospolak

Padre João Marcos Polak preside a Santa Missa da Festa de Corpus Christi. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Nós temos a oportunidade de receber Jesus Eucarístico a cada dia e trazer no coração um agradecimento por este Deus que não desiste de nós, e que, por amor, quis permanecer conosco por meio da Eucaristia.

A cada comunhão e Santa Missa, o Senhor vem ao nosso encontro e temos a oportunidade de nos encontrar com Ele, pois, neste sacramento da Eucaristia, Jesus continua nos amando até o fim.

Feche seus olhos e agradeça ao Senhor pela oportunidade de poder comungar de Sua presença real. Deus mesmo quis instituir a Eucaristia e escolheu cada um de nós para participar da Santa Missa, porque é lá que Jesus está nós esperando de braços abertos.

:: Leia e medite a liturgia desta quinta-feira, 4 de junho de 2015.

Nesta Festa de Corpus Christi, trazemos o nosso agradecimento por essa Ceia que o Senhor nos proporciona. Quantas vezes participamos da Missa de qualquer jeito, reclamamos da homilia, chegamos atrasados e entendemos a celebração como uma obrigação ou um preceito, mas não entendemos que a Santa Missa é o momento do nosso encontro pessoal com Jesus.

Peçamos perdão ao Senhor pelas vezes que comungamos de qualquer jeito, que não nos preparamos para receber a Eucaristia e comungamos sabendo que havíamos cometido um pecado grave. Peçamos perdão pelas vezes que tiramos Deus do centro da nossa vida e deixamos de ir à Santa Missa para fazer outras atividades, porque não entendíamos que Ele é o centro.

jesuseucaristico

“Devemos estar em graça para receber Jesus Cristo”, destacou padre João Marcos durante sus homilia. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

A Eucaristia não é mais pão nem vinho, mas o Corpo e o Sangue de Cristo. Peçamos perdão a Deus pelas vezes que não entendemos o valor desse sacramento. Peçamos também a graça de ter um coração adorador, a fim de que O amemos mais a cada Santa Missa.

A primeira leitura nos traz um povo que observou os mandamentos da lei de Deus. A Palavra nos mostra Moisés, que transmitiu ao povo as leis do Senhor e escreveu todas as Suas Palavras. Israel sempre experimentou um Deus da aliança, um Deus próximo, e essa união era sempre renovada pelo sacrifício e os mandamentos.

Na segunda leitura, a Palavra nos mostra um Deus mediador de uma nova aliança. Jesus é o verdadeiro Sumo Sacerdote, é o mediador entre o homem e o Pai. Seu Sangue é renovador e transformador. Assim entendemos o significado da Eucaristia.

Nós não comungamos algo simbólico, mas o Corpo, Sangue, Alma e Divindade de Nosso Senhor. A própria Palavra de Deus nos diz: “Este é o Meu Corpo e o Meu Sangue”. Nós não devemos brincar com a Eucaristia!

Os sacerdotes agem como representantes do Senhor para realizar a Eucaristia. Muitas vezes, não entendemos e não acolhemos essa verdade de fé, por isso temos de nós preparar para ir ao encontro de Jesus Cristo.

Devemos estar em graça para receber Jesus, porque se O comungarmos em pecado, estaremos nos condenando. Temos um Deus que exige de nós uma resposta. Na Missa, alimentamo-nos do Corpo de Jesus, e se a comunhão que estamos recebendo não estiver mudando nossa vida, é porque estamos fazendo algo errado.

Após a comunhão, nosso corpo está repleto de Jesus Eucarístico. Não podemos comungar Jesus e termos uma comunhão com as coisas do mundo, porque a Eucaristia nos ajuda no processo de santidade.

peregrinoscncorpuschristi

Fiéis participam da Solenidade de Corpus Christi na Canção Nova. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Como você tem participado da Santa Missa? Se não comungarmos bem da Palavra, não comungaremos bem da Eucaristia. Devemos nos vestir e nos preparar bem para a Santa Missa, para ir ao encontro de Jesus, pois estamos indo ao encontro d’Aquele que nos ama.

Precisamos fazer jejum de alimentos sólidos antes da Santa Missa; depois de comungar, temos de fazer um momento de silêncio e agradecer a Deus. Mesmo quem não pode comungar deve fazer a comunhão espiritual.

Devemos ter zelo pelas coisas do Senhor, porque, no dia de hoje, trazemos um coração agradecido a Deus pela Eucaristia. Temos de ir ao encontro de Jesus na adoração pelo menos por alguns minutinhos no dia, porque Ele nos espera para esse encontro. No Sacrário está a presença real de Jesus, por isso, quando entrarmos na Igreja, precisamos nos ajoelhar e fazer uns minutinhos de adoração para agradecer.

Entregue, diante do sacrário, toda a sua vida. Feche novamente os olhos e, neste momento, agradeça a Deus pela Eucaristia, agradeça por ser católico e ter a graça de receber a comunhão; agradeça pelos sacerdotes que fazem a Santa Ceia existir na sua comunidade.

A Eucaristia é a oportunidade de tocarmos o céu, porque, no momento da comunhão, Jesus nos prepara para Sua segunda vinda. Peça a Deus a graça de viver mais a Eucaristia e a profundidade da Santa Missa.

Transcrição e adaptação: Alessandra Borges

Adquira esta pregação: (012) 3186-2600 

contribuicaocn1


Padre João Marcos Polak


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo