Abra-se à obra nova que Deus tem para a sua vida

Deus te criou para ser feliz e não escravo de sentimentos ruins e pessoas que te levam para o mal. Abra-se a obra nova que Deus tem para a sua vida

Padre Adriano Zandoná. Foto: Arquivo/cancaonova.com

Neste domingo, Dia de Finados, rezamos pelos fiéis defuntos para professar a nossa fé na ressurreição. Cristo venceu a morte, o pecado e as realidades que nos afligem; com Ele temos a capacidade de resolver todos os problemas. E eu aprendi com meu pai que não existe problema sem solução.

Neste Dia de Finados, o tema do nosso retiro é: “Eis que faço nova todas as coisas”. Mas você poderia me dizer: “Como acreditar nessa realidade quando olho para os desafios da minha vida?”

Não existe problema sem solução. Quando você planta uma árvore, o máximo que você pode ver é a semente. No entanto, quem tem fé olha e vê uma árvore. Nós estamos tocando na graça de ver que Deus faz novas todas as coisas, e Ele quer ressuscitar você e sua família. Pode ser que olhando para a sua história, você só veja semente, mas Deus já vê os frutos.

Qual a distância entre você e o milagre? São os passos que você precisa dar. Com paciência e a sabedoria, você pode conquistar qualquer realidade.

Em sua audiência, no dia 12 de junho de 2013, Papa Francisco explicou que o mal existe e é possível perceber a presença dele. Nós vemos e sentimos o mal agindo em nós, na nossa família, na nossa casa. Mas o sacerdote também afirma que “o poder de Deus é maior que nós”.

Se pode se achar um grande pecador, mas tenha a certeza de que Deus o ama. Não existe pecado que supere a capacidade de Deus olhar para o seu coração e ter misericórdia de você. O Senhor não vê o seu pior, mas aquilo que você tem de melhor. Talvez você diga: “Padre Adriano, as pessoas não acreditaram em mim. Eu fui abandonado e rejeitado pela minha mãe”. Deus nunca desacreditou de você! Deus o chama pelo nome e tem uma obra nova para sua vida.

Fiéis participam do III Abraça São Paulo. Fotos: Paulo Pereira/cancaonova.com

Fiéis participam do III Abraça São Paulo. Foto: Paulo Pereira/cancaonova.com

Filho, não se deixe iludir pelas vozes do mal, pois elas não querem que você acredite em si mesmo. Jovem, você é o presente vivo da Igreja, e o Senhor tem planos para você.

Na Evangelii Gaudium, Papa Francisco diz: “O olhar de quem crê é capaz de reconhecer a luz que o Espírito Santo irradia no meio da escuridão. ‘Sem esquecer que onde abundou o pecado superabundou a graça’ (Rm 5,20). A nossa fé é desafiada a antever o vinho no qual a água pode ser transformada, e a descobrir o trigo que sempre cresce no meio do joio”.
Nós temos a tendência de enxergar os problemas com lente de aumento. O Papa Francisco diz: “Deus é maior que o mal”. Nós somos os sinais de que Deus está agindo.

Muitas vezes, você abraça coisas que não lhe fazem bem e o levam para o mal. Pode ser que suas amizades o impeçam de mudar, mas lembre-se de que Deus o criou para ser feliz, não escravo de sentimentos ruins e pessoas que o levam para o mal. Abra-se à obra nova que Deus tem para sua vida.

Eu não tenho vergonha de contar a obra que Deus fez na minha vida. Comecei a fumar maconha com 11 anos de idade. Aos 12, passei a fumar cigarro. Com 13, eu já usava cocaína, mas meus pais não sabiam. Todo mundo dizia: “Zandoná é um caso perdido!”. Mas Deus olhava para mim e dizia: “Zandoná é meu filho, eu o amo e o tiro da tumba das drogas”. Eu plantava droga no fundo de casa.

Aos 16 anos, fui a um encontro na Igreja, mas nada me tocou. Cheguei lá achando que eu sabia de tudo, mas descobri que era preciso humildade para não me perder no caminho. Durante o encontro, houve uma momento de adoração. Todos que se aproximavam de Jesus choravam. Eu não queria ir lá. Na verdade, fui a esse encontro por causa de uma menina, mas lá eu vi que havia um amor que me conquistou sete vezes mais do que ela: Jesus Cristo. Quando fui me aproximando d’Ele, vi que meu amigo estava chorando e ri dele, sem perceber que estava olhando para o Santíssimo há quase 40 minutos e chorando. Eu nunca mais coloquei droga na minha boca. Deus mudou a minha vida e eu estou aqui como sacerdote pregando para vocês. O combustível do milagre se chama fé.

Coragem! Existe alguém que pode fazer o mar se abrir, mas é preciso que você comece a caminhar. Deus é mais forte que qualquer problema, não existe mal que não tenha solução diante do Senhor.

Transcrição e adaptação: Jakeline Megda


Padre Adriano Zandoná


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo