Cantemos uma canção nova!

Padre Arlon Cristian
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com
Santa Cecília fez um compromisso de fidelidade a Deus, diante do qual fez o voto de viver a castidade. Naquela época, era comum as famílias escolherem um marido para suas filhas, mas, por conta do voto que tinha feito ao Senhor, deseja viver a castidade. Ao se encontrar com aquele que seria seu esposo, Valeriano, disse-lhe que um anjo havia aparecido a ela e pedido que vivesse a castidade. Valeriano disse que só iria acreditar nessa afirmação se o anjo aparecesse também para ele como havia aparecido para ela. Um tempo depois, seu esposo acaba sendo morto em uma expedição.

A pedido do imperador, ela é obrigada a adorar a outros deuses, mas não aceita e, de forma ousada, começa cantar diante de todos os presentes. O imperador, irado com ela, ordena que a matem arrancando-lhe a cabeça. No entanto, por três vezes não conseguem separar a cabeça do corpo.

No Evangelho de hoje, Jesus contempla e chora sobre Jerusalém, mesmo tendo, um dia antes, entrado de maneira honrosa naquela cidade. Olhando para os judeus, Ele chora, porque eles não compreenderam a Palavra que o Senhor veio lhes trazer, pois para os judeus “a verdade estava escondida atrás de seus olhos”. O verbo esconder que dizer “estar atrás de” e isso acontece comigo e com você, pois, todas às vezes que nos escondemos atrás de nossos pecados, o Senhor chora, pois não desiste de nós!

“Dias virão em que os inimigos farão trincheiras contra ti e te cercarão de todos os lados. Eles esmagarão a ti e a teus filhos. E não deixarão em ti pedra sobre pedra. Porque tu não reconheceste o tempo em que foste visitada” (Lc 19,43-44). Este fato, que acontece um dia depois da entrada de Jesus em Jerusalém, é o cumprimento da profecia; e nós, muitas vezes, damos continuidade a isso, pois não acreditamos naquilo que o Senhor quer e espera de nós, então caímos no descrédito!

Jesus está em nosso barco. Ele pode estar dormindo, mas confie, pois Ele está no barco da sua vida. Ele não o abandona! Confie que, mesmo diante das dificuldades, Cristo permanece contigo. Jesus chora, porque o povo não O reconheceu, pois não eram íntimo d'Ele. Muitas vezes, falta intimidade para Deus agir em nossa vida. Muitas vezes, usamos o Senhor apenas para cumprir nossas vontades, como um negociador, como um mercado de troca.

"Músicos, vejam Santa Cecília, ela é a nossa padroeira, mas era mártir."
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com


Falta-nos intimidade com Deus, falta-nos adoração ao Santíssimo. Músicos, vejam Santa Cecília, ela é a nossa padroeira, mas era mártir. Ela é padroeira dos músicos, pois era íntima de Deus. Um bom músico é íntimo do Senhor. Um exemplo é bem significativo 
para nós. Anos atrás, um seminarista chamado Jonas disse: “Senhor, se a música é importante para mim, eis-me aqui.” E desse “sim”, queridos irmãos, nasceu a Canção Nova! Nós somos Canção Nova, porque ele foi íntimo de Deus. 


A graça do Senhor é como um líquido que precisa de um recipiente, pois, quando não há recipiente, o líquido cai no chão. O recipiente segura o líquido. A graça de Deus precisa estar dentro de você, e não se pode deixá-la fugir. Não permita que esse líquido evapore. Você precisa mudar, e a graça está dentro de você.

O dia hoje precisa ser o primeiro do resto dos dias da sua vida. Você precisa ser diferente, portanto, deixe a água entrar na sua vida e transformá-lo.

Mesmo que não tenhamos o dom de cantar ou de tocar algum instrumento, hoje eu e você somos convidados a cantar uma canção nova! E de que maneira isso irá acontecer? Com a força do Espírito Santo!

Santa Cecília era íntima de Deus e repleta do Espírito Santo. Não tenha medo de pedir o dom que vem do alto e lhe permite mudar de vida. Cante de maneira nova!


Padre Arlon Cristian


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo