A caridade que vai além

Evangelho:  São  Lucas 12, 13-21

A Palavra de hoje atinge a todos,e o Senhor quer nos ensinar de todo egoísmo  que parte de nós.

A nossa vida deve se resumir em duas coisas:  pensar em Deus e pensar no irmão, até pensar em nós também mas sem egoísmo, sem nos agarrar ao que temos.
Jesus não tem aversão as pessoas ricas, pobres e ricos ão filhos de Deus. Jesus tinha um amigo que era rico, o José de Arimatéia.
O Pai do Ceú é Pai dos ricos como também é Pai dos pobres.

O problema do egoísmo inicia-se quando começamos a dizer 'isso é meu', no sentido de posse. Quando o homem tem essa atitude , Deus já fica desconfiado.

Nós andamos nesse mundo com a garantia de que vamos durar muito, por isso queremos sempre  ajuntar muita coisa, muita riqueza, mas para que? E se Deus te chama hoje?
Se aproveita a vida fazendo o bem. Seja prestativo e  caridoso.

Tem uma história de um homem avarento. Ele tinha muitos bens. Num dia ele estava em casa quando lhe bateu em sua porta, um homem que estendendo a mão disse: 'Moço, por favor me dê alguma coisa para as crianças que eu cuido. Aquele homem avarento, irritado, olhou para a mão daquele homem e cuspiu. Vendo isso, esse homem disse: 'Esse foi para mim', e estendendo a outra mão falou: 'Agora para as crianças'.

A esmola livra do pecado e da morte.

Quem ajuda o outro está livrando o sue coração do pecado e do mal.
Quem ajuda o necessitado ganha o Céu! 

Ouça: homilia de padre José Augusto da Missa de Encerramento do Acampamento de Cura e Libertação

Transcrição e áudio: Tatiane Bastos
Fotos: Renan Félix


Padre José Augusto


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo