PHN

Servos para nações

Monsenhor Jonas Abib. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Monsenhor Jonas Abib. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Eu sou servo do Senhor e vou caprichar, não tenho mais direitos, afirmou monsenhor Jonas

Quando eu estava encaminhando para a ordenação sacerdotal, entrei em crise, pois, não sabia que tipo de padre seria, aquilo começou a me fazer mal. Fui falar com o meu diretor espiritual, ele com toda a serenidade me disse: “Jonas, seja desde hoje o padre que você quer ser quando for ordenado”.

Nós acabamos de ouvir o evangelho, em que os chefes do povo decidem, tramam a morte de Jesus, e dão os passos para que isso aconteça. Jesus foi obrigado a se retirar, mas veja que o povo em grande quantidade foi atrás de Jesus, e em lugares desertos e distantes, o povo o seguia. Jesus como que em retribuição curava os doentes, diante deste espetáculo, o evangelista São Mateus trás a passagem do profeta Isaías:  “Eis o meu servo, que escolhi; o meu amado, no qual ponho a minha afeição; porei sobre ele o meu Espírito, e ele anunciará às nações o direito. Ele não discutirá, nem gritará, e ninguém ouvirá a sua voz nas praças. Não quebrará o caniço rachado, nem apagará o pavio que ainda fumega, até que faça triunfar o direito. Em seu nome as nações depositarão a sua esperança”.

Esta passagem muitíssimas vezes vinha era dirigida a nós, quando estávamos ainda no inicio da comunidade, acabei assumindo-a para mim, como um dom que o Senhor me concede, como um servo, como aquele que se coloca totalmente a serviço. A palavra “servo”, equivale a palavra escravo, tudo pelo seu Senhor.

Eu sou servo do Senhor e vou caprichar, não tenho mais direitos. O único direito que  tenho é de servir ao Senhor. Vocês não imaginam como foi bom este serviço. O resultado você encontra aqui, são 17 anos de PHN, mas veja também as maravilhas em todo tempo da Canção Nova. Eu não tinha tempo para mim, não tinha direitos, não tinha repouso, eu era e sou servo.

Agora há pouco uma moça me cumprimentou, alegrei-me e disse assim a ela: “Que pena um dos únicos estados que eu não estive foi o seu, mas eu corri o Brasil todo, porque pela graça de Deus eu me fiz servo”

A palavra eleito é muito mais que escolhido, tem afeição, tem amor, e foi assim que o Senhor me tratou. E como é bom sentir a eleição do Senhor, ser tratado como eleito e mais ainda Ele diz: “no qual ponho a minha afeição”.

Jovens participam de missa/ Foto: Wesley Almeida CN

Jovens participam da Santa Missa no acampamento PHN/ Foto: Wesley Almeida CN

:: Veja mais fotos no Flickr

A maior graça da minha vida foi o batismo no Espirito Santo, dia 2 de novembro de 1971. Posso dizer que você que está aqui na Canção Nova esta pisando no resultado do meu batismo no Espirito Santo.

Vocês ouviram o Dunga contando hoje cedo que este espaço aqui era um atoleiro, onde corria um riachinho, onde passava os resíduos da Sabesp, resíduos dos produtos que ela usava para limpar a água, por isso aqui era um brejo, mas pela graça de Deus eu dizia, aqui será um grande estadio. Veja que maravilha de Deus este estádio onde estamos, só Deus pode fazer este milagre aos nossos olhos. Ele precisa da nossa busca, do nosso trabalho, planejamento, mas tudo seria em vão sem a ação de Deus.

Estávamos em Roma, Luzia, Eto, eu quando Dom Alberto veio para celebrar a Santa Missa, e durante a celebração Dom Alberto começou a nos falar do salmo 2, e frisou justamente a passagem em que diz: “Pede-me e dar-te-ei em herança as nações e em patrimônio, os confins da terra!” (Sl 2,8). Ele dizia: “A Canção Nova não é feita somente para o Brasil, ela precisa chegar ao mundo, pois esta é a promessa do Senhor, sua parte, padre Jonas, é pedir”. Eu estava ali, e algo dizia dentro em mim que isso era impossível, mas algo também me dizia que isso era promessa do Senhor e um mês depois no mês de Maio, nos começamos a TV em Portugal.

Esta promessa não é somente para a televisão, esta promessa pode ser aplicada a tudo e eu digo a você, é o Senhor lhe dizendo: “Pede meu filho e dar-te-ei em herança as nações”.

Não imaginava ainda enquanto seminarista ser o que hoje sou e o que faço. Até meus colegas estranharam pois eu não era um expoente no seminário, mas o Senhor fez. Pede meu filho e dar-te-ei em herança as nações.

Eu não sei tudo o que Deus tem pra você, mas ele não tem pouca coisa não. Obrigado porque você acredita em mim, Senhor, eu creio também em Ti e por isso eu pedirei e tenho a certeza que a tua promessa vai se realizar.

Monsenhor Jonas Abib. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Monsenhor Jonas Abib. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

A missa e a pregação de hoje transformou-se numa pregação de fé. E o profeta Isaías continua dizendo: “Ele não discutirá, nem gritará, e ninguém ouvirá a sua voz nas praças. Não quebrará o caniço rachado”. Aconteça o que acontecer na sua vida o Senhor não quebrará você que é este caniço rachado, pelo contrário, Ele fará tudo para te reconstituir, pois Ele é capaz disso.

Diga: “Pede-me e dar-te-ei em herança as nações e em patrimônio, os confins da terra!”. É para você também esta promessa. Reaviva Senhor o Teu fogo dentro de mim, eu sou o seu servo, dá- me desta graça, reaviva o seu Espírito em mim. A verdadeira religião é uma pessoa, é nosso Senhor Jesus Cristo, e é Ele que eu preciso levar, aos meus ambientes e por todas as partes onde o Senhor quiser. Assuma ser servo do Senhor porque você é servo, e tenha certeza que ele fara maravilhas com você e através de você.

Hoje eu estou mais cheio do Espirito cheio do que ontem, mas não tão cheio como amanhã, pois amanhã estarei mais cheio ainda.

Moisés teve a missão de libertador e não foi fácil enfrentar o Faraó, ele insistiu que Deus queria libertar o seu povo, mas o Faraó não queria aceitar. Eles foram libertos da escravidão do Egito porque Moisés teve uma experiência de Deus, um encontro pessoal e por isso, e só por isso, ele pode ser o libertador. Diga: ”Senhor eu quero ser um libertador e quero me encontrar contigo, dia após dia.”

Adquira esta pregação pelo telefone: (12) 3186 – 2600

contribuicaocn

 


Monsenhor Jonas Abib


Fundador da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo