De volta ao coração do Pai

OUÇA NA ÍNTEGRA ESTA HOMILIA


Ouça Salmo 33 cantado por Cadu
"Provai e vede quão suave é o Senhor"

Esta é a nossa história, que é a mesma do filho pródigo. E veja por que Jesus contou essa parábola tão linda, porque os chefes de Israel comentavam de maneira escandalizada e apontava o dedo para Ele, dizendo: "Este homem acolhe os pecadores. Esse que realiza milagres e prodígios acolhe pecadores e faz refeição com eles".
Um judeu nunca comia com um inimigo, ou ia à casa de pecadores e comia com eles. Por isso, eles se questionavam: "Como esse homem pode ser bom se acolhe pecadores e faz refeição com eles?"

Nós podemos dizer o contrário, ou seja, é justamente porque Jesus acolhe os pecadores e faz refeição com eles, pregando que é bom fazer isso, e operando maravilhas, que o Senhor nos revela que é bom. Acolher os pecadores é muito mais que qualquer cura que Ele fez e faz.

Acolher a pessoa na situação em que estiver e buscar ser íntimo dela é a maior maravilha que Jesus faz. Quando Ele mostra, na essência, a Sua misericórdia e acolhe os pecadores, tornando-se íntimo deles, Ele opera a maior maravilha.

É como se houvesse apenas uma membrana nos separando de Deus, e nós não nos "molhamos" embora mergulhemos, porque ela [membrana] não permite.
O pai do filho pródigo disse: "Esse meu filho estava morto e viveu, estava perdido e foi encontrado". Quem sabe há gente muito íntima sua, próxima, que é considerado um "perdidão" e a gente quer que se converta, mas não consegue porque está com essa membrana e não mergulha na misericórdia de Deus.

É muito pior a morte da alma e espírito. Se você acha difícil deixar certas situações, o Pai está esperando por você. Não tenha receio, o Senhor está na sua mira. Não por mal, mas por bem porque Ele o ama e quer alvejar você com a sua misericórdia. Ele quer atingir você com seu amor e sua misericórdia, e quando você menos esperar Ele vai pegá-lo.

Fale para o Senhor: "Pega-me logo, Senhor, eu preciso ser pego por Ti, senão eu não consigo chegar".

A segunda leitura de hoje diz: “Todo aquele que está em Cristo é uma nova criatura. Passou o que era velho; eis que tudo se fez novo”! (II Coríntios 5, 17ss).

Na hora em que o coração pára, no primeiro momento, o médico diz: "Não há mais esperança", mas quando este faz o processo de ressuscitar, o coração volta a bater, tudo se fez novo, o que era perdido volta à vida.

Você não quer dar essa alegria para o Senhor hoje? Dê a Ele essa alegria agora. Todo aquele que está em Cristo é uma nova criatura, é só mergulhar na misericórdia d'Ele.

Não negue Jesus, mesmo que você tenha deitado ou rolado no "produto do búfalo" e está sujo para valer, se você mergulhar na misericórdia do Senhor sairá limpinho, dê essa alegria para Ele. No estado em que você está hoje, mergulhe. É só você mergulhar que já sai do outro lado limpinho.

“Aquele que não conheceu o pecado, Deus o fez pecado por nós, para que nele nós nos tornássemos justiça de Deus” (II Coríntios 5, 21).

Jesus passou por várias situações de tentação, mas Ele não pecou. Todo esse "produto do búfalo" foi jogado em Jesus, até mesmo na boca, Jesus ficou pesado no alto da cruz, porque o Pai O sobrecarregou com todos os nossos pecados. É por isso que se torna fácil eu mergulhar na misericórdia divina, porque Jesus se sujou com nossos pecados.

Não receba a graça de Deus em vão. O Senhor é sempre misericórdia, é só você se decidir e mergulhar nela.
Agora é o dia da salvação, eu quero mergulhar, Senhor, na tua misericórdia.

Ouça oração com Diácono Philippe Madre

Transcrição:Willieny Isaias
Fotos: Natalino Ueda

 


Adquira esta pregação pelo telefone
(12) 3186 2600


Monsenhor Jonas Abib


Fundador da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo