Aprendamos com Maria a escutar ao Senhor

Padre Delton Filho
Foto: Arquivo/Fotos CN

Nós precisamos ter sede de vida nova, pois todos nós temos problemas, mas não devemos parar neles: que Deus toque os nossos corações.

Nós encontramos no evangelho de hoje, um escriba que se aproxima do Senhor. Nós assim como ele, somos convidados a estar com o Senhor, estamos em retiro! Aquele homem queria buscar o sentido da vida, assim como nós..

Qual é o maior de todos os mandamentos? Amar a Deus sobre todas as coisas. No evangelho de hoje, vimos que o Senhor nos chama a ouvi-lo, pois antes de chegar ao coração, tudo passa pelo ouvido. Deus é Palavra, e se apresenta a nós como Palavra, Ele quer nos ensinar a amar, mas antes aprendamos a ouvir melhor.

No livro dos Gênesis, vemos Eva que caminhando pelo Jardim, perto do lugar onde o Senhor lhe havia proibido de estar, ao se aproximar da serpente, que a chamou e portanto ela precisou “ouvir”, a serpente começou a convencer a Eva, logo após ela ter “escutado” a serpente, caiu em pecado.

Tempos mais tarde, uma outra mulher chamada Maria, foi apresentada a um anjo. Perceba que na época de Eva, foi um anjo mal que se apresentou a ela. Já a Nossa Senhora, o anjo do Senhor falou com Maria e portanto ela se permitiu “ouvir” aquela saudação que vinha de Deus. Maria soube ouvir!

Jesus, estando no seio de Maria, percebeu aquela saudação do anjo, pois quando um bebê está no ventre, o seu sentido auditivo está bem aguçado. Meus irmãos, como está a sua audição espiritual, o que você tem ouvido? O senhor está continuamente nos falando. Existem coisas que adoecem a nossa audição. O anúncio do evangelho se dá pela Palavra, por isso estejamos sempre atentos a ouvi-la.

Quem aprendeu a escutar a Deus, coloca-o como o centro da sua vida! “Seja o centro, seja tudo em meu coração, Senhor!” Depois que o ouvido recebe corretamente, o coração entende.

"Uma mulher com a feminilidade curada, resgata o marido!"
Foto: Arquivo/Fotos CN


É interessante que a pessoa que aprendeu a escutar a Deus, sabe discernir as vozes interiores. A primeira coisa para Deus estar no centro é deixar que a voz dele chegue de forma natural em seu coração.

Madre Tereza de Calcutá, tinha o costume de fazer seis horas de adoração por dia e sobre isso ela disse uma vez: “Se eu não adoro este tanto, não encontrarei Jesus nos pobres com os quais eu convivo”. Perceba que muitas pessoas na época da Madre, corriam até ela: saiam extasiados, e porque isso acontecia? Porque ela encontrou o lugar de Jesus em sua vida: o centro. Ela aprendeu a ouvir a Deus, por isso ela buscava sempre uma vida de interioridade. O Senhor que resgatar, por este evangelho, o valor da pureza! Pureza, não é só evitar o pecado do sexto mandamento, mas é ser inteiro com as pessoas. O impureza divide, a pureza nos une.

Amados, sejamos obedientes a Deus. Busquemos escutar ao Senhor, para que sejamos curados, porque com o interior arrumado, podemos amar os irmãos, ame aos mais difíceis da sua família! Ame seus filhos: quem é amado sempre volta, só quem é amado se converte e pode mudar. Não podemos experimentar a Deus sem antes, amá-lo.

Quem não sabe amar, torna-se escravizado pela falta de amor. A pessoa que é mal amada é possessiva, deprimida. Como está a saúde da sua feminilidade? Uma mulher com a feminilidade curada, resgata o marido!

Saiba dar a Deus o que é de Deus. Peçamos ao Senhor que nos ajude e nos cure!

Transcrição e adaptação: Luana Oliveira


Padre Delton Filho


Sacerdote da Comunidade Coração Fiel

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo