Amar, a melhor decisão

.: Ouça trecho desta pregação
Por que algumas pessoas iniciam a caminhada com muito \”gás\” na vida cristã, e com o tempo acabam esmorecendo? Hoje, quero falar sobre nossas emoções, nossos sentimentos.

Fazemos muitas coisas e nos esquecemos do principal que é o amor, a doação. A coisa mais bonita do mundo é se doar pelo outro. Isso dá uma grande satisfação para nossa alma e nos dá forças para caminhar. Sentimos que o amor de Deus está passando por nós, somos este canal que Ele quer usar.

Não podemos esquecer que o doar-se para o outro é o que dá sentido à vida. Quando olhamos para nós mesmos, ficamos tentando nos \”auto-ajudar\”. Eu não acredito em auto-ajuda, mas em ajuda do Alto.

Muitas vezes, a resposta para determinados sentimentos, que carregamos em nós, está em ir até o próximo. Quando ajudamos alguém, o amor está sendo exercitado, praticado.

\”A caridade é paciente, a caridade é bondosa. Não tem inveja. A caridade não é orgulhosa. Não é arrogante. Nem escandalosa. Não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não guarda rancor. Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade. Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta\”. (1 Cor 13, 4-7)

Quando acolhemos as pessoas com um sorriso, conseguimos conquistá-las. Isso acontece quando nos dispomos a ser o canal, por onde a graça de Deus vai passar. Então, o amor nos cura.

Sentimentos de orgulho podem vir sobre nós, mas precisamos sempre nos decidir pela humildade, pela simplicidade. A Bíblia não fala de sentimentos, mas de decisão. É preciso se decidir a amar.

Vemos o exemplo de madre Teresa de Calcutá, que cuidou dos pobres de uma maneira tão linda. Não foi fácil para ela se aproximar dos leprosos, isso foi fruto de uma decisão que ela tomou, de um passo corajoso que ela deu. Para fugir dos sentimentos ruins, que nos atacam, é preciso dar passos em direção ao amor. Para sair desses sentimentos negativos é preciso seguir em frente, independentemente do que nos acontecer.

Jesus teve Seus sentimentos, mas não Se deixou vencer por eles. O fato de lutar para que os sentimentos ruins não o assolem, trará ressurreição para sua vida e para os que estão ao seu lado. É hora de fazer uma opção pelo amor.

Madre Teresa disse a seguinte frase, quando recebeu o Prêmio Nobel da Paz: \”Jesus tem fome do teu amor\”. O Deus que me criou quer se alimentar do meu amor, quer saciar Sua sede com meu amor. Quando Jesus se encontrou com a samaritana, no poço de Jacó, diz a ela que tem sede. Hoje, Ele nos diz o mesmo. A fome e a sede de Jesus são fome e sede do meu e do seu amor.

Talvez, seja dentro de sua casa que você precisa \”matar esta fome\” de Deus, amando os seus, independentemente da situação em que vivem e estão.

João Paulo II disse: \”Eu encontrei respostas para todas as coisas do mundo no amor\”. Se você está sem resposta para os problemas de sua vida, saiba que elas estão no amor.

Transcrição e áudios: Claudenilson José
Fotos: Paulo Sérgio Casella


Adquira esta pregação em CD ou VHS,
na íntegra, pelo telefone: (12) 3186-2600


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo