América, sou teu Deus

Padre Roger Luís

Eu quero partilhar com você algo muito importante, que é o tema do nosso Encontro "América, sou teu Deus". Somos colonizados, o Brasil foi colonizado por Portugal e toda colonização que aconteceu nos outros países da América Latina, e o mais belo dessas colonizações foi o desejo dos colonizadores de implantar nessa terra a nossa fé católica, por isso a maioria de nossos países são católicos.

Precisamos louvar muito a Deus, porque Ele quis sempre ser o Deus da América, Deus escolheu o nosso continente para habitar aqui, Ele elegeu nosso continente para ser um lugar cristão, no poder da Eucaristia, da Palavra numa evangelização ousada. Deus escolheu a nossa terra, o nosso povo e nós precisamos assumir essa palavra. Nós precisamos assumir nossa história, nos dá essa garantia Ele habita esse lugar, precisamos proclamar todos os dias Deus habita a América Latina.

Nós somos um povo guerreiro, temos a força do alto sobre nós. Olhamos na nossa história e percebemos que ao passar dos anos conseguimos conquistar a independência de nossas nações. Nós conseguimos, tivemos essa força do alto para sermos o povo livre que somos. Por isso precisamos sair deste encontro com essa certeza, "América, Eu sou teu Deus".

Precisamos assumir algo que dizemos muito: "o brasileiro não desiste nunca". Mas eu tenho certeza que um paraguaio, um chileno, … nunca desiste de lutar, porque Deus é o Senhor do Chile, da Bolívia, do Equador, do Paraguai, do Peru, da Venezuela, … da América Latina inteira. Se queremos a bênção para nossa terra, temos que ser obedientes ao Senhor.

Precisamos assumir a obediência e o senhorio de Jesus em nossa vida. Preciso declarar que o Jesus é o Senhor da minha casa, da minha vida, da minha nação e assumir o compromisso de fidelidade de obediência a Deus a cada dia, a cada instante.

Obediência e fidelidade é a própria liberdade que o Senhor nos trouxe. Jesus nos trouxe essa libertação, essa capacidade de obedecer, pois Ele viveu a obediência em tudo. Ele é o exemplo de obediência, é a Ele que precisamos imitar. Jesus Cristo, o Senhor da América, o Senhor da minha casa.

Recebemos de Deus uma força para conquistar a independência das nossas nações, mas infinitamente maior é a libertação que Cristo conseguiu para nós na cruz. A cruz é força de vitória, ânimo para cada um de nós, não precisamos ter medo. Precisamos declarar "América, O Senhor é teu Deus". A vitória da cruz, a força da liberdade que Cristo veio trazer está sobre nós.

Encontro Latino-americano na Canção Nova
Foto: Maria Andrea/cancaonova.com

Porém, temos que estar atentos aos finais dos tempos, o Papa Bento XVI tem nos alertado, dizendo que hoje se implanta no mundo a ditadura do relativismo, não é a ditadura que lutamos pela libertação das nossas nações, mas ditadura do relativismo é aquela que penetra na nossa mentalidade e nas nossas atitudes, precisamos ter cuidado com esta ditadura que nos diz que não existe uma verdade absoluta. E quem é a verdade? Jesus disse "Eu sou o caminho, a verdade e a vida".

Precisamos assumir Jesus Cristo como nosso Senhor e salvador e estarmos atentos ao que o Papa tem dito. O documento de Aparecida diz que "a nossa América é o continente da esperança e do amor". Você faz parte, você é membro deste continente. E o que a Igreja tem dito nos finais dos tempos, que os colonizadores trouxeram para nós a fé católica, e nós que fomos colonizados precisamos levar a evangelização ao nossos colonizadores, para a Europa que está vivendo o ateísmo. A Igreja conta com você. Você é portador da esperança e do amor. Existe esse poder sobre ti é preciso que você assuma esse poder de Cristo sobre ti.

É diante disso que o Papa denuncia essa ditadura do relativismo, ele enviou um carta para os bispos do Brasil, porque na quaresma vivemos a Campanha da Fraternidade onde refletimos realidades da sociedade e este ano a CF trabalhou a preocupação da ecologia. E o papa Bento XVI disse ao bispos: "O homem só será capaz de respeitar as criaturas na medida em que tiver no seu espírito um sentido pleno da vida; caso contrário, será levado a desprezar-se a si mesmo e àquilo que o circunda, a não ter respeito pelo ambiente em que vive, pela criação. Por isso, a primeira ecologia a ser defendida é a "ecologia humana"".

Tu és um escolhido e precisa reagir. Estás disposto a assumir sua vocação? Não tenha medo do seu chamado, Deus conta contigo.

Transcrição e adaptação: Regiane Calixto

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo