Chamados a pregar o Evangelho

Padre André
Foto: Célia Grego

Ouça na íntegra essa homilia

Quando nós estamos sofrendo, muitas vezes, bate em nosso coração a falta de esperança, desânimo. Vemos o sol brilhando, mas parece que tudo vai perdendo o sabor. Percebemos que somos muitos fracos, sentimos que a nossa vida não tem a mesma força, a mesma vitalidade. O que fazer? O salmista nos fala: “Louvai ao Senhor, louvai a Deus porque ele é bom e conforta os corações” (Salmo 146).

Se acreditarmos em Deus, Ele irá transformar nosso sofrimento em esperança. Deus vai nos encher de esperança, e pelo Seu Espírito, Ele vai nos confortar. Nós não podemos colocar nossa confiança somente neste mundo, ninguém aqui é eterno. fala que nossa vida aqui na terra passa rápido.

São Paulo dizia que não pregava para ter sucesso, mas a sua glória era que o Senhor fosse conhecido e todos buscassem o verdadeiro Deus. E ele fala: “Ai de mim se não pregar o Evangelho” (1º Coríntios 9,16). Ai de nós se não pregarmos o Evangelho. Ai de nós se não testemunharmos com a nossa vida que Jesus Cristo está vivo. Nós temos que ser como São Paulo, ter a necessidade de falar de Deus, não podemos ficar insensíveis, parados, dizendo que não sabemos falar. Fale com sua vida, com seus gestos, com o perdão, com sua oração, sendo homem e mulher de esperança.

No Evangelho Deus mostra seu cuidado conosco. Jesus cura a sogra de Pedro e ela se põe a servir, quando Jesus te curar a sua postura deve ser de levantar e se colocar a serviço.

"Somos chamados a viver como homens e mulheres da Palavra"
Foto: Célia Grego

Por que Jesus tinha autoridade em sua pregação? Porque Ele era coerente. Os doutores da lei não tinham essa autoridade, e a autoridade de Jesus estava na obediência e comunhão com o Pai.

Jesus foi para o deserto rezar, falar com Pai para realizar a obra do Pai. Por isso cada devemos orar e buscar a comunhão na mesa da Palavra e da Eucaristia. A Palavra vai nos ensinar o que comungamos e a comunhão vai nos dar o próprio Cristo que nos ensina a Palavra, o Pão da Vida. Por isso temos comunhão e comunidade, somos adoradores. Cada um de nós somos chamados a viver como homens e mulheres da Palavra. Precisamos dar razão a nossa fé e conhecer o que comungamos.

Depois que curou a sogra de Pedro Jesus foi para diante do povo, e ali curou muitas pessoas e as libertou do demônio. Peça ao Senhor a graça de não parar em seu sofrimento, peça a Ele que te faça uma testemunha nova.


Padre André Luiz Gregório


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo