'Hosana 2014' celebrou as vitórias do monsenhor e as nossas

Dedicação do Santuário ao Pai das Misericórdias e celebração dos 50 anos de sacerdócio de monsenhor Jonas Abib marcam 10ª edição do Acampamento ‘Hosana Brasil’.

Letícia Barbosa
Cobertura

Todos os anos a Comunidade Canção Nova promove um acampamento que reúne milhares de pessoas: o “Hosana Brasil”. Propositadamente, o evento acontece no fim do ano com o objetivo de que as pessoas agradeçam as graças alcançadas ao longo dos 12 meses do ano.

E para a Canção Nova não foi diferente, neste ano muitos foram os motivos celebrados por ela. Durante os três dias de evento, os peregrinos puderam comemorar, junto com essa obra de Deus, a concretização de uma profecia: a Dedicação do Santuário ao Pai das Misericórdias durante a celebração dos 50 anos de sacerdócio do fundador da Comunidade Canção Nova, monsenhor Jonas Abib.

O primeiro dia de atividades na edição de 2014 teve início com a Celebração Eucarística presidida por padre João Marcos Polak, seguida da oração do santo terço.

A primeira pregação do encontro foi ministrada pelo missionário Alexandre Oliveira. Com o tema “Ousadia na evangelização”, o trecho bíblico meditado por ele encontra-se em II Timóteo 1, 7-11. Durante a reflexão, o consagrado citou o apóstolo Paulo como um exemplo de homem que ousava no modo como anunciava a Boa Nova.

“Evangelizar é comunicar Jesus Cristo. Precisamos anunciar que o Senhor está voltando, precisamos da graça de Deus e da força do Espírito Santo para nos preparar. Não desista de evangelizar, de testemunhar Cristo! Transmita o Jesus que há em você! ”, animou o pregador. Após a pregação, Alexandre Oliveira e padre Renan Félix conduziram um momento de oração e adoração ao Santíssimo.

Confira a transcrição completa da pregação. Acesse aqui!

Alexandre 1

“Ser ousado na evangelização é fazer o que deve ser feito, mas com alegria!”, destacou Alexandre Oliveira.

O período da tarde foi animado com um show especial com os membros da comunidade. Dunga, Emanuel Stenio, Juliana de Paula, Márcio Todeschini, Pitter di Laura, Ricardo Sá, Salette Ferreira, Brais Oss, Cassiano Mairelles e diácono Nelsinho Corrêa agitaram o evento cantando sucessos que marcaram a história da Canção Nova.

Um dos momentos de grande expectativa foi a cerimônia de Dedicação do Santuário ao Pai das Misericórdias. Com início às 18 horas, a cerimônia durou pouco mais de duas horas, contando com a presença de mais de cinco mil pessoas, entre elas autoridades civis e religiosas e peregrinos de diversas partes do país.hosana-brasil-dez-anos-celebrando-as-vitorias-de-deus

A cerimônia foi presidida pelo Bispo da Diocese de Lorena (SP), Dom João Inácio Müller, e concelebrada pelo Bispo emérito de Lorena (SP), Dom Benedito Beni dos Santos, o Bispo emérito de Taubaté (SP), Dom Antônio Afonso de Miranda, e o Bispo Emérito de Leiria–Fátima/Portugal, Dom Serafim Sousa Ferreira e Silva, entre outros.

No decorrer do evento, monsenhor Jonas Abib disse que, ao olhar para o mosaico que retrata a Parábola do Filho Pródigo no santuário, não sabia se ele era o Pai ou o filho, pois muitas vezes,  era acolhido nos braços do Pai e em outras se sentia compelido a acolher de volta os filhos.

Santuário2

Cerimônia de Dedicação do Santuário ao Pai das Misericórdias

hosana-brasil-dez-anos-celebrando-as-vitorias-de-deus

A noite de sexta-feira, 5, foi encerrada com um show de diácono Nelsinho Corrêa. As canções interpretadas pelo missionário estão em seu novo CD “Coisas de Nelsinho Corrêa”. A atração também contou com a participação da cantora sertaneja Fernanda Silva, intérprete do CD “Sertão de Deus”, lançado recentemente pela Gravadora Canção Nova. Logo após, o missionário Ricardo Sá animou o público cantando os sucessos que marcaram sua carreira.

show 3

Diácono Nelsinho Corrêa e Ricardo Sá

O segundo dia de acampamento teve início logo cedo, às 8 horas, com muito louvor e oração conduzidos por Adriana Arydes, Pitter de Laura, Gildete Leal e Dunga. Após a animação, um intenso momento de intimidade com Deus marcou a manhã, quando os fiéis participaram do tradicional passeio da barca, na qual depositaram suas preces e pedidos de oração clamando a Cristo que intercedesse por eles.

Às 9h15, padre Reginaldo Manzotti anunciou a Boa Nova aos presentes refletindo sobre o trecho que se encontra em I João 2,15: “Não ameis o mundo nem as coisas do mundo. Se alguém ama o mundo, não está nele o amor do Pai”. No decorrer da meditação, o sacerdote destacou que o amor começa na criação e todos são frutos dele.

“Deus não nos ama por aquilo que fazemos, não nos ama visando se merecemos ou não o Seu amor. Qual é a dificuldade que temos para sentir o amor? Por que, às vezes, um cristão católico abandona a religião? Porque não consegue perceber que é amado por Deus!”, salientou o presbítero.

.: Leia a transcrição da pregação “Um amor que me faz amar”

O término da manhã se deu com a reflexão sobre a riqueza do encontro pessoal com Cristo, ministrada pelo padre Fabrício Andrade, que destacou a experiência com o amor de Deus vivida por monsenhor Jonas Abib. Com o tema “Feito tudo para todos”, lema da ordenação sacerdotal do fundador da Canção Nova, o sacerdote destacou a transformação experienciada por quem se abre aos desígnios do Pai.

“Hoje, vemos o sorriso lindo do padre [monsenhor Jonas Abib] e sabemos que, por detrás dele, existe o encontro pessoal com Jesus e o batismo no Espírito Santo”, afirmou o presbítero.

.: Feito tudo para todos

O início da tarde contou com a meditação de Márcio Mendes sobre a misericórdia divina. Baseado no livro de Isaías 58, 8-1, o missionário afirmou que a misericórdia infinita de Deus não pode penetrar em um coração que se condena.

“A falta de perdão cobra um preço altíssimo de nós, pois comprometemos a nossa salvação; ela pode nos levar a perder não só a vida, mas a salvação. Quem morre em estado de pecado mortal, diz a Palavra de Deus e o Catecismo da Igreja Católica, perderá a salvação e irá para o inferno”, explicou o consagrado.

.:Ser expressão da misericórdia de Deus

A tarde foi encerrada com a Celebração Eucarística presidida por padre Roger Luís, que, baseado no lema sacerdotal de monsenhor Jonas Abib – “Feito tudo para todos” – refletiu sobre o tempo litúrgico do Advento.

“O Advento é tempo de espera, de preparação para o Senhor que vem. A Igreja nos exorta a olharmos para a frente e dizer: ‘Maranatha! Vem, Senhor Jesus!’ E monsenhor Jonas, na sua vida, nas suas pregações, é este homem que anuncia a volta de Cristo com a parresia do Espírito”, concluiu o sacerdote.

.: Vocacionados a ser tudo para todos

padreroger4

“Quando um homem de Deus quer trabalhar, o Senhor unge seus dons, seus sonhos”, destaca padre Roger Luís.

A comemoração dos 50 anos de sacerdócio de monsenhor Jonas Abib foi um dos temas de destaque neste “Hosana Brasil”, por isso a noite de sábado, 6, contou com o show de lançamento do CD “Feito tudo para todos”. Estiveram presentes, acompanhados dos familiares e filhos, Ana Lúcia, Eliana Ribeiro, Fátima Souza, Rogerinha, Ricardo Sá, Rubens Sabino, Jarles, Pitter di Laura, dentre outros músicos da Canção Nova.

Logo depois, o cantor e missionário Dunga lançou seu CD e DVD, gravados no Acampamento “PHN” deste ano. O álbum traz canções que fizeram parte de sua trajetória como músico, além de conter duas canções inéditas: “Clamarei” e “Eu encontrei”. A noite foi encerrada com um luau especial realizado por Brais Oss.

.: Noite de lançamento de CDs na Canção Nova

No último dia do “Hosana Brasil 2014” os peregrinos iniciaram a manhã com muita oração e unção. Padre Roger Luís, Luzia Santiago, Alexandre Oliveira, Sônia Venâncio e Vanúsia conduziram um momento de adoração ao Santíssimo Sacramento.

No decorrer da oração, os missionários proclamaram que, a partir daquele dia, muitos seriam libertos e restaurados por intermédio de sua entrega a Deus. A cofundadora da Comunidade Canção Nova, Luzia Santiago, recordou a fé, a santidade e o despojamento de monsenhor Jonas Abib como exemplo de fidelidade ao Senhor.

“É possível ser fiel. É possível fazer da vida uma entrega, uma oferta, ser tudo para todos quando contamos com a força do alto”, salientou Luzia.

.: Adoração ao Santíssimo marca a manhã do Hosana 2014

A última pregação do evento foi realizada por padre Fábio de Melo, que abordou importância da construção de uma verdadeira amizade com Deus. Com o tema “O sacerdócio da amizade”, o pregador salientou que muito mais que servir ao Senhor, é preciso ser amigo d’Ele.

“Deus não pode fazer absolutamente nada com as minhas obras se antes Ele não possuir o meu coração”, frisou o sacerdote. E concluiu, ressaltando a necessidade de zelar pela sacralidade dos outros, que: “Somos um território santo e precisamos ter amigos que são capazes de guardar a sacralidade de quem nós somos. Monsenhor Jonas Abib resolveu ser amigo da humanidade e dar a vida pelas ovelhas”, enfatizou o presbítero.

.: O Sacerdócio da amizade

padrefabiodemelo6

“Não basta ser servo do Altíssimo; é preciso ser amigo d’Ele”, salientou o sacerdote.

Assim como tudo na Comunidade Canção Nova, tudo se inicia com Deus e se encerra com Ele. Por isso o encerramento do “Hosana Brasil 2014” se deu com a celebração da Santa Missa. Em sua homilia, monsenhor Jonas Abib refletiu sobre a vinda do Senhor.

O sacerdote destacou que muitos debocham daqueles que acreditam na segunda vinda do Senhor. Entretanto, segundo ele, Jesus não deseja que nenhuma alma se perca de acordo com as Sagradas Escrituras.

“Quantos viram o Senhor Ressuscitado? Ele voltará com glória e majestade e aí todos O verão […]. Se o Senhor viesse hoje você se salvaria? Se você morresse hoje você se salvaria?”, indagou o sacerdote.

O fundador da Comunidade Canção Nova concluiu a homilia pedindo que os fiéis não deixem morrer o dom dado gratuitamente por Deus, o dom de orar em línguas, pois “a oração em línguas é como a água jogada na plantinha do batismo do Espírito Santo”.

Missa-Monsenhor-(1)595x420

“Nossa santidade de vida apressará a vinda do Senhor”, exortou monsenhor Jonas.

.:  Mensageiros do Senhor que vê

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo