Deixo-vos a minha paz

Diácono Nelsinho Corrêa
Foto: Regiane Calixto
Você não pode mostrar só com palavras que é de Deus, mas sim, e, principalmente, com ações. Cristo é a nossa paz! Parece que quem quer falar de paz, neste mundo tão desigual de hoje, é louco e sonhador. O noticiário só nos mostra violência.

Mas Jesus vai dizer em São João 14, 27-28:

“Deixo-vos a paz, dou-vos a minha paz. Não vo-la dou como o mundo a dá. Não se perturbe o vosso coração, nem se atemorize! Ouvistes que eu vos disse: Vou e volto a vós. Se me amardes, certamente haveis de alegrar-vos, que vou para junto do Pai, porque o Pai é maior do que eu”.

A paz de Jesus é diferente da do mundo, que é a da acomodação. Ela não é a que as drogas e a bebida dizem oferecer. Para experimentar a paz de Cristo, muitas vezes, temos de nos humilhar, pedir desculpas para o marido, para os filhos, para o vizinho, para os amigos…

Já existe raiva de mais no mundo para você desperdiçar a sua vida brigando com os outros; ame que é muito melhor!
Foto: Regiane Calixto

O conceito de paz das pessoas é a de comodidade, de tranquilidade. O engraçado é que a paz de Deus é totalmente o contrário, pois ela nos incomoda. A paz do Senhor só vira para a sua vida quando você fizer o bem e perdoar. O Pai não nos fez para o ódio nem para a mágoa.

Já existe raiva de mais no mundo para você desperdiçar a sua vida brigando com os outros; ame que é muito melhor! A paz não é o lugar em que a gente está, mas sim o nosso estado de espírito. Deixe Deus envolver você.


ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE (12) 3186 2600


Diácono Nelsinho Corrêa


Cantor e Missionário da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo