Aja entre vós o mesmo sentir e pensar

Padre Fabrício Andrade
Foto: Wesley Almeida/ Cancaonova.com

Quero convidar você a ouvir essa Palavra com uma disposição nova; que você a acolha para tirar proveito dela para sua vida: "E não lhes falava, a não ser em parábolas; a sós, porém, explicava tudo a seus discípulos".

À tarde daquele dia, disse-lhes: Passemos para o outro lado. Deixando o povo, levaram-no consigo na barca, assim como ele estava. Outras embarcações o escoltavam. Nisto surgiu uma grande tormenta e lançava as ondas dentro da barca, de modo que ela já se enchia de água. Jesus achava-se na popa, dormindo sobre um travesseiro. Eles acordaram-no e disseram-lhe: Mestre, não te importa que pereçamos? E ele, despertando, repreendeu o vento e disse ao mar: Silêncio! Cala-te! E cessou o vento e seguiu-se grande bonança. Ele disse-lhes: Como sois medrosos! Ainda não tendes fé? Eles ficaram penetrados de grande temor e cochichavam entre si: Quem é este, a quem até o vento e o mar obedecem? (Marcos 4,35).

É uma palavra muito conhecida. Essa tarde vamos falar dessa tempestade, esse fenômeno natural que tem matadoa muitas pessoas.

A tempestade mais perigosa é aquela que deixa os homens assustados, é aquela que acontece no 'coração'. Quantas vezes você já imprensou Jesus na parede e Lhe perguntou se Ele não olhava por você? Essa é a tempestade mais perigosa, pois acontece nos nossos pensamentos; e, mais cedo ou mais tarde, o nosso barco vai afundar. O resultado de tudo isso são os abalos das situações, quando as tensões do lado de fora já passaram para dentro do nosso coração.

Qual é a tempestade que você vive, aquela que você não consegue saltar para fora?

Um cristão que vive em tempestade desconfia de Deus, reza desconfiado. Estou falando com minha experiência de padre; existem muitos relacionamentos implodidos pelas tempestades, mas o barco da nossa vida sempre serão invadidos.

Quantos de nós já imprensaram Jesus na parede! Quantos, cheios de tempestades em seu coração, culparam as outras pessoas pelos seus tormentos!. Estou lhe convidando a tomar, nas suas mãos, as suas tempestades.

"Será que Deus não ouve as minhas orações? Onde está Ele que não me ajuda?" Já se fez essas perguntas? Já se sentiu abandonado por Deus? As pessoas ficam cegas e colocam a culpa nos outros; quem está na tempestade diz coisas que não gostaria de dizer, pois seus pensamentos estão desordenados. Essa é uma característica de pessoas que ficam no meio de uma tempestade. A pessoa, nessa situação, tem raiva de Deus.

Temporais nos sentimentos é difícil de lidar; aí dentro, é só você e Deus. Essa tempestade do lado de dentro é só sua e d'Ele.

Desejo que o Sistema de Comunicação Canção Nova seja uma forma de as pessoas se libertarem. Pense na sua tempestade, pense se você está se transformando em um temporal. Sua vida pode se afundar em tantas porcarias que o mundo lhe oferece – esse é mais um dos sentimentos de quem está enfrentando uma tormenta.

Senhor, que a Sua ordem alcance as nossas tempestades! Casais, o que está como uma pólvora em seu relacionamento? A casa estava maravilhosa, mas quando ele(a) chega, você pensa: "Acabou!". Estão como uma metralhadora, estão culpando as pessoas. Acalme-se, cale-se!

"Senhor, que a Sua ordem alcance as nossas tempestades!", afirma padre Fabrício.
Foto: Wesley Almeida/ Cancaonova.com

Perca sua esperança e qualquer tempestade o derrubará. Lembra-se daquela música: “A canoa virou, vou deixar ela virar”.. Se você não se acalmar, vai acontecer isso com você. A tempestade mais forte acontece em nosso coração, a que mais desestrutura a nossa situação é quando não sabemos falar, não sabemos acalmar.

Uma pessoa desorientada não consegue fazer nada. Se você se identifica com essa situação, reze. Pense nas tribulações que você tem passado: famílias desestruturadas, pessoas desempregadas, pessoas doentes. Peça que Deus aumente a sua fé para que você possa enxergar; peça que o Espírito Santo visite pessoas desesperadas, que o Senhor cure as que estão com pensamentos ruins.

A condução de Deus é essa: com o mar tranquilo, Ele vai acalmar você. Que aja paz nos seus sentimentos e nos seus pensamentos, que se faça a calmaria necessária.

Deus abençoe você!

Transcrição e Adaptação: Karina Aparecida


Padre Fabrício Andrade


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo