Contemplar o Senhor em Suas obras

Laércio Oliveira
Foto: Wesley Almeida

“É belo louvar o SENHOR e cantar a teu nome, ó Altíssimo, anunciar de manhã o teu amor, e tua fidelidade durante a noite, na harpa de dez cordas e na lira, com cânticos na cítara. Porque me alegras, SENHOR, com tuas maravilhas, exulto com as obras de tuas mãos. Como são grandes tuas obras, SENHOR, quão profundos os teus pensamentos! O homem insensato não compreende isto, o imbecil não entende” (Salmo 92, 2-7).

Quem não conhece a fidelidade do Senhor, tem como cantar o amor do Senhor? Não, se fizer isso, o fará da boca para fora.

Um dia, Jesus chegou e nossos olhos se abriram e começamos a enxergar; quem não percebia nada ao seu redor, passou a enxergar porque começou a conhecer a Deus.

Porque me alegras, SENHOR, com tuas maravilhas, exulto com as obras de tuas mãos (Salmo 92, 5).

O que você acha bonito na criação de Deus? Eu amo o mar, gosto demais da praia; existem pessoas que gostam do céu azul, e ao contemplar esse amor, nós nos acalmamos e nos apaixonamos [por toda a criação de Deus]. É preciso parar! A nossa vida vai ficando amarga e azeda, porque não paramos mais para ver a vida e para passear. Precisamos caminhar, abrir a janela e olhar o céu (no inverno o céu é mais lindo e o luar é maravilhoso!), rezar e contemplar.

O coração humano tem sede de amor. Não podemos correr o risco de, diante do Amor, não nos apaixonar e seguir uma vida normal. Nossa vida tem que ser uma vida apaixonada! A vida do salmista é uma vida apaixonada, a vida de quem tem Deus precisa ser cheia de amor.

"O homem insensato não compreende isto, o imbecil não entende”
(Salmo 92,7). Quando Deus entra na nossa vida, seguramente conseguimos compreender mais as pessoas, nosso coração se compadece delas, não conseguimos passar indiferentes por elas, sem olhar para as necessidades dos outros. O Senhor muda nosso coração; no entanto, o imbecil nada compreende, como afirma essa passagem bíblica.

E eu – como homem de Deus – tenho entendido isso? Você tem entendido isso?

Laércio Oliveira
Foto: Wesley Almeida

Como não me apaixonar pelas obras do Senhor? Como ficar cego novamente? Quantas vezes, Deus age por intermédio dos irmãos. Quantas vezes, nós temos uma visita do Senhor quando não esperamos… Um certo dia, uma samaritana estava ao lado de um poço e Jesus a visitou pedindo-lhe água e ela perguntou-Lhe como Ele, sendo judeu, pedia água a ela. E “Respondeu-lhe Jesus: Se conhecesses o dom de Deus, e quem é que te diz: Dá-me de beber, certamente lhe pedirias tu mesma e ele te daria uma água viva” (João 4, 10). Essa mulher foi visitada pelo Senhor sem saber quem Ele era.

Se você quer um rio de água viva é preciso contemplar; essa atitude de parar e contemplar é a atitude do encontro: vemos o Senhor numa noite de luar, num irmão que trabalha, na Palavra de Deus; é preciso procurá-Lo para encontrá-Lo.
Quando paramos e nos voltamos para o Altíssimo nas Suas manifestações, nós não estamos somente olhando uma árvore, uma lua, um trabalhador, estamos olhando para Deus escondido, olhamos para o Senhor de maneira tão simples e voltamos para aquele momento simples em que Ele abriu nossos olhos, voltamos o coração para o Criador, para Aquele que está escondido.

Quando contemplamos, voltamos a enxergar, a nos acalmar, a nos apaixonar pelo Deus escondido; não estamos somente olhando para alguma coisa, estamos nos enchendo de uma Presença doce. Por isso, somos chamados à contemplação, quando um passarinho canta é Deus me pedindo atenção; o Senhor está escondido pertinho de nós.

Onde foi que Deus o visitou? Quais foram os lugares em que Ele falou com você? Nesses momentos, seus olhos se abriram de maneira diferente, talvez o Altíssimo tenha lhe falado por intermédio de um irmão, de uma música, de um abraço, de um encontro. Quais foram os momentos em que o Senhor o visitou?

Laércio Oliveira
Foto: Wesley Almeida

Aí está a fonte de nossa espiritualidade, pois o Senhor fala conosco na língua que entendemos, fala de maneira eficaz e profunda, atingindo nosso coração.

Quais são as coisas que você está precisando fazer para voltar a contemplá-Lo? É preciso saborear nossa vida, reconhecer as bênçãos divinas em nossa vida.
O mundo está invertido e agitado, porque estamos jogando fora os valores; por isso estamos correndo o risco de que os filhos de Deus sejam imbecis que não entendem nada, como foi meditado na passagem bíblica.

Cuidado para você não se tornar um cego e um surdo diante das coisas de Deus e se tornar um imbecil que nada entende! Ore ao Senhor: “Faz de mim, Senhor, um apaixonado! Espírito Santo, dá-me olhos espirituais, para que eu possa Te escutar e para que eu possa contemplar as obras do Senhor”.

Transcrição e Adaptação: Regiane Calixto


Laércio Oliveira


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo