Apóstolos da efusão do Espírito

Ouça: A RCC recebeu a graça de atualizar o Pentecostes

O Espírito Santo age no coração de cada pessoa, Ele conduz a Igreja e nós queremos pedir a abundância de seus dons. De que se trata este nosso encontro? Aqui acontecem eventos próprios da Renovação Carismática Católica (RCC), nós estamos vivendo os 40 anos desta erupção de graça que nosso Senhor suscitou na sua Igreja. Deus não abandona sua Igreja, jamais deixou de suscitar nela uma grande diversidade de dons.

Mas o Espírito Santo não é propriedade da RCC, Ele sopra onde quer. O Espírito faz algo maravilhoso porque vai plantando as sementes do Reino de Deus em todos recantos da terra. O Espírito Santo de Deus vai à nossa frente.

E qual é a graça própria da RCC? Ela tem, como próprio, o apostolado da efusão do Espírito Santo. Aqui e também pelos meios de comunicação, não podem se sentir bem pessoas que queiram ser apenas expectadoras. Uma pessoa que estiver aqui para nos analisar ou apenas por curiosidade, certamente, vai sentir-se mal. Aqui, ou se entra para viver ou a pessoa vai se sentir incomodada, se Deus quiser.

Nós somos homens e mulheres que precisam deste derramamento do Espírito. Se João Paulo II e depois Bento XVI retomou esta realidade da "nova primavera" na Igreja da qual fazemos parte, temos também a grave responsabilidade de sermos os atores deste tempo do Espírito.

Somos chamados, irmãos e irmãs, a viver estes dias em cenáculo. O que aconteceu no cenáculo? Jesus voltou para o céu e recomendou-lhes que permanecessem em oração, pedindo o dom do Espírito Santo.

Esteja aqui em espírito de oração – peça, suplique, ore, clame pelos dons do Espírito Santo para nós, para a Igreja, para o nosso tempo tão machucado – que precisa deste bálsamo do Espírito Santo. Em nossos momentos de oração, ponha toda a sua alma. No cenáculo se rezava e havia a presença de Maria, nós nos reunimos fortalecidos pela sua oração. João Paulo II observou que Maria continua a acompanhar a Igreja e suplica sobre ela o dom do Espírito Santo.

Quem estava no cenáculo? Os discípulos de Jesus, que fizeram a experiência do encontro com o Senhor. Escuto de muitas pessoas: “Eu fiz minha experiência de encontro pessoal com o Senhor na RCC”. Para este cenáculo, traga esta experiência.

O cenáculo se enche de discípulos e impressiona-me a diversidade daqueles homens e mulheres que se reuniram para esperar o Espírito Santo. Cada um venha com seus dons para partilhar e ajudar a construir a Igreja. Venha com o que o Senhor lhe concedeu, ninguém é maior que os outros, todos estamos em cenáculo. Dê de presente, neste altar, os dons que Deus lhe concedeu e até quero dizer – devolva tudo ao Senhor – para que, no final, Ele lhe entregue de novo em modo de missão.

Aqui se sentirá bem quem acolher os dons do Espírito e se dispuser a partir como missionário. Discípulos e missionários – duas palavras que vão ressoar por muito tempo na América Latina e no Caribe. Se a primeira leitura de hoje nos abria para a diversidade de dons na Igreja, quero firmar um compromisso de sairmos daqui como apóstolos do Espírito Santo.

Ouça: "Chamados a ser, na Igreja apóstolos da Efusão do Espírito"

Se eu lhes disse que aqui não se sentirão bem os que se portarem como expectadores, quero no sábado chamar a todos vocês de missionários e missionárias. Temos à nossa disposição um potencial de evangelização incalculável, temos nas mãos uma verdadeira bomba – maior do que todas que podem existir – e não é bomba que destrói. Trago no coração o desejo de que todos vocês, sem exceção, levem no coração esta certeza: “Eu [você] sou chamado a ser apóstolo do Espírito Santo, eu sou chamado a ser um sinal. Missionário nesta missão específica, sem desprezar todos os outros dons que nosso Senhor concede a sua Igreja”.

Eu desejaria que nós tivéssemos este santo orgulho dos dons que o Senhor nos concedeu, até porque eles não nos pertencem, são para o proveito da Igreja.
Deus quis recolher a história que você tem, – com todas as marcas – e deixar que a unção do Espírito o restaure e faça com que você seja este apóstolo nesta "nova primavera".

Transcrição: Tatiana Gomes
Fotos: Renan Félix
Áudio: Célia Grego

 


 ADQUIRA ESSA PREGAÇÃO PELO TELEFONE
(12) 3186-2600


Dom Alberto Taveira Corrêa


Arcebispo de Belém – PA

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo