Ao toque da trombeta

Padre José Augusto diante da Cruz
Foto: Wesley Almeida

Durante estes dias ouvimos pregações sobre mudança de vida, vida nova. E daí surge a pergunta: "Eu mudei de vida? E agora?"

'Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e novas terras, em que habita a justiça.' (II Pedro3, 14)

Mudamos de vida e agora aguardamos novos céus e a novas terras.

Deus nos criou para o lugar perfeito, o jardim do Éden, mas o homem em sua liberdade pecou e perdeu o paraíso.

"E fez o SENHOR Deus a Adão e à sua mulher túnicas de peles, e os vestiu. Então disse o SENHOR Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma e viva eternamente, O SENHOR Deus, pois, o lançou fora do jardim do Éden, para lavrar a terra de que fora tomado. E havendo lançado fora o homem, pôs querubins ao oriente do jardim do Éden, e uma espada inflamada que andava ao redor, para guardar o caminho da árvore da vida" (Gêneses 3, 21).

Nós fomos expulsos do paraíso porque erramos, mas Deus em sua infinita bondade nos abre a porta do paraíso mais uma vez, usando a morte de Jesus na cruz. O Pai nos amou tanto que nos devolveu o paraíso.

Não podemos acomodar, precisamos lutar pela vida nova
Foto: Wesley Almeida

Quando nós mudamos de vida passamos a esperar a promessa que uma nova terra e um novo céu surjam. Fazemos as coisas certas, lutamos contra o pecado porque estamos esperando um novo o céu e uma nova terra.

"Os quais lhes disseram: Homens galileus, por que estais olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi recebido em cima no céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir" (Atos dos Apóstolos 1,16). Jesus morreu, ressuscitou e voltará para buscar os eleitos. Jesus vem para buscar a todos, mas só irá com Ele quem já estiver vivendo a vida nova, por isso precisamos lutar.

Nós não somos os perfeitos, aqueles que não erram, somos de carne, temos nossas fraquezas e caímos. Mas não podemos nos acomodar com as nossas quedas, caímos, mas buscamos reconciliação, procuramos o sacramento da confissão.

Não podemos acomodar, precisamos lutar pela vida nova. Deus me deu a graça de aspirar o céu, e eu não tenho medo de aspirar o céu, e nem posso desistir do céu.

A vida nova começa quando reconhecemos os nossos pecados diante de Deus, e aí travamos uma luta.

São Paulo diz para aqueles que luta pelo céu: "Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor. Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras" (1 Tessalonicenses 4, 16-18). Essa é a promessa para os eleitos, para aqueles que têm a coragem de se decidirem por Deus.

'Lutemos pelo céu, vale a pena!'
Foto: Wesley Almeida


'E há corpos celestes e corpos terrestres, mas uma é a glória dos celestes e outra a dos terrestres. Assim também a ressurreição dentre os mortos. Semeia-se o corpo em corrupção; ressuscitará em incorrupção. E, assim como trouxemos a imagem do terreno, assim traremos também a imagem do celestial. '
(I Corintios 15; 40ss ) Lá na terra prometida teremos uma feição celeste, o nosso corpo terrestre não padecerá mais.

Não podemos ser pessoas que leem as escrituras, e vive com olhos aqui na terra, é muito pouco para nós cristãos. Precisamos olhar além das montanhas, precisamos olhar para o novo céu e a nova terra.

"Ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas" ( Apocalipse 21, 3-4). No novo céu e na nova terra não haverá morte, dor, luto.

"As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam"
(I Coríntios 2,9).
Lutemos pelo céu, vale a pena!

Transcrição e adaptação: Elcka Torres

Padre José Augusto dá dicas para se viver bem a Quaresma


ADQUIRA ESSA PREGAÇÃO PELO TELEFONE
(12) 3186-2600


Padre José Augusto


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo