Deixa Jesus te encontrar

Padre Adriano Zandoná
Foto: Wesley Almeida
Deus é dinâmico, Ele vive em constante movimento. Jamais você verá um Deus estático. A fé vem da escuta, e se você estiver pronto para ouvir nesta tarde o que Nosso Senhor tem para te dizer, Ele trará novidades para sua vida.

É desafiador existirmos com qualidade, sermos formadores no nosso próprio lar e renegar tudo que há de ruim nesse mundo. Principalmente no mundo que vivemos hoje, é um desafio cada vez maior educar nossos filhos.

A realidade é muito difícil, pois enquanto tentamos plantar a semente de Deus nos corações da nossa criança, o mundo tenta transformá-los em terras inférteis.

Hoje, mais de 100 milhões de pessoas no Brasil são afetadas, direta ou indiretamente, pelos males que os vícios trazem para nossas vidas. Mas esse é um cenário ao qual não devemos nos acomodar, pois não é a fuga que cura o homem, mas o aceitar da situação e amadurecer com ela.

Deus nos deu a liberdade, para que fosse possível fazermos a construção da nossa vida. Cabe a nós continuar escolhendo pela companhia d'Ele em nossa vida. A sobriedade não é um presente de Deus, é uma conquista diária.

Diante dos problemas, geralmente, nos fragmentamos e, com isso, a família também é dividida por uma série de acusações. Dificilmente aceitamos a nossa parcela de culpa, é muito mais fácil e comodo colocar a responsabilidade em pessoas próximas a nós. Mas precisamos entender que, sem aceitar a nossa situação, a restauração se faz impossível.

As pessoas que menos merecem um ato de carinho ou amor são as que mais precisam. E Jesus sempre foi muito amável com essas pessoas, assim como foi com Zaqueu, que, apesar dos erros e da dependência pelo dinheiro, foi curado e acolhido.

O vazio que trazemos no coração, muitas vezes buscamos preencher com vícios, e são esses mesmos vícios que nos afastam cada vez mais de Deus. Precisamos entender que esse vazio só pode ser preenchido por aquilo que Jesus nos oferece.

"A sobriedade não é um presente de Deus, é uma conquista." Padre Zandoná
Foto: Wesley Almeida

O vício rouba nossa dignidade e nos entrega a um mundo degenerado. Cada vez ficamos mais baixos e insignificantes, assim como Zaqueu, que precisou subir a árvore para poder olhar Jesus.

Hoje, Deus te convida para uma festa nova, onde não precisará mais rastejar junto aos porcos para dividir a lavagem, ou usar vestes velhas. Jesus hoje te espera com um banquete posto, roupas novas e um anel o bom filho que retorna.

Não existe sobriedade sem esforço, e o esforço que você precisa hoje é subir na árvore, assim como Zaqueu. É essa a tarefa que Ele pede para você, pois se for capaz de fazer isso, acredite, Jesus fará o restante. Ele veio justamente para resgatar o que estava perdido.

Tome hoje a decisão definitiva e escolha por Deus. Decida lutar pelo seu vício, porque o primeiro passo para a sobriedade precisa partir de você. Se você realmente quer isso, nem mesmo o diabo será capaz de impedi-lo. Você foi criado para ser filho de Deus, resgate a sua dignidade hoje, pois o Pai te espera de braços abertos.

 
Transcrição e adaptação: Gustavo Souza


Padre Adriano Zandoná


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo