A decisão por Jesus é pessoal

O que você tem falado sobre Jesus diz da sua experiência pessoal com Ele ou está baseado naquilo que você ouve os outros falarem? Questione-se: quem é Jesus para você? São muitas as especulações, mas não podemos falar d'Ele desta forma, sem O conhecer. Amados, a presença do Senhor é certa em nossa vida! Está na hora de nos oferecemos com totalidade para Ele.

Padre Rodrigo Natal
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Se você tem procurado Jesus, certamente O encontrará. Mas se não tiver esse coração insistente, não conseguirá O encontrar. A presença do Senhor é forte em meio a nós; muitas vezes, nem precisamos falar, Ele mesmo fala por meio do nosso testemunho. O problema é que não temos sido testemunhas de Cristo.

Não tenhamos medo de experimentar o Senhor! Quando nós O experimentamos, grandes coisas acontecem. A nossa transformação é grandiosa quando Ele nos envolve.

Fui criado num ambiente católico, de pessoas humildes. Mas foi a partir dessas pessoas que fui transformado no sacerdote que sou hoje. Isso não é vanglória, eu escolhi me deixar ser transformado por Ele. Amados, o Senhor é a nossa segurança. Portanto, não tenhamos medo de ser “revirados” por quem nos ama. Quanto mais experimentarmos Deus, mais seremos sustentados por Ele.

Na liturgia, lemos por diversas vezes esta indagação: “Quem é Jesus para você?”. Será que nos atentamos a isso? São Pedro ficou atento e permitiu que o Espírito que habitava n'Ele respondesse essa pergunta, até que o próprio Jesus lhes falou: “Tu é Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja. As portas do inferno não prevalecerão contra ela.” Essa é uma verdade: as portas do inferno não prevalecem contra a Igreja. Somos Igreja, amados, por isso não estamos sozinhos, mesmo que o caminho pelo qual caminhamos não seja fácil!

"Questione-se: quem é Jesus para você?", exortou o padre.
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Se nós não experimentarmos Jesus, não O testemunharemos! Peçamos ao Senhor que nos permita testemunhá-Lo e que sejamos revigorado por Ele. Não percamos a visão espiritual daquilo que o Senhor faz por meio de nós. Sejamos inundados pelo amor que vem d'Ele.

Transcrição e adaptação: Luana Oliveira


Padre Rodrigo Natal


Sacerdote da Diocese de Taubaté (SP)

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo