PHN

Chamados a pastorear como Jesus

 No Evangelho de hoje: Jesus nos diz: ” Eu vos envio como ovelhas no meio dos lobos”. No entanto, Jesus é o Bom Pastor.

Pe. Paulo Ricardo
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Se você acha que o que existe de mais importante é a sua vida aqui neste mundo, você está enganado. O que você tem de mais importante é a vida eterna. Você prefere viver uma vida cheia de saúde, riquezas, sucesso, poder e, depois de uma longa vida feliz aqui na Terra, morrer e ir para o inferno? Ou levar uma vida pobre, sendo perseguido, não ter poder, mas, quando morrer, ir para o Céu?
No Evangelho de hoje: Jesus nos diz: ” Eu vos envio como ovelhas no meio dos lobos”. No entanto, Jesus é o Bom Pastor

Jesus vê o povo como “ovelhas sem pastor”, ovelhas que tem de lutar contra os lobos vorazes, e não há ninguém por elas. Jesus está travando uma luta contra satanás.

Jovem, quando você começou a seguir Jesus, certamente teve a experiência de um ganho na sua vida. E foi bom, pois você descobriu que é amado. Essa impressão positiva acontece no início da nossa conversão, quando nos sentimos protegidos por Jesus; porém, depois, você faz a experiência da luta espiritual. Uma vez que você experimentou o amor, agora é sua vez de amar.

Não consigo compreender uma pessoa que sabe que é amada, mas não quer amar. Nossa vida com Jesus é de amor mútuo, amor recíproco.

Vamos entender o que é o amor. Pense em uma pessoa que você sabe que o amou. Tenho certeza que essa pessoa sofreu por você. Isso quer dizer que o amor não é um sentimento animal, pois os animais não amam. Essa é a programação do cérebro dos animais: “fuja da dor, busque o prazer”. Isso quer dizer que o animal não é livre, não é capaz de romper a lei. Já o amor liberta, e somente ele é capaz de dizer: “Eu abraço essa dor por você, eu carrego essa cruz, eu não desisto de você, pois eu amo você”.

Você já deve ter enxergado que a lei do prazer está muito forte. Jesus seduziu você, Ele o atraiu e cuidou de você. No entanto, apesar de crer nesse amor, você não quer amar de volta.

Se você nunca sofreu por ninguém, você nunca amou ninguém. É por isso que você quer desistir do caminho, porque, na hora de amar de volta, de carregar a cruz, você quer fugir dela. Ativa-se o modo animal: “foge da dor, busca o prazer”.

Pare de se comportar como um animal! Você tem uma alma imortal! Confesse-se, volte à amizade com Cristo. Pare de se arrastar como uma serpente, porque você foi feito para voar como águia!

O Pastor que cuida de você quer que você seja pastor dos seus irmãos. Jesus, que morreu na cruz, quer que você morra pelos irmãos.
Você não deve ser jovem a vida inteira, precisa amadurecer. Um pai é um homem que derrama seu sangue para levar seus filhos para o céu. É preciso renunciar a programação egoísta e animal para abraçar a vocação de pai, crescer, ser adulto e entregar-se verdadeiramente ao amor. Somente quem tem alma consegue verdadeiramente amar.

Assista trecho da homilia:

Leia mais:
Sou pequeno
Confiança plena

 

Transcrição e adaptação: Renata Santiago

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo