PHN

Não te acovardes

A palavra central do Acampamento PHN 2017 é “Coragem, levanta-te, ele te chama!” (Mc 10,49)

Dunga
Foto: Jorge Ribeiro/cancaonova.com

Quanto mais medo temos, mais acovardados nós nos encontramos. Essa é uma consequência natural: quanto maior o medo, menor é nossa reação. Ficamos inertes e acabamos nos acomodando. A partir daí, é necessária outra palavra de ordem: “Levanta-te!”. Por quê? Porque Jesus nos chama!

Na vida, prostramo-nos diante de muitas coisas. Deus disse a Seu povo, por meio de Moisés, que eles não se prostrassem diante de um deus qualquer. Idolatria é quando nos prostramos diante de qualquer coisa, pessoa, doença, defeito, morte, separação.

Não nos foi dado o direito de nos prostrarmos diante das drogas, das doenças e coisas abaixo do nome de Jesus. Ele está nos chamando para uma vida longa na Terra e eterna no Céu.

Viemos para este mundo para vivermos a maior experiência da nossa vida, vê-la mudada, transformada.

Precisamos tirar o que é ruim de dentro do coração, como conceitos, valores, leis que fizeram de nós pessoas acovardadas, para que saiamos da letargia, pois Alguém nos chama!

É de nós que Deus precisa, é da nossa disposição que Ele precisa! Jovem que acorda 11h da manhã? Não! O mundo precisa de jovens corajosos, valentes!

Esse fim de semana é o começo de um novo ciclo de vida. Como diz Astromar Miranda: “Felicidade não é onde se chega, mas como se vai”.

Deus diz a Josué: “Sê firme e corajoso!”. A Palavra de Deus precisa estar impregnada em nós! Três coisas podem nos diferenciar de qualquer outra pessoa: coragem, disposição e capacidade de ouvir o chamado de Deus. Muitos podem nos ajudar, mas só Deus pode resolver nossa vida.

Resolvamos nossa vida, namoro e vocação. Precisamos de coragem, porque o mundo nos acovardou e mentiu para nós. Quando uma mentira é bem contada, acabamos acreditando nela.

Meu irmão, tenhamos coragem! Precisamos retomar a coragem que perdemos! Não é qualquer um que está nos chamando, é Jesus!

Leia mais:
A coragem de mudar
Coragem: Não tenhais medo

 

Transcrição e adaptação: Renata Santiago

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo