Agir como Jesus agiria

Confira, abaixo,pregação do Frei Elias Vela, dessa primeira parte da manhã de domingo

Toda a criação louva a Deus por Sua existência, mas nós, homens e mulheres, podemos louvá-Lo usando a nossa boca, nossa mente e nosso coração.

Deus nos deu os nossos olhos, língua, ouvidos para que com todo o nosso corpo possamos nos colocar diante d’Ele e O louvarmos. Já estivemos dançando diante do Senhor, batendo palmas diante d\’Ele, chorando, elevando as nossas mãos diante d\’Ele, clamando diante d\’Ele, mas Deus precisa de tudo isso?

Deus disse a Moisés: \'(…) que Aquele é está o enviando\’. \’Eu sou Aquele que é!\’

Deus não muda, jamais mudará. Então o fato de estarmos O louvando não mudará a pessoa que Ele é, mas pelo nosso louvor Ele transforma a cada um de nós. É por isso que eu digo que nós somos muitos felizes por Deus aceitar o nossos louvor a Ele, porque através deste ato nós estamos sendo transformados e libertos.

Muitas vezes não temos a dimensão do poder que há no louvor a Deus. Às vezes, dizemos que não temos o que dizer para louvar ao Senhor, que não sabemos nos expressar. Não se preocupe com isso, porque Deus não precisa de palavras, Ele precisa de um coração amoroso. O louvor a Ele já é suficiente para nos abrir à cura, por isso que é muito importante, num encontro como esse de cura e libertação, o louvor, porque louvar ao Senhor já é cura e libertação. E nós estamos, aqui, exatamente para sermos curados e libertos. O que temos de fazer é abrir o nosso coração para sermos curados e libertos.

Eu conheço muitas pessoas que acham que não precisam rezar para ser curadas. Eu acho que vocês todos já conhecem a história da galinha.

Ouça: História da galinha

Deixe-me fazer uma pergunta para fazer hoje: Eu estou falando para \”galinhas\” ou para \”águias\”?
Eu espero que eu esteja falando para \”águias\”, porque nós não somos \”galinhas\”. Mas, infelizmente, muitos ainda vivem a vida de \”galinha\”, pensam que não podem mudar as suas vidas, choram pelo seu destino, sem perceber que Deus os criou para serem coisas muito mais belas.
Lembra quando Jesus, na Bíblia, falava com Nicodemos sobre o ‘renascer de novo’? E Nicodemos respondia: ‘Mas como eu posso nascer de novo sem entrar no ventre da minha mãe?’

Mas Jesus falava de algo mais, um renascimento físico e espiritual, renascer n’Ele, em Jesus. São Paulo especifica melhor, dizendo que dentro de nós existe um \”homem velho\”, e é muito importante que esse homem seja morto dentro de nós para que o novo possa nascer.

Quem é esse \”homem velho\” dentro de você? É que aquele homem que tem medo, raiva, agressivo… É o homem solitário, é aquela pessoa que foi rejeitada, que não foi amada. É a pessoa ambiciosa, orgulhosa, invejosa. O \”homem velho\” dentro de você é a pessoa depressiva , estressada, desmotivada… E pode ver que ele [\”homem velho]\” está dentro de você, habita no coração de todos nós. Passamos a nossa vida lutando contra ele, lutando para que venha o \”homem novo\”, que é gentil, generoso, é a pessoa boa, humilde, pacífica, paciente, fiel, feliz, alegre. Este é o \”homem novo\”, o qual o Espírito Santo que fazer em nossos corações.

O que nós dissemos, aqui, todos esses dias é que a cura verdadeira começa a partir do momento em que eu começo a seguir Jesus Cristo. Se não continuarmos a segui-Lo podemos facilmente retornar àquilo que éramos antes de sermos curados e libertos. Jesus continuamente diz no Evangelho: ‘Siga-me!’, e só O seguindo conseguiremos ser pessoas novas, curadas e libertas.

Durante esses dias, também colocamos os nossos problemas nas mãos de Jesus. Pedimos, aqui, várias vezes para que pudesse nossa mente e coração pudessem ser curados. E o que significa a cura da minha mente e do meu coração? Curar a minha mente significa pensar com a mente de Jesus e não com a minha própria mente.

Ouça: \”Curar minha mente significa pensar com a mente de Cristo…\”

Muitas vezes, isso acontece na nossa vida. A gente pensa: \’Será que estamos fazendo a coisa certa ou não?\’

Os padres do deserto, que eram eremitas nos séculos III e IV, costumavam dizer que quando estamos em dúvida quanto a alguma coisa, devemos fazer uma coisa: \’Olhe para os olhos de Jesus e lá você encontrará a reposta\’.

É como se eu perguntasse a Jesus: \’O senhor acha que estou fazendo a coisa certa? O que devo fazer? O que Tu farias se estivesses no meu lugar?\’. E, assim, de pouco a pouco, nossa mente começa a mudar.

Muitas vezes, falamos sobre a cura física: ataque cardíaco, a cura de uma dor nas costas… tudo isso é importante, mas muitas vezes nos esquecemos da cura da nossa mente, e a cura desta acontece quando ela começa a ser transformada e a ser como a mente de Jesus Cristo.

Ouça: Perdoar com o perdão de Jesus

Vocês percebem que se nós olharmos para Jesus vamos ter a idéia exata do que devemos ou não fazer? É por isso que os padres do deserto diziam: \’Simplesmente olhem para Ele\’, e desta maneira, então, começamos a mudar a nossa mente, e assim, pouco a pouco, elas começam a se transformar na mente de Jesus Cristo. Lembram de São Paulo dizendo: \’Já não sou eu quem vivo, mas é Cristo que vive em mim\’.

Quando você recebe a comunhão,você está se tornando um com Jesus.

Por que chamamos de comunhão esse ato de receber a Eucaristia? Porque a comunhão significa se tornar um, se tornar um com Jesus na sua mente e no seu coração.

Não basta ter a mente do Senhor, mas precisamos ter o coração d\’Ele. Isso significa amar da maneira que Ele ama, que é cura. Ser curado significa ser uma pessoa cheia de amor. Lembre-se de que cura é amor.

Deus fez o homem à Sua imagem, e no Evangelho de São João, este apóstolo diz que Deus é Amor. Então, essa semelhança com Deus é algo dinâmico, não é algo parado. Não é questão de ter um bebê e dizer que ele se parece com o pai e com a mãe, isso é estático, não muda. Parecermo-nos com Deus pode até ir diminuindo. Nós dizemos que Deus é amor, e isso quer dizer que quanto mais eu amo, mas eu sou a semelhança d\’Ele, e, por outro lado, quanto menos eu amo, mais distante estou da semelhança d\’Ele. Eu sou a imagem de Deus de acordo com o quanto eu amo.

Muitos pensam que nós não devemos nos amar, ao contrário, acham que devemos desprezar a nós mesmos, e muitos pensam também que santidade significa desprezar a nós mesmos. Isso é um grande erro. Deus não nos despreza.

Nós falamos ontem que somos muito preciosos para Deus, e se eu sou precioso para Deus, por que eu vou me desprezar? Ao contrário, você tem que se amar da forma que Deus o ama, e você sabe muito bem que Ele o conhece pelo nome. Sua dignidade é alta porque você é herdeiro do Céu, é filho de Deus.

Deus o amou tanto que foi crucificado por você! Como eu posso desprezar a mim mesmo se o amor de Deus chegou a tal ponto?

Ter o coração de Jesus, em primeiro lugar, é amar a mim mesmo.

Uma das grandes mágoas que existem em nossos corações é a auto rejeição, quando não temos respeito por nós mesmos, não amamos o nosso corpo, não amamos o fato de ser únicos diante de Deus. E quando eu não amo a mim mesmo, eu estou insultando a Deus, porque Ele me criou pela Sua boa vontade. Ele tem orgulho da Sua criação. Ele se alegrou ao ver a sua própria criação, e como eu ouso desprezar a criação do Senhor?

Ter o coração de Jesus é agradecer a Deus por aquilo que eu sou: meu caráter, pela plenitude do meu corpo, pela língua que eu falo, pela família na qual eu nasci, pelo meus pais, minha nação, pelos carismas que eu tenho.
Não fique olhando para os carismas das outras pessoas, alegre-se pelos seus carismas, porque você os recebeu de Deus. É uma questão de apreciar o que Deus nos deu.

É um presente de Deus. Quando você dá um presente a alguém você se alegra em ver a pessoa se alegrar com isso, e Deus se alegra muito quando Ele ver que você está apreciando o que Ele lhe deu.

Quando eu olho para mim sempre de forma negativa, com certeza vou olhar a minha vida sempre dessa forma também.

Ter o coração de Jesus significa olhar para as coisas sempre do lado positivo e não do negativo.

Ouça: História do fazendeiro

Eu sei, meus irmãos e irmãs, que cada um de vocês está carregando um problema, uma vida difícil. Talvez haja pessoas olhando e pensando que não têm sorte na vida, mas saibam de uma coisa: Deus sempre tira um bem de tudo o que está acontecendo de ruim em nossa vida.

Então, meu Senhor, eu quero oferecer para Ti os meus problemas, minhas enfermidades, e eu te peço, meu Senhor, traga um bem de toda essa situação que eu estou vivendo. Talvez eu olhe para eu mesmo como uma pessoa que não tenha sorte e não consiga compreender os seus planos, Senhor, e nem compreenda qual é o bem que podes tirar dessa situação que estou vivendo, mas para Ti, Senhor, tudo é possível.

Tenho certeza de que tudo que está acontecendo na minha vida não é para me destruir, mas eu preciso compreender esse plano que Tu tens para mim. Senhor, desbloqueia o meu coração para que eu possa viver nesse momento de dificuldade da minha vida, e ver positivamente o que eu estou vivendo. Senhor, só há uma coisa que poderia me caracterizar uma pessoa que não tem sorte: Senhor, falta de sorte seria se eu tivesse longe de Ti; só quando eu estou longe de Ti é que eu sou uma pessoa que não tem sorte. Mas se estou unido a Ti, eu sou a pessoa mais sortuda e feliz da face da terra, e eu quero dizer agora, Senhor: Nada vai me separar de Ti, Senhor, nenhum desejo, nenhuma enfermidade, dificuldade, problema, perseguição… Nada, Senhor, me separará de Ti. Tu permaneces o meu Senhor, meu Salvador e Redentor.

Obrigado, Senhor!
Amem! Aleluia!

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo