Abra seu coração e deixe fluir a graça de Deus

Eugênio Jorge
Foto: Wesley Almeida/Cancaonova.com

Muitas vezes, nosso coração está fechado e, consequentemente, o Espírito Santo não pode entrar. A vida espiritual em Cristo Jesus consiste no transbordamento do próprio Espírito de Deus que adquirimos e buscamos.

Há dias, na nossa vida, no qual estamos tão desanimados que não conseguimos rezar nem sabemos a quem recorrer. Então, temos um livrinho de oração que nos ajuda a encontrar a paz interior.

Saulo, o discípulo, estava com a mente e o coração fechados. E enquanto seu coração estava fechado, ele era somente um perseguidor. Um dia, ao encontrar-se com Jesus, seu coração dilatou-se e encheu-se do Espírito Santo. Saulo tornou-se São Paulo, a coluna na Igreja de Pedro e Paulo.

Um coração aberto pode experimentar o amor de Deus. Milhões de pessoas, hoje, são impactadas pela palavras de São Paulo.

Portanto, se há algum conforto em Cristo, se alguma consolação de amor, se alguma comunhão no Espírito, se alguns entranháveis afetos e compaixões, completai o meu, para que sintais o mesmo, tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, sentindo uma mesma coisa. Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo. Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros. De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, mas, esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, e toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai”(Felipenses 2,1-11).

Neste capítulo, vemos o transbordamento no Evangelho vivido. A humildade nos leva a enxergar que não somos melhores que os demais, ela é um santo remédio que Deus nos enviou.

O Todo-Poderoso humilhou-se, fazendo-se Homem e morrendo na cruz por cada um de nós. Pela humildade nós nos tornamos obedientes a Deus!

"Pela humildade nós nos tornamos obedientes a Deus!", afirma Eugênio Jorge.
Foto: Wesley Almeida/Cancaonova.com

Jesus Cristo nos deixou uma joia: o Evangelho, por meio do qual pode imprimir em nós um novo homem. Acompanhados da oração, podemos vencer o orgulho, a vaidade e o mal que insistem em vencer nosso coração.

Quem se converteu por meio do Evangelho de Jesus trilha um caminho maravilhoso, mas para isso é preciso perseverança. Muitas vezes, rezamos sem vontade, mas esta oração é mais eficaz, porque, com fé e ousadia, vencemos o inimigo.

Meus irmãos, a pessoa quando evangelizada, mesmo quando o sofrimento bate à sua porta, tem forças para suportar, pois Deus está com ela. Uma pessoa com o coração fechado está sem a graça, está pronta para ser corrompida, está à disposição do mal.

Se formos evangelizados, poderemos transbordar e contagiar os nossos familiares e amigos. A oração tem o poder de restaurar!

O diabo também vigia e procura corações apodrecidos e fechados, que não se deixaram converter pelo Evangelho. Temos, até o último suspiro, que buscar Deus e estar sempre em oração para que o inimigo não tenha espaço na nossa vida.

Pela graça da oração e da obediência, Jesus é capaz de mudar o trajeto da nossa história. Com isso, a corrupção não tomará lugar em nossas vidas. O inimigo quer manchar nosso coração com o pecado, mas, uma vez que este se abre, o Espírito de Deus o invade e muda tudo.

Vamos abrir nosso coração e deixar a graça fluir!

Transcrição e Adaptação: Thaís Rufino de Azevedo


Eugênio Jorge


Músico e pregador da Missão Mensagem Brasil

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo